Os Signos do Zodíaco e o Amor- Capricórnio, Pragmatismo e Responsabilidade Familiar

 

Características Gerais da Personalidade de Capricórnio

Capricórnio é o signo menos romântico do Zodíaco, este é o primeiro facto a constatar. Nunca age por impulso e não coloca os aspetos da sua vida emocional na primeira linha daquilo que  mais deseja  alcançar na vida. E, embora isto seja verdade e vejamos estes  nativos a fazer cálculos e planos de longo prazo ,decidindo friamente  e fazendo escolhas movidos mais por critérios materiais  , colocando o  desejo de  sucesso que  querem alcançar na carreira  em primeiro plano, estas pessoas não são felizes se não tiverem um suporte emocional e afetivo  permanente.
 
Os homens e mulheres  com o Sol,o Ascendente, a Lua ou muitos planetas no signo Capricórnio são muito ambiciosos e têm sempre planos estruturados para o futuro. Sabem o que querem alcançar e nada nem ninguém consegue mudar-lhes o rumo que eles previamente decidiram. São muito controlados emocionalmente, podendo mesmo considerar-se que exercem uma forte repressão em relação à sua vida emocional. Estas pessoas são firmes e seguras de si, revelando ter um controlo total sobre si próprios em qualquer situação. Possuem uma personalidade forte  e uma atitude geral que é de distanciamento e mesmo  de frieza, passando muitas vezes por sobranceria e arrogância. Porém, a sua presença de espírito é uma mais valia sempre que é preciso atuar numa situação difícil e os outros tendem a confiar neles devido à calma e serenidade com que enfrentam o perigo ou algum desafio, sendo por isso  excelentes gestores e diretores de qualquer empresa ou serviço.
 
Estas pessoas  estão dispostas a trabalhar duramente para realizar os seus sonhos e ambições  e o trabalho é a sua primeira preocupação e interesse fundamental: a diversão, o amor e os amigos/família ficam em segundo plano – eles  podem deixar tudo para acorrer a uma situação qualquer de emergência relacionada com o trabalho ou com a carreira. Normalmente, estas pessoas atingem sempre o sucesso  na vida, embora este possa ter dimensões diferentes relacionadas com o background de partida . Porém, os seus esforços determinados e persistentes atingem   um patamar que lhes permite sentirem-se orgulhosos de si próprios e das suas realizações. Não são pessoas de «sorte» mas são pessoas que vencem por mérito próprio e pelo trabalho que desenvolvem.
 
O temperamento dos nativos de Capricórnio é cauteloso por natureza, detestam correr riscos ou entrar em «aventuras». Gostam de percorrer caminhos bem conhecidos e já testados. Estes nativos são também muito sensíveis aos deveres e responsabilidades, tendo uma postura madura e séria desde cedo na vida. Afastam-se naturalmente de todos os que têm uma abordagem frívola ou demasiado «brincalhona» da vida , e que não lhes merecem qualquer consideração. Estas pessoas não são, por isso, dadas a grandes diversões e são vistas por muitos como  aborrecidas, viciadas em trabalho e pouco sociáveis. Este é um signo tradicionalista e que dá muita importância aos costumes e segue as  convenções sociais, pelos menos na aparência (pois não é raro Capricórnio ter alguma duplicidade entre a sua vida pública e a privada).
 

Os Nativos de Capricórnio e o Amor

Se você está apaixonado/a por um nativo de Capricórnio, saiba que, a menos que essa pessoa tenha outros signos de Fogo ou de Água fortes no horóscopo, ele/ela não tem  grande sentido poético nem é particularmente romântico/a.  E prepare-se, porque as pessoas de Capricórnio não se comprometem facilmente com alguém, muito menos devido a impulsos de «paixão»: para estas pessoas, o casamento e a família são mais importantes do que o «amor» ou a paixão: para se integrarem na sociedade, estas pessoas precisam   de  uma família que possam mostrar como parte da sua imagem pública e que lhes dê o enquadramento de respeitabilidade necessário para uma imagem pública positiva e aceite.
Capricórnio pode apaixonar-se por alguém que considera inadequado para parceiro de vida e , nesse caso, não pensa em casar com ele(ela):  alguém que se mostra ligeiro, imaturo, inconstante ou  pouco convencional não serve para companheiro de vida de longa duração para estes nativos; ao contrário, alguém que se mostra sério e reservado, trabalhador, discreto, maduro, ambicioso o suficiente para apoiar os sonhos do parceiro de Capricórnio, terá mais hipóteses  de agarrar uma pessoa deste signo.
As pessoas do signo Capricórnio têm muita dificuldade em assumir as emoções e os sentimentos de forma clara e direta. As emoções  são uma fraqueza que eles dificilmente permitem que controle a sua vida e resistem bastante a admitir que precisam do amor de alguém para se sentirem felizes. Psiquicamente, existe um corte entre a racionalidade independente destas pessoas e as suas necessidades emocionais que eles gostam de ignorar ou de fingir que não existem. A nível profundo, os nativos de Capricórnio sentem-se embaraçados e algo humilhados quando os sentimentos os traem e os fazem sentir dependentes de uma outra pessoa e podem levar bastante tempo  a admitir isso de forma honesta perante si próprios. A tendência habitual é para quererem assumir o controlo  insistindo em que «não precisam de ninguém».
Esta necessidade de não permitir que outra pessoa «faça alterações na estrutura da sua maneira de ser» faz com que muitas vezes casem com alguém que conhecem desde há muito tempo e que lhes oferece a confiança de poderem manter o seu mundo interior intacto e não ameaçado. Os nativos de Capricórnio podem por isso casar por razões que nada têm a ver com o amor:  a aquisição de riqueza e de status ou a melhoria substancial das suas condições de vida é uma razão bastante mais plausível.
Não se pense, no entanto, que os nativos de Capricórnio têm alguma coisa contra o casamento: este é um signo muito conservador que gosta de viver a sua vida num enquadramento social perfeitamente tradicional respeitando a ordem vigente e  o casamento é uma instituição básica da sociedade tradicional e o suporte da família, unidade básica da vida em sociedade. Ora,Capricórnio deseja integrar-se de modo perfeito na vida social  e, para ele, a família é um bem que ele valoriza enormemente. É através da família que ele estrutura a sua vida e o seu futuro, tanto a família de onde vem como aquela que ele quer construir por si.
As mulheres e homens de Capricórnio  têm uma abordagem «séria» da vida. Assumem naturalmente muitas responsabilidades e deveres de que outros procuram escapar e não é raro vê-los a adiar o casamento para prestarem assistência à família, não descurando nunca aquilo que consideram ser o seu dever.  Por isso, qualquer candidato(a) a parceiro de vida deve ser admitido no seio da família e bem enquadrado nela, caso contrário não terá hipóteses de ser escolhido para parceiro de casamento.
Habitualmente , os nativos de Capricórnio mantêm a compostura, não se deixando ir atrás de paixões súbitas ou de impulsos passageiros: estão sempre a fazer cálculos do tipo «prós e contras», «ganhos e perdas», «vantagens e desvantagens» e colocam sempre os objetivos de longo termo ou a segurança material e profissional em primeiro lugar. Isto não significa que não sejam capazes de comportamentos apaixonados mas, nas raras ocasiões em que se deixam mover pelas emoções,  depressa regressam ao estado habitual entre o protetor e o  distante ou eficiente executor do seu plano de vida.
Os nativos de Capricórnio– pelo menos alguns deles- podem trair o parceiro num desses momentos que eles descartam logo a seguir- quando isso não compromete a sua estrutura de vida. Mas,, para eles a imagem  pública é tudo  e não arriscam perder a reputação de pessoas «sérias» e responsáveis e nunca abandonam o casamento para entrar numa relação temporária. Capricórnio vai construindo a sua vida, centímetro a centímetro, dando vida a todos os seus objetivos e ambições e, se o amor súbito se interpõe no seu caminho e eles se apaixonam como nunca lhes aconteceu antes, isso não dura mais do que o tempo que eles levam a pesar os custos que esse impulso lhes pode causar e recuam de imediato, deixando para trás esse momento de indiscrição  e de loucura  como se este nunca tivesse acontecido.
Estas pessoas são guardiãs da sociedade e dos «bons costumes»  e podem ser bastante hipócritas de vez em quando, protegendo a sua imagem pública e tendo uma vida secreta  que só eles conhecem, onde se permitem experienciar tudo o que não podem admitir a plena luz porque lhes traria prejuízos irreparáveis ao nível da reputação e da aceitação social.
Se você está decidido(a) a  conquistar uma pessoa deste signo prepare-se para não ter grandes demonstrações públicas de afeto , nem muitos presentes nem expressões exuberantes do seu sentir. Mas, em alternativa, saberá que essa pessoa estará presente para proteger e apoiar, mesmo sem grandes palavras, será leal na maior parte das vezes  e encarará o casamento como  uma sociedade de  investimento em que coloca muito do seu esforço pessoal a caminho do  sucesso que ele sempre quis alcançar. Uma parceria de vida para compor a imagem de homem/mulher que conseguiu o que queria da vida e que merece ser admirado/a pela sociedade, não se cansando por isso de exibir a família como um merecido troféu pelo qual lutou e que conquistou.
 
 

Compatibilidade Amorosa de Capricórnio com os outros Signos

Não é fácil determinar a compatibilidade com este signo porque os objetivos dos nativos vão muito para além da simples expressão afetiva. Para Capricórnio tudo na vida é fruto do trabalho e o casamento e o amor não são exceção por isso, todos os signos que se dão bem com Capricórnio no plano do trabalho e da profissão são uma boa escolha para a parceria do casamento (a paixão é sempre coisa de momento e que não tem realidade duradoura na vida destas pessoas).
Os signos de Terra, Virgem  e Touro , sobretudo Virgem podem  ser uma boa aposta  pois partilham a inteligência prática e a necessidade de segurança material bem como o interesse pelo trabalho que é essencial para os nativos de Capricórnio;
Os  signos de Água , sobretudo Escorpião e Peixes; (Caranguejo o signo oposto, pode dar algum trabalho nos menos evoluídos) são também compatíveis.
Os signos de Ar e de Fogo são, à partida,  menos compatíveis mas depende da análise do horóscopo de cada um a percentagem de compatibilidade com o signo, cabendo lembrar que ninguém exprime a energia pura de um signo, somos uma mistura de influências de vários signos em maior ou menor grau razão pela qual as indicações referidas devem ser vistas como sendo gerais.

ajude-nos a melhorar, deixe o seu comentário