A Personalidade Básica com Ascendente Leão, Lua em Peixes e Sol em Escorpião

lea

O signo Leão é fixo, de elemento Fogo. Os  nativos com o Ascendente em Leão têm um forte sentido da sua individualidade. A experiência fundamental deste signo é a construção das características do «eu» e, deste modo, o sentido da sua individualidade, a força de vontade e uma personalidade ambiciosa, corajosa, muitas vezes orgulhosa, é típica deste signo.

A sua abordagem do  mundo é sempre  muito pessoal e vivida na primeira pessoa. Este aspecto não deve ser interpretado como  egoísmo nem mera vaidade. Trata-se de algo mais essencial- a tomada de consciência acerca de si mesmo através das experiências vividas. Por isso não admira que, quando convive com outros, fale bastante acerca de si próprio: descrever e compreender o mundo é descobrir-se e compreender-se a si mesmo.

Todas as facetas do «eu»- inteligência e emoção, a necessidade de brilhar e de se destacar em relação ao seu ambiente – são expressão da mesma necessidade interior que impele estes nativos para serem alguém singular, único e com o poder de brilhar e de ser o centro do seu próprio mundo (e do mundo dos outros).

Estas pessoas sentem o impulso para a excelência, para se elevarem acima do comum por isso são muitas vezes vistas como vaidosas ou orgulhosas. O seu impulso para a perfeita expressão de si próprias leva-as a serem «elitistas» no sentido de que detestam a mediania e a vulgaridade, em tudo o que fazem denotam sempre uma postura aristocrática e de domínio em relação aos que as cercam.

Também são pessoas geralmente alegres e festivas, capazes de surpreender pela inteligência e pela criatividade, detestam a rotina e as tarefas repetitivas  e fazem tudo para brilhar na sua atividade. O seu dramatismo leva estes nativos a estarem «em palco» o tempo todo, cercados pelo seu «séquito» que iluminam com a sua poderosa personalidade. Amam a Arte, a Música, a Literatura e tudo o que releva de um espírito refinado e criativo.

Podem ter um coração muito nobre e afetuoso e são muito leais com os que são leais com eles. A sua abordagem da realidade é, no entanto, muitas vezes demasiado emocional e, quando não recebem toda a atenção que desejam, podem ressentir-se bastante: precisam de receber toda a atenção e detestam partilhar o «pódio» com  mais alguém. Socialmente,  são a alma de qualquer acontecimento e  fazem qualquer festa brilhar através deles.

As parcerias podem ser um grande desafio  por causa da necessidade de marcarem a sua actuação e individualidade. Leão é capaz de ter uma grande força de carácter e de dar muito de si aos outros mas sentirá sempre necessidade de que aqueles  que recebem o seu afeto lhe dediquem a mais absoluta lealdade e aceitem, mesmo que subtilmente, submeter-se à sua orientação.  Não é capaz, a menos que existam outros signos sociais fortes na identidade básica,  de se dar com os outros «como iguais». Leão nunca se sente «igual» a mais ninguém. Faz parte da simbólica do signo inventar-se a si próprio como alguém original por isso, nas tarefas que desempenha, ou é o executante ou quem manda executar, nunca é o companheiro a partilhar uma  igualdade de circunstâncias.

O grande desafio de Leão é superar a dimensão do seu ego psicológico e mundano e desenvolver uma perceção mais espiritual  da sua individualidade, colocando-a ao serviço de uma causa que sirva um bem maior do que o seu bem particular. Essa é a sua verdadeira missão: inspirar, levar os outros, com o seu brilho pessoal, a serem melhores e mais iluminados. A sua sinceridade e sensibilidade associam-se assim numa franqueza que o torna verdadeiro aos seus olhos  e aos dos outros.

Fisicamente, o nativo de Leão não é muito alto mas tem uma estrutura óssea bem estruturada e uma postura dinâmica, um passo rápido e um toque aristocrático.

A Lua em Peixes tem elemento Água e a sua energia é mutável.  A combinação entre esta posição da Lua e o  Ascendente Leão mostra incompatibilidade de elementos-  a Água apaga o Fogo- mas os signos têm regentes amigos.

A Lua em Peixes é bastante irrequieta, podendo manifestar essas características pela necessidade de se mover com frequência , pela actividade física e desportiva ou pela expressão emocional. A procura do amor tem um relevo muito grande na vida destes nativos e, neste aspecto, O Ascendente em Leão combinado com esta influência lunar  mostra alguém que está continuamente a procurar viver o romance na sua vida, embora também signifique uma vida afetiva atribulada e instável, sujeita a crises e mudanças súbitas, pois a Lua está colocada na 8ª casa do horóscopo. Este nativo passará certamente por muitas crises emocionais que poderão abalar o natural otimismo  e autoconfiança de Leão.

A  Lua em Peixes possui uma espiritualidade que a leva a idealizar o que deseja e, muitas vezes confunde as suas idealizações com a realidade que, mais cedo ou mais tarde, pode acabar  por a decepcionar. É muito influenciável pelas pessoas do seu círculo pessoal  e isso tanto para o bem como para o mal. Neste aspeto a influência do Ascendente em Leão ajuda a desenvolver uma postura mais afirmativa que permite estabelecer um equilíbrio entre o excesso de afirmação pessoal de Leão e a tentativa de dissolução da individualidade que é própria de Peixes.

Os dois signos têm uma acentuada sensibilidade em relação à Arte, à  Música, à Literatura e, por  isso, certamente  o nativo com esta combinação é uma pessoa capaz de alimentar o sonho e o espírito de forma refinada. São também dotados de um grande poder de intuição e, por isso, esta pessoa terá  a capacidade para se compreender a si e aos outros.

A Lua em Peixes tem inclinação religiosa e uma natureza muito compassiva e é capaz de se dedicar com grande empenho a ajudar os outros. Este aspecto da sua natureza ajuda certamente a superar uma certa tendência egoísta que pode existir no signo de Leão. A influência de Peixes ajuda, neste caso, a despertar a natureza mais elevada de Leão, tornando-o mais espiritual e altruísta.

As características de criatividade e capacidades artísticas podem ser fortalecidas com esta combinação juntando imaginação, inteligência e intuição.

Pelo lado menos glamoroso desta combinação, a tendência para participar de eventos mundanos e para ser o «centro da festa» de Leão pode associar-se ao desejo de superar a realidade prosaica do quotidiano, (própria do signo Peixes) demasiado séria nas suas exigências, e levar o nativo a viciar-se em substâncias que permitam um permanente, ainda que ilusório, estado de excitação e de entusiasmo, como álcool e outras drogas. E, neste ponto, as companhias e relacionamentos certos têm um papel importante a desempenhar. Este nativo não é tão fácil de influenciar devido ao impulso de Leão para ser ele o centro gerador de influência mas pode perder-se no desejo inconsequente de uma vida de festas e de acontecimentos «deslumbrantes» e perder-se da realidade.

O sol em Escorpião tem elemento Água e a sua energia é fixa tal como a de Leão. Esta energia é poderosamente orientada mas, ao contrário da energia de Leão, que se procura exteriorizar e «espalhar» no mundo à sua  volta, de certo modo a energia de Escorpião procura dominar as energias exteriores  trazendo-as para o interior do indivíduo e  transformando-as em poder concentrado na sua vontade pessoal.

Os signos de Peixes e de Escorpião são subjetivos, reservados e, por isso, a menos que o Sol esteja muito forte no horóscopo,  o nativo com esta combinação não é tão teatral como é habitual quando alguém tem o signo de Leão forte no horóscopo. Muitas vezes, em vez das «luzes da ribalta» que tanto agradam a Leão, preferirá os bastidores e a acção discreta que é invisível para os outros mas que permite atingir o seu objetivo de alcançar domínio e influência, ou então apreciará o conforto recatado do lar e da vida familiar, pois o Sol está colocado na 4ª casa do horóscopo.

Escorpião necessita do segredo, de esconder os reais motivos pois a sua natureza desconfiada não lhe permite «abrir demais o jogo», o  lhe retiraria o trunfo da «surpresa» se esta for necessária para alcançar o que pretende.

Por outro lado, a combinação de Leão e de Escorpião pode produzir uma pessoa muito centrada sobre si mesma: ambos os signos gostam de ser bajulados ,obedecidos; gostam de controlar e de dominar os outros. Assim,  a Lua em Peixes é a influência que pode trazer à personalidade deste nativo a capacidade genuína de gostar  e de se interessar pelos outros, pelo seu sofrimento e necessidades. Escorpião e Leão juntos podem tornar-se tiranos vivendo para alimentar o poder pessoal e as suas próprias necessidades pessoais.

 A Lua em Peixes modifica esta tendência desvalorizando a dimensão individual em prol de uma realidade mais alargada e universal, movida pela compaixão. Leão e Escorpião  também são bastante emocionais mas essas emoções estão em geral ao serviço da alimentação do «eu» e do controle que este é capaz de fazer em relação ao seu ambiente e a si próprio. A Lua em Peixes  sai desse centramento fechado e abre-se aos outros, não parte das suas próprias necessidades pessoais mas abdica delas para reconhecer as necessidades dos outros.

ajude-nos a melhorar, deixe o seu comentário