Pedras e Cristais, Turmalina

ccc2

A Turmalina é um silicato complexo que se pode encontrar em tons de  diferentes cores. Terá sido descoberta por comerciantes holandeses, no final do século 17 ou início do século 18, quando viajavam pela zona oeste de Itália. O seu nome, derivado do termo «tura mali»,  era usado no Sri Lanka para designar todas as pedras coloridas. Este nome significa «pedra com mistura de cores vibrantes» e  revela a dificuldade em distinguir a Turmalina, nesses tempos, de outras pedras coloridas. Isto não admira pois, por ex., a Turmalina Rosa parece-se muito com um Rubi, embora tenda ser mais rosada do que este, o que levou à confusão que, no passado, confundiu muitas vezes estas pedras com verdadeiros Rubis. A própria coroa  real russa terá sido um exemplo desta confusão , acreditando-se que alguns «Rubis» que a adornam são, na verdade, Turmalinas de cor Rosa.

Apesar de serem conhecidas no ocidente há relativamente pouco tempo, sabe-se que os chineses, entre outras culturas, incrustaram e gravaram figuras com pedras de Turmalina. Os antigos acreditavam que esta pedra é benéfica para os que se dedicam às artes criativas e é protetora, sendo muito usada como amuleto. Em África a Turmalina  foi usada para ajudar a acordar do «sonho de ilusões». Na antiga Índia era considerada uma «pedra de insight» que ajudava a ver a «verdade e o bem».  Na atualidade, os povos africanos, os aborígenes australianos ou o povos nativos americanos continuam a usá-la como talismã para proteger de todos os perigos.

ccc4

A Turmalina é uma das pedras mais importantes para uso metafísico. Podemos encontrá-la em todos os continentes mas a sua qualidade pode variar, sendo que os exemplares mais finos são raros e atingem preços elevados. Foi no ano de 1876 que a Turmalina se tornou uma joia de relevo quando, pela primeira vez, uma Turmalina verde foi vendida para os joalheiros  da marca Tifanny. Em pouco tempo tornou-se uma pedra procurada e enfatizada no seu uso metafísico, tornando-se um exemplar  obrigatório para colecionadores e praticantes de artes curativas/metafísicas.

A Turmalina encontra-se num largo espetro de cores, que vão do preto ao preto azulado, do amarelo ao castanho escuro e claro,  azul e azul néon ,  do verde lima ao verde floresta, do vermelho ao vermelho púrpura, amarelo, rosa e transparente sem cor. A tradição afirma que a Turmalina  se pode encontrar  em todas estas cores porque viajou por um arco –íris, tendo tomado deste todas as suas cores. Na verdade, parece que não há duas pedras exatamente com a mesma cor, e  cada cor muda conforme a Luz incide sobre ela. Também é uma pedra capaz de se carregar a si mesma de energia elétrica, tendo propriedades piroelétricas e isoelétricas. Se for submetida a pressão ou for aquecida, liberta ondas de raios infravermelhos e iões negativos.

ccc1

Em termos metafísicos, a  Turmalina é considerada a pedra com mais propriedades desta natureza. Acredita-se que tem o poder de fortalecer o corpo e o espírito, estimula fortemente a criatividade, sobretudo ao nível da escrita e das atividades artísticas, sendo usado como talismã por muitos artistas e escritores.

Na terapia com cristais a Turmalina usa-se para ajudar a manter a saúde do sistema digestivo, para fortalecer os ossos e os dentes, para combater o stress e as desordens hormonais das suprarrenais. Também é referida a propriedade de fortalecer o sistema nervoso, o sangue e a linfa, devido ao seu poder desintoxicante. Esta pedra liberta do stress, aumenta a capacidade  de concentração e de alerta mental , melhora a circulação e ativa o sistema imunitário. Pela capacidade de gerar o seu próprio calor, tem um efeito poderoso sobre os nervos produzindo uma alteração na sua  carga elétrica. Os iões negativos acalmam e suavizam; os raios infravermelhos penetram nas camadas profundas do corpo físico , aumentam o fluxo sanguíneo  e expandem os raios capilares, melhorando o fluxo sanguíneo e promovem a oxigenação e regeneração do sangue. Desintoxica a nível profundo, libertando as toxinas profundamente acumuladas no organismo. O uso da Turmalina junto ao corpo cria uma ressonância semelhante à que ocorre na água e que é causada pelos raios infravermelhos , produzindo uma ação muito benéfica sobre os nervos.

ccc3

Tem sido referida a propriedade da Turmalina ajudar na perda de peso e na redução de retenção de água; ajuda a limpar o fígado e os rins, alivia de doenças crónicas e agudas, ajuda o corpo a libertar substâncias tóxicas ou carcinogéneas, metais pesados, etc.., reduz o ácido lático e os radicais livres presentes no corpo.

No próximo artigo desta rubrica vamos fazer referência às Turmalinas coloridas mais conhecidas.

ajude-nos a melhorar, deixe o seu comentário