Personalidade Básica Ascendente Peixes Lua Escorpião Sol Aquário

personalidade básica Ascendente Peixes Lua Escorpião Sol Aquário

Analisamos hoje mais uma personalidade básica a pedido dos leitores: Ascendente Peixes Lua Escorpião Sol Aquário. É composta pelos elementos Água e Ar.

O Ascendente no signo Peixes produz nativos profundamente conectados com o  «inconsciente coletivo», com a memória remota das experiências humanas, muitas delas capazes de influenciar estas pessoas no presente. Possuem uma memória forte, uma ligação profunda com os planos espirituais e subtis da realidade.  Mais do que o «ver» com os olhos sensoriais, estas pessoas são sensíveis ao «sentir», apreendendo o significado do que vivem através do «coração». É também dessa forma que interagem com os outros e desenvolvem compaixão pelo sofrimento e dificuldades que emergem dos outros com quem interagem. São naturalmente compassivas e prontas a sacrificar-se para darem aos outros o que estes necessitam.  Precisam, dessa forma, de aprender a distanciar-se um pouco desta tendência pois, em geral, a sua inclinação generosa é sentida muitas vezes por pessoas sem escrúpulos que se aproveitam da sua generosidade.

Os nativos com Ascendente Peixes são sonhadores e românticos, mais abertos  ao mundo da fantasia e do sonho do que à realidade imediata construída pelos sentidos. São sensíveis e amantes das artes, da poesia; idealizam continuamente a sua realidade, incluindo  o relacionamento com o parceiro amoroso. Possuem um ego frágil e, quando são traídos ou desconsiderados, têm dificuldade em reagir e encontrar motivação para continuar a sua vida. Peixes é muito mais reativo  do que ativo e isso significa que a sua capacidade de iniciativa é fraca e que depositam a sua confiança nos parceiros pessoais- cônjuge ou amigos-  para orientarem os aspetos da sua vida material.  Podem, no entanto, alcançar sucesso numa carreira em tenham o apoio claro de alguém de confiança pois podem ser determinados quando coadjuvados por parcerias positivas.  Quando vivem isolados, estes nativos parecem ter poucos objetivos e parece faltar-lhes direção na vida. A sua dependência prática e emocional dos outros pode fazer com que se adaptem continuamente ao modo de ser daqueles com quem vivem mais proximamente, a ponto de confundirem a sua identidade com a dessas pessoas. Veem o mundo e os outros a partir das suas fantasias e revelam bastante timidez quando têm que enfrentar pessoas que não conhecem bem. Estes nativos têm também dificuldade em tomar decisões pois, na verdade, a sua ligação com o mundo concreto é frágil  e, por isso, adiam sempre que é preciso escolher um caminho ou alguma coisa que possa ser muito relevante para o seu futuro. A verdade é que nunca sabem ao certo  qual dos caminhos  é melhor porque não se identificam com nenhum: o seu mundo é muito mais subjetivo do que  objetivo e não gostam de ser chamados «à realidade» que lhes é desconfortável.

O temperamento romântico e a tendência  para a fantasia fazem deles atores perfeitos ou artistas que se comprazem a criar um mundo, mais do que a percecionar o que existe à sua volta.  Não têm também, em geral, um propósito muito claro que os oriente de modo firme para o «futuro». Aliás, são irrequietos e mudam continuamente a perceção da realidade à sua volta.   Aderem muito mais àquilo que vem ao seu encontro do que batalham para mudar o que já têm.  Estas dificuldades em aderir ao mundo material podem incliná-los para a religião ou a metafísica e o seu temperamento gentil e generoso pode  levá-los a voluntariar-se para ajudar os que sofrem.

Quando, ao Ascendente Peixes se associa a Lua no signo Escorpião, temos dois signos de Água a influenciar a personalidade, sendo que a Lua está também debilitada. Deste modo, será necessário haver outros fatores positivos e fortes no horóscopo para que esta personalidade não caia em comportamentos de escapismo através de substâncias aditivas.

A Lua em Escorpião pode acentuar a tendência para a depressão desta personalidade e cria ressentimento, sempre que se sente traída pelos outros. Também indica períodos de crise emocional , um relacionamento com a mãe que pode ter sido interrompido ou não ter sido seguro para o nativo, quando era criança.  A mãe pode ter  uma vida difícil, com reviravoltas súbitas na vida ou instabilidade emocional que dificultou o relacionamento precoce com o nativo. Pode também ser doente e, por essa razão, não ter dado toda a atenção que uma criança em início de vida necessita.  Uma coisa é certa, os  nativos com a Lua em Escorpião tendem a girar em torno de sentimentos de ressentimento por tudo o que lhes foi  negado no passado e podem desenvolver um temperamento muito secreto em relação ao que verdadeiramente sentem, para prevenir que outros possam voltar a magoá-los. Sentimentos inconscientes de raiva podem destruir a sua paz mental e o seu sentimento de felicidade na vida e será preciso que estes nativos encontrem uma saída positiva, transformando a sua dimensão  emocional em sentido profundo, para emergirem mais fortes e capazes de serem pessoas com um elevado potencial espiritual, que sirva de exemplo para outros que também lutam com «fantasmas e demónios interiores» construídos por emoções destrutivas do passado. A Lua em Escorpião tem a missão de se purgar de tudo isso nesta vida e de renascer com um sentimento de espiritualidade que procura a união fraterna e não a vingança nem  o ódio separativo.

A Lua rege a 5ª casa e está colocada na 9ª.  Em termos gerais, esta é uma posição excecional para a Lua, que podia fazer dela um «yogakaraka» se não fosse o facto de estar debilitada. Assim, esta posição que, em geral ,indica riqueza, boa sorte  no plano material, fama, relacionamento feliz com os filhos e parceiro amoroso, sucesso  na educação superior,  um destino com forte sentido de propósito, bom relacionamento com o pai e com algum mestre de orientação espiritual, terá que ser adaptada em relação ao estado da Lua (a menos que ocorra o cancelamento do estado de debilitação da Lua ou neecha banga) . Porém, isso não significa que esta pessoa não possa tirar um partido muito positivo da sua Lua. Na verdade, esta posição indica o potencial de esta personalidade se transformar espiritualmente e renascer com uma nova identidade espiritual, com elevados princípios e grande aprendizagem em temos de experiência de vida. Indica também que, a certo ponto do caminho de desenvolvimento espiritual, todos se confrontam com a «escuridão», ou o que os alquimistas medievais chamavam «a obra ao negro» que, por mérito e sofrimento,  transforma o carvão no mais puro diamante. Para esta personalidade, essa oportunidade de escolher talvez tenha chegado.

A Lua está colocada na 9ª casa. A condição debilitada nega a sorte representada por esta colocação; sentirá tristeza em relação ao pai que terá uma vida difícil, relação igualmente difícil ou com perturbações, com a mãe. Pode encontrar falsos mestres que guiarão esta personalidade em sentido errado, terá pouca sorte em viagens de longa distância e poucas oportunidades para subir materialmente na vida.

Quando, ao Ascendente Peixes e Lua Escorpião  se associa o Sol no signo Aquário,  temos um elemento que evidencia a tendência espiritual e humanista desta personalidade e a inclina para uma vida em que o significado está mais no plano ideal e espiritual do que material.

O Sol em Aquário identifica-se com o plano coletivo da humanidade complementando assim a tendência de Peixes para alcançar o plano divino e transcendente. Isto pode gerar uma pessoa muito focada nos ideais espirituais mas o Sol em Aquário exprime-se de modo bem diferente de Peixes: é um pensador, um intelectual que se situa no plano abstrato das ideias e que assenta no poder da comunicação pela palavra para as passar aos outros. Os signos de Água são «mudos», isto é, exprimem-se mais pelo tato e pelo silêncio dos gestos do que pela palavra mas Aquário tira esta personalidade desse «retiro» para a devolver ao coletivo da sociedade e da vida em conjunto.  De qualquer modo, as duas tendências- a dos signos de Água que levam a pessoa a retirar-se do tumulto do mundo e dos objetos concretos  e a do signo de Ar que impele para a identificação com uma causa  coletiva e/ou social- mantêm-se. Esta personalidade poderá dedicar-se a lutar por uma causa não apenas na interação direta com aqueles que pretende ajudar mas também através da comunicação, tanto oral como escrita. E esta dedicação a alguma causa pode ser um meio extraordinariamente eficaz de dar sentido à vida desta pessoa.  O carater intelectual de Aquário também ajuda a diluir o excesso emocional da expressão pessoal.

O Sol rege a 6ª casa e está colocado na 12ª casa. Esta é uma colocação perfeita para prestar serviço, para se dedicar a um projeto que transcende em muito os objetivos de uma vida pessoal materialmente satisfeita. Estes nativos têm necessidade de trabalhar para o coletivo, de dar um sentido á sua vida que  tenha um caráter espiritual. Em termos materiais, não favorece a saúde nem uma boa relação com subordinados ou colegas de trabalho. Pode haver perdas causadas por subordinados, por estes serem desonestos, problemas de saúde relacionados com a audição e/ou visão, sobretudo do lado esquerdo. O dinheiro ganho pode ser gasto e será difícil acumular algum.

O Sol está colocado na 12ª casa.  A casa da invisibilidade não é favorável ao brilho do Sol, pois este fica obstruído  aqui.  Perturba a relação com o pai, causa problemas de visão, sobretudo no olho esquerdo; o nativo pode sair do seu país e residir em país estrangeiro, situação em que poderá ter mais sucesso do que no país natal; esta é uma posição  que pode  indicar grande espiritualidade, para os mais evoluídos, embora para os que não são, seja muitas vezes indicadora de escapismo, consumo de álcool e drogas. Pode haver afastamento em relação às regras sociais vigentes. O sucesso mundano e a riqueza são difíceis de alcançar. Alguns podem escolher uma vida de clausura (num mosteiro ou profissão em que passam muitas horas em ambiente fechado como um hospital ou prisão).

Globalmente, esta é uma personalidade básica que indica um plano de vida de desenvolvimento espiritual com alguns desafios no plano material.

 

ajude-nos a melhorar, deixe o seu comentário