Personalidade Básica Ascendente Sagitário Lua Escorpião e Sol Virgem

personalidade básica Ascendente Sagitário Lua Escorpião  Sol Virgem

Hoje analisamos a personalidade básica com  Ascendente Sagitário Lua Escorpião e Sol Virgem, a pedido dos leitores. Trata-se de uma personalidade composta pelos elementos Fogo, Água e Terra.

O Ascendente no signo Sagitário revela uma pessoa otimista, jovial e social, compassiva e aventureira, quanto mais não seja, na sua mente: se não puder viajar frequentemente para lugares distantes e exóticos, poderá fazê-lo lendo sobre os costumes e modo de vida de povos e pessoas  diferentes das do seu país natal; ou poderá ver filmes ou documentários sobre isso, expandindo a sua compreensão e curiosidade acerca do ser humano. Gostará de ler relatos de viagens, por ex., sobretudo de grandes exploradores e descobridores. Há uma ânsia por ir além dos horizontes conhecidos e rotineiros do dia -a -dia. Estas  pessoas precisam de alargar os seus horizontes em todos os sentidos, incluindo os do mundo físico que as rodeia, razão pela qual, mesmo não fazendo viagens constantes para fora do país, deslocam-se em geral com frequência por razões profissionais ou simplesmente porque não gostam de estar sempre no mesmo sítio. A «flecha» do arqueiro de Sagitário impele-as continuamente para irem em direção ao desconhecido. E há sempre um sabor interno de excitação quando estão de partida. Dificilmente formam raízes muito fundas onde quer que estejam, inclusivamente no plano profissional, libertando-se de situações, seres e coisas com um sentimento interior  irreprimível de liberdade que as faz estar «sempre a caminho».  Por muito estranho que isto possa parecer aos mais conservadores, sobretudo quando influenciados pelo elemento Terra, é preciso lembrar que Sagitário simboliza a Esperança e esta é um sentimento que se coloca na expetativa de algo melhor que ainda não aconteceu. Assim, sempre que iniciam «nova jornada», estes nativos sentem-se revigorados com essa expetativa de que a sua vida pode tornar-se   melhor e mais significativa.

Sagitário impele para o amor pela liberdade, tanto mental como física, mas não como um fim em si mesma: a liberdade é uma condição que permite em cada instante usar o pensamento e a sabedoria acumulada para fazer escolhas e mudar o seu próprio estado, para um outro que será potencialmente melhor. Representa a consciência superior, alimentada pela intuição profunda do que é preciso ser feito para realizar o propósito superior da alma encarnada no corpo. Nessa medida, a preocupação primeira em termos simbólicos, não é  assegurar  alicerces materiais seguros para sustentar a vida material, é encontrar o caminho que, espiritualmente falando, é o que deve ser cumprido para que a alma se liberte de todos os constrangimentos que a prendem ao karma e a impedem de prosseguir  o seu percurso espiritual. Não é por acaso que Sagitário representa o guru ou mestre que detém a sabedoria e tem afinidade com a 9ª casa que é a casa dhármica por excelência: nenhum ser pode elevar-se espiritualmente sem o esforço para aprender as suas lições de vida e sem querer ir mais além dos limites da vida terrenas e das suas preocupações com o sucesso, posses materiais, etc. Em Sagitário faz-se a transição para o plano em que o ser humano atinge a autenticidade do seu modo de ser e se torna, por isso, um exemplo para os outros- não um exemplo teórico mas prático- e pode sê-lo porque aprendeu a conhecer-se a si próprio e a perdoar-se a si próprio. Mas, porque os seus laços profundos já estão a desligar-se dos constrangimentos sociais, acaba por ser visto como um «vagabundo» incapaz de levar a sério todas as honrarias oferecidas pelo mundo terreno. Pelo menos nos que são mais evoluídos neste longo caminho.

Quando, ao Ascendente Sagitário se associa a Lua no signo Escorpião, um signo de Água e de profunda crise e transformação, percebemos que estes nativos precisam de ajustar contas com o seu passado emocional antes de poderem avançar no seu caminho de desenvolvimento pessoal. Provavelmente, enfrentarão alguns «fantasmas» que os  prendem emocionalmente ao passado e que, por essa razão, não lhes permitem prosseguir. Poderão ter memória difusa de processos traumáticos que continuam a assombrá-los desde o passado remoto e poderão ter uma intuição psíquica desenvolvida que lhes permite apreender os significados profundos do que sentem e vivem.

A Lua em Escorpião é reservada, fechando-se emocionalmente.  Revela, em muitos casos, uma mãe distante, pelo menos emocionalmente, talvez por estar a lidar com os seus próprios traumas ou dificuldades. De qualquer modo, não terá dado o cuidado afetivo de que o nativo precisou quando muito novo e este teve que aprender a contar consigo próprio. Por difícil que isto possa ser, tem também o propósito positivo de desenvolver resiliência, a capacidade de se adaptar a circunstâncias difíceis, em termos emocionais. A presença da Lua neste signo altera algumas das características de Sagitário: os nativos podem ser extremamente joviais socialmente falando mas são absolutamente secretos em termos  pessoais, escondendo as suas vulnerabilidades perante os outros e deixando-os ver apenas o que querem que estes vejam sobre si. Não confiam facilmente nos outros embora, quando Júpiter, o regente do Ascendente, é forte, não desenvolvam, necessariamente, comportamentos de vingança pois Sagitário abomina a violência e a mesquinhez ou maldade.  Mas é preciso que Marte, o dispositor da Lua, esteja bem colocado no horóscopo.

A Lua rege a 8ª casa e está colocada na 12ª casa. Esta é a posição de um buscador espiritual, de alguém que deseja a nível muito profundo, libertar-se das cadeias materiais e emocionais que traz consigo do passado e que estão por resolver. É uma posição poderosa em termos psíquicos, podendo haver grande sensibilidade a este nível. A pessoa interessa-se por conhecer os mistérios ocultos da vida e pode interessar-se por alguma corrente de esoterismo. Em termos materiais, não é uma posição favorável para receber  heranças ou indemnizações. Se receber herança, o mais provável é que esta venha acompanhada de despesas simultaneamente. Não haverá benefícios dos parceiros, nem de vida nem de negócios. Aliás, é uma posição que não favorece a entrada em parcerias de negócio pois o nativo pode perder para o outro, que será beneficiado em vez dele.  Pode haver predisposição para doença ou problemas de saúde afetando o ânus, os ouvidos e a visão do lado esquerdo. A longevidade pode ser reduzida se outros fatores do horóscopo não contrabalançarem esta tendência. Pode haver muitas despesas e dívidas.

A Lua está colocada na 12ª casa.  Esta é  uma posição pouco favorável para a Lua, tanto mais que está debilitada. Pode haver prolemas de saúde recorrentes na infância, alguma deformidade física, problemas de relacionamento com a mãe, sentimento de solidão e desejo de viver sozinho, muitas despesas, dificuldade em manter e acumular riqueza, inimigos secretos, que podem causar perda de paz mental. A estadia ou residência em lugares distantes ou país estrangeiro pode implicar dificuldades e não ser feliz.  Haverá falta de estabilidade mental e emocional e sentimentos recorrentes de não ser amado.  Esta posição afeta negativamente toda a felicidade, saúde e sucesso dos nativos. É, no entanto, muito positiva para o crescimento espiritual.

Quando, ao Ascendente Sagitário e Lua Escorpião se associa o Sol no signo Virgem,  temos um fator de equilíbrio positivo nesta personalidade. Com efeito, o elemento Terra do Sol permite a esta personalidade manter algum sentido prático em relação à sua vida e aplicar, no mundo à sua volta, a sabedoria que vai mentalmente construindo e vivendo. Virgem é perfecionista mas mantém os pés assentes na Terra. A Lua em Escorpião perde facilmente o rumo, caindo por vezes em depressão e perdendo a atitude positiva que permite ir vivendo a vida de forma construtiva.  Porém, Virgem é o signo da organização do mundo espacial; é também o signo das atividades de «saber fazer» que não apenas melhoram a qualidade terrena da existência como encontram satisfação e realização no trabalho e na concretização de tarefas práticas.  Ora, isto dá  estes nativos a capacidade para fazerem «serviço» pelos outros e para encontrarem, na dedicação ao trabalho que traz  benefícios aos outros, uma boa parte da energia que transformará os complexos psíquicos dolorosos em energia libertada e dissipada que não mais os afetará.  Deste modo, estes nativos podem tornar-se extremamente úteis para os outros pelas qualidades superiores que têm de compreensão da realidade e pela capacidade que têm de trabalhar para que o mundo seja efetivamente um lugar melhor e mais eficientemente organizado. Podem gostar de se dedicar a causas humanitárias ou a algum tipo de ativismo como a defesa ambiental, direitos dos animais, etc. Poderão trabalhar na área terapêutica associada à psicologia ou medicinas alternativas e, desse modo, obter uma plena realização pessoal e profissional.

O Sol rege a 9ª casa e está colocado na 10ª casa.  Esta é, tradicionalmente, uma excelente posição indicadora de sucesso no plano profissional. A pessoa terá sorte na carreira e  pode alcançar uma excelente reputação pois a sua missão de vida em termos mais profundos, será realizada através da carreira. Esta é uma posição que pode compensar em grande parte a posição mais fraca da Lua, inclusivamente  em relação à mãe. Também pode permitir usufruir de confortos e possuir bens como carros, casas, etc., embora continue a verificar-se um volume muito elevado de despesas que obrigarão a gasta a maior parte do que se tem ou ganha.  Mas o nativo terá uma boa educação e pode alcançar uma posição de topo na profissão. O pai será uma referência positiva importante e um guia ou orientador.

O Sol está colocado na 10ª casa. É uma belíssima posição, pois o Sol obtém aqui força direcional (Dig Bala).  Esta posição indica que o nativo dá grande importância à carreira e, se não houver aflições ao Sol nem à 9ª e 10ª casa, a pessoa elevar-se-á facilmente, na área profissional da sua escolha, obtendo facilmente o sucesso pois a sorte está do seu lado. Pode haver a ocupação de um elevado cargo institucional ou alta posição numa carreira ligada à saúde, química, etc.. O nativo ganhará dinheiro  embora mantê-lo possa ser mais difícil e, provavelmente ,haverá uma boa relação com o pai. Esta posição também fortalece a autoconfiança e força da pessoa, que é altamente ambiciosa.  Gostará de fazer boas ações para o benefício da sociedade o que lhe dará excelente reputação.

Globalmente, esta é uma personalidade que pode crescer muito em termos espirituais e que usará a carreira e o trabalho como meio privilegiado de concretizar o seu destino pessoal.

ajude-nos a melhorar, deixe o seu comentário