Pedras e Cristais, Pirite

pir1

A Pirite tem sido designada muitas vezes como o «ouro dos tolos» porque ,devido à sua semelhança com o ouro, foi usada diversas vezes com fins  oportunistas para fazer crer que certa mina de ouro ainda continha reservas de verdadeiro ouro, quando eram vendidas aos incautos. Porém, apesar de não ser ouro-  a Pirite tem o mesmo matiz do ouro mas é mais clara e mais dura, sendo também mais frágil pois pode ser arranhada facilmente com a unha ou  uma lâmina- a Pirite é uma bela Pedra e tem propriedades que fazem dela um exemplar indispensável na nossa coleção de minerais.

O nome da Pirite vem do grego «pyros» que significa «fogo», devido à capacidade que este mineral  tem de emitir centelhas quando as peças tocam umas nas outras ou quando vão contra uma superfície dura. As tribos de índios norte americanos valorizavam grandemente a Pirite, que usavam como pedra curativa e mágica. Era polida para formar espelhos que eram depois contemplados para fazer adivinhação e previsões. Ainda hoje alguns usam-na para este efeito de adivinhar o  futuro.

Antes do século 19 a Pirite era frequentemente usada na decoração, tendo também sido aplicada em joalharia na época vitoriana.  Durante a segunda guerra mundial, adquiriu finalidades práticas sendo extraída para fabricar ácido sulfúrico. Este mineral de sulfureto de ferro não pode ser ingerido e encontra-se em várias partes do mundo, entre as quais Portugal,  numa variedade de formações geológicas: ocorre em veios hidrotermais de depósitos sedimentares, como constituinte de rochas metamórficas, em estalactites, cubos estriados, cristais dodecaédricos e ainda uma formação conhecida por «sol de Pirite», na forma plana de discos de cor amarelo pálido  e opaco com um lustro metálico dourado. Quando se forma em ambientes húmidos, porém, devido à oxidação,  podem ter uma cor castanho dourado mais escuro.

pir3

A Pirite é uma pedra protetora que faz aumentar a vitalidade e faz circular a energia da Terra pelo corpo físico , ao mesmo tempo que cria um escudo defensivo das energias subtis que rodeiam o corpo, contra todas as energias negativas e problemas emocionais. Estimula os chakras da Raíz e do Sacro, aumentando a energia combativa e impelindo para a ação e também tem sintonia com o plexo solar. Dizem os entendidos que a colocação de uma peça de Pirite na casa ou no trabalho aumenta a energia  desse lugar e encoraja as qualidades de liderança, sendo útil para todos os que desejam alcançar uma promoção. Pela sua semelhança com o ouro é considerada uma pedra de sorte e de prosperidade. Em homens e mulheres, estimula as características masculinas. Nas mulheres, ajuda a aumentar a autoestima e a superar quaisquer sentimentos de inferioridade. Nos homens aumenta a auto confiança e a assertividade, levando a uma autoexpressão mais firme e determinada.

Na terapia com cristais, a Pirite conecta as energias do corpo com as energias universais , promovendo uma maior nutrição geral do corpo e acelerando todos os processos gerais de cura . Ajuda muitas vezes a diagnosticar problemas que pareciam difíceis de analisar, trazendo as suas causas à superfície. A sua energia é considerada um poderoso escudo em relação a todas as energias poluentes e até, segundo a tradição, contra doenças contagiosas. É considerada útil no tratamento de doenças contagiosas, fungos  e vírus, constipações, gripe e doenças da pele. Também tem sido usada para reduzir a febre e a inflamação.  Aumenta também o fluxo de oxigênio no sangue e é usada para proteger o sistema circulatório e respiratório, aliviando sintomas de asma e de bronquite.  É um estimulante do sistema endócrino.

pir2

No plano psicológico, a Pirite  ajuda a superar a depressão e a melancolia e alivia a ansiedade e a frustração. Permite intuir as causas dos problemas e superar medos e indecisões, levando a agir com determinação para  os ultrapassar. Como pedra de manifestação, traz energias de alta frequência para o plano físico para que cada um seja capaz de trazer abundância para  a sua vida.

Ter uma pedra de Pirite em cada mão ao meditar reequilibra as energias e traz um aporte energético imediato para o corpo físico. Esta pedra ajuda a transportar energias de alta vibração para o plano físico.

A Pirite tem ressonância tanto com a energia da terra como com a energia do Fogo por isso, pode limpá- la  enterrando-a na terra de um vaso de flores  durante um dia ou colocando-a ao Sol por umas horas. Antes de usar esta bela pedra pela primeira vez não se esqueça  de a programar.

Pedras e Cristais, Pedra do Sol

sun2

A Pedra do Sol  ou Heliolite, ou ainda «Feldspato aventurescente» é um mineral da família dos Feldspatos e  ocorre em várias cores havendo mesmo uma variedade transparente; encontramos esta pedra em tons de amarelo, vermelho, acastanhado e laranja, além de outras. As diferenças de cor devem-se, em parte, ao tamanho e abundância das inclusões de Goetite, Cobre ou Hematite que ocorrem no interior da pedra. Por ex., as inclusões de cobre produzem  uma cor que vai do rosa ao avermelhado. Algumas pedras podem mostrar uma cor verde profundo ou azul, mas são mais raras. Por vezes a cor varia na própria pedra, dependendo do ângulo pela qual a visualizamos. Em algumas existe um forte contraste de cor, podendo ser rosa num lado e laranja no outro. Também podem mostrar laivos de verde misturados com o vermelho; na maioria  observam-se flashes característicos de luz muito brilhantes e metálicos, num processo de refração que tem o nome de «aventurescência». Esta é produzida à medida que as pequenas plaquetas de Cobre, Hematite ou Goetite refratam a luz nas várias camadas do cristal.  Este brilho move-se sempre que mudamos o ângulo de observação, ou a posição da pedra ou da luz que incide sobre ela. Esta radiância, que é como um fogo semelhante ao do raio solar, está na origem do nome comum que se lhe atribui.

sun1

A Pedra do Sol usa-se desde há séculos  para efeitos de cura, nomeadamente das cartilagens, reumatismo e dores em geral. Não é uma das pedras mais antigas, no entanto, tendo sido os nativos americanos a descobri-la e a colecioná-la nos USA.  Em joalharia começou a usar-se no início do século 20 mas é relativamente pouco usada ainda. Os seus depósitos mais significativos existem na Austrália, Canadá, China, Congo, México, Índia, Tanzânia, Noruega, Rússia, Sri Lanka, além dos USA, sobretudo no Oregon, Nova Iorque, Pensilvânia e Virgínia.

Quanto ao seu uso metafísico, a Pedra do Sol é uma pedra de liderança, de abundância, de vitalidade . Aumenta o metabolismo, razão pela qual é boa para usar durante dietas de emagrecimento, melhora a digestão e aumenta as resistências naturais do organismo; harmoniza e regula os órgãos em geral. É também uma pedra de serviço, inclinando para a dádiva generosa de si aos outros. Estimula o poder pessoal, expande a consciência e o sentimento de liberdade. Aumenta a clareza mental, torna a consciência mais calorosa , aberta e benevolente. Traz alegria e entusiamo de viver. É, deste modo, uma pedra essencial para todos os que desejam recuperar a alegria de viver. Encoraja, além disso, a independência e a originalidade. Diz-se que ajuda os que desejam uma carreira artística a revelar o seu talento, atraindo a fama e a prosperidade. O uso da Pedra do Sol estimula deste modo uma atitude positiva em relação à  vida,  atuando como uma fonte de força adicional . O seu uso também é aconselhável em todas as atividades que exigem muita energia, pois fornece força adicional. É considerada uma pedra muito eficaz para limpar o campo de energia ou aura, e limpa os cordões psíquicos associados aos chacras, produzidos pelo relacionamento com pessoas próximas que são muito possessivas.

sun4

Psicologicamente, a Pedra do Sol ajuda os que são demasiado dependentes emocionalmente, a serem mais independentes do parceiro. Também ajuda a aliviar o medo e o stress e protege dos que drenam a nossa energia ou esgotam os nossos recursos financeiros. Para os que sofrem de fobia de lugares escuros ou fechados, traz alívio e libertação.

Na terapia com cristais,  a Pedra do Sol é usada para tratar inflamações crónicas da garganta e para reduzir o mal estar causado por úlceras no estômago . Colocada em cima do plexo solar, alivia a depressão e afasta os pesadelos. Também é usada para tratar a osteoartrite, cólicas, febre, inflamações e ferimentos resultantes da prática desportiva.

Segundo a tradição, usar um anel com a Pedra do Sol na mão esquerda (para os destros, ou na mão direita para os esquerdinos) ajuda a receber o que se precisa e deseja; na mão direita para os primeiros ou na esquerda para os segundos, ajuda a canalizar bênçãos e cura para os outros. Se for usada como pendente, ao pescoço, permite desenvolver a sabedoria que alia o sentimento do coração com a racionalidade da cognição.

O preço desta lindíssima pedra varia de acordo com a qualidade da sua aventurescência e a transparência da cor. Os exemplares sem cor e os amarelos são os mais baratos embora as variedades transparentes com uma boa aventurescência sejam as que atingem preços mais elevados. Do mesmo modo, as pedras em tom de vermelho brilhante, verde e bicolores atingem preços elevados. Há no entanto muitos exemplares interessantes à venda por um preço muito acessível, tornando relativamente fácil a aquisição desta pedra para a nossa coleção.

Pedras e Cristais, Pedra da Lua

lua5

A Pedra da Lua é uma das pedras mais antigas  que têm sido usadas em  joalharia e também como pedra sagrada e de cura. Entre os romanos foi usada para o fabrico de joias há 2000 anos atrás sendo ainda mais antigo o seu uso nos países orientais; é uma pedra sagrada na Índia, país onde é com frequência oferecida como presente de casamento. Associada à Lua e à fertilidade, a Pedra da Lua simboliza também o amor e a fertilidade. Na Europa, desde tempos remotos, acredita-se que esta pedra é capaz de reconciliar dois amantes desavindos.

A Pedra da Lua é um mineral de feldspato que possui uma opacidade ligeira e um reflexo branco prateado que causa uma cintilação característica, num movimento linear pela superfície da pedra à medida que a luz incide sobre ela. Pode ser encontrada em diversas cores: num  tom delicado de pêssego, azul, cinzento, branco e ainda uma variedade multicolor conhecida como «Pedra Arco Íris».  Costuma fazer-se uma distinção entre dois tipos de Pedra da Lua: a variedade Albite , semitransparente, com reflexos pálidos, cintilante, que se encontra principalmente no Canadá; e a variedade Adularia , em tons de cinzento pálido, branco prateado ou azul com um brilho difuso, que se encontra principalmente no Sri Lanka, Burma, Índia e Madagáscar.

lua2

Relacionada com o feminino, a Pedra da Lua é considerada uma pedra de mulheres mas aceita-se que pode ser útil também para ativar a expressão emocional dos homens. Ajuda a abrir o coração para a aceitação do amor, sendo considerada excelente para o 1º amor ou para um novo amor. Tem fama de ajudar os amores secretos e de ter poder para voltar a reunir dois amantes desavindos. É também uma pedra associada à sexualidade e ao erotismo e a tradição afirma que ela ajuda a despertar a energia kundalini. Estimula também o desejo sexual e aumenta a fertilidade.

Ao nível psicológico, a Pedra da Lua ajuda a elevar a auto estima, levando quem a usa a gostar de si tal como é e a fazer as pazes com a sua imagem. Contribui para equilibrar as emoções, trazendo tranquilidade neste plano. A tradição afirma que, se alguém oferecer uma Pedra da Lua ao parceiro amoroso durante a Lua cheia, a paixão entre ambos manter-se-á sempre. Se for usada continuadamente, ajuda o seu portador a sentir boas emoções, ao mesmo tempo que aumenta a prosperidade, pois é também uma «pedra da sorte e da boa fortuna». É uma boa pedra para segurar enquanto se medita pois ajuda na compreensão de si mesmo, revelando a verdadeira essência pessoal. Diz-se que o seu poder atinge o máximo da fase da Lua cheia.

lua3

A Pedra da Lua é também uma pedra tradicional de proteção dos viajantes, tanto nas viagens por terra como por mar.  Alguns salientam o seu poder de profecia , tradicionalmente tem sido usada para prever o futuro. Tendo sintonia com a Lua e os seus ciclos, a Pedra da Lua é também considerada um agente excelente de equilíbrio de todos os ritmos naturais, levando os ritmos normais biológicos a sintonizar com os restantes ritmos naturais.

Na terapia com cristais, a Pedra da Lua é usada nos tratamentos relacionados com a fertilidade, facilita os nascimentos e o processo de gravidez, alivia problemas menstruais e ajuda a  eliminar a retenção de líquidos. Também ajuda a equilibrar o sistema hormonal e facilita a assimilação de nutrientes; elimina toxinas e trata desordens digestivas. É considerada uma pedra facilitadora do crescimento das crianças e adolescentes e é reputada como atrasando o processo de envelhecimento. É ainda usada para tratar condições degenerativas da pele, do cabelo, dos olhos e dos órgãos moles do corpo; ajuda na superação das insónias e aumenta os sonhos agradáveis. No plano psicológico, usa-se para suavizar o corpo emocional e para equilibrar as emoções. Diz-se que melhora a intuição e a inspiração individual e, como pedra de boa sorte, acredita-se que traz sorte no amor e nos negócios. Usa-se também para estimular a glândula pineal.

lua1

A Pedra da Lua deve energizar-se deixando-a à noite exposta à luz da Lua um ou dois dias antes da Lua cheia, Não deve deixar-se no próprio dia de Lua Cheia nem no dia de Lua nova, segundo os entendidos.

E pronto, pelo que dissemos, torna-se  evidente que esta é mais uma pedra que não pode faltar na nossa coleção de pedras e de cristais.

Pedras e Cristais, Pérolas

per

As pérolas , tal como a Madrepérola na qual são geradas, têm origem orgânica, sendo resultado da reação de um molusco – Ostra-  à irritação provocada por  grãos de areia que levam o animal a reagir, segregando camadas sucessivas de nácar para acalmar essa irritação. Essas camadas formam a Pérola.

A Pérola é considerada a gema mais antiga usada pelo homem, tendo sido altamente valorizada pelas  culturas antigas. É também um símbolo da feminilidade, da lealdade e da maternidade, estando associada à Lua e ao elemento Água.  Representa a pureza e a inocência, a honestidade e a integridade.  Desde há muito tempo que se acredita que as pérolas promovem  o crescimento do amor, razão pela qual são privilegiadamente  escolhidas para adornar as jóias das noivas.

per3

 

No mundo antigo, as Pérolas eram conhecidas como «lágrimas dos deuses», elementos purificadores . Segundo a lenda, Cleópatra do Egipto só bebia vinho com pérolas no fundo da taça, para a protegerem de ser envenenada. Na Antiga China acreditava-se que as pérolas eram saliva dos dragões quando voavam no ar para produzir chuva, sendo por isso usadas como talismãs contra o fogo.

Ao mesmo tempo que partilham propriedades semelhantes aos cristais, as pérolas têm qualidades únicas que advêm da sua natureza orgânica: são ricas em aminoácidos, magnésio, ferro, cálcio e sílica e estas qualidades fizeram delas um  importante agente de cura desde há muitos séculos, como acontece na medicina chinesa que, tradicionalmente , tem usado  o pó de pérola para tratar problemas nos olhos, problemas cardíacos, indigestão, febre, sangramentos, etc. São consideradas um fortificante dos nervos, das glândulas supra-renais, do baço e do tecido muscular. Ajudam a manter os  ossos e os dentes fortes e a prevenir a osteoporose. Também são eficazes no tratamento de problemas de pele, como acne e rosácea. Desde há muito que os chineses afirmam que a pérola tem um efeito geral de equilíbrio dos ritmos do corpo, ajudando a manter os níveis hormonais. Também se diz que é eficaz no alívio de dores de cabeça crónicas.

A Pérola também tem sido usada desde há séculos como cosmético : a realeza asiática tem usado o pó desta gema para branquear a pele. Também ajuda no tratamento das rugas e  das cicatrizes , para reduzir manchas da pele, espinhas, etc. Ainda hoje  é reconhecida a eficácia das pérolas nesta matéria, razão pela  qual são amplamente usadas pela indústria cosmética.

per4

As pérolas adquirem a cor da zona interior da concha em que crescem, podendo encontrar-se em tons que vão do branco ao creme ou mesmo dourado ou , como  acontece mais raramente, do  «negro»- em geral  estas não são mesmo pretas mas azuladas ou cinzento escuro.

A  energia da  Pérola tem efeitos  na dimensão  psicológica, contribuindo para acalmar e tranquilizar,  para aliviar o nervosismo  e o stress. Ajudam também a encarar a vida de forma mais flexível e tranquila. Ajuda a equilibrar os excessos emocionais  da pessoa que as usa, trazendo equilíbrio à sua vida.

Metafisicamente, a Pérola promove o desenvolvimento espiritual ; é uma gema marcadamente feminina : usada pelas mulheres , estimula a feminilidade profunda e leva à autoaceitação. Ajuda a desenvolver uma autoimagem positiva e digna. Diz-se que ajuda a suavizar as dores do parto, acalmando  e suavizando o processo.

per2

Existem muitos tipos de pérolas. Como referimos, o uso das pérolas esmagadas é frequente e praticado em todo o mundo; mas a Pérola é também uma gema de primeira categoria para usar em colares, anéis, brincos, etc. As cores também variam , tendo cada uma um significado próprio. As pérolas brancas simbolizam a boa saúde; as pérolas negras, talvez pela sua raridade, são símbolo de sorte; as pérolas douradas promovem a prosperidade e a boa fortuna (têm efeitos complementares ou mesmo semelhantes aos das pérolas negras); as pérolas de cor rosa promovem a felicidade e as pérolas de cor de alfazema  simbolizam o amor.

Talvez por se desenvolverem num meio aquático, as Pérolas são associadas à pureza  e à inocência desde tempos muito antigos e em muitas culturas. São também um símbolo de elegância, de aristocracia e de classe, dando um ar de distinção  e de refinamento a quem as usa sendo difícil de superar neste efeito por outras pedras.

Por tudo o que as pérolas nos oferecem, vale a pena tê-las num lugar especial , senão na nossa coleção de pedras, pelo menos como joia que nos recorda a profunda essência do feminino e de tudo o que este evoca na nossa natureza, sejamos homens ou mulheres.

Pedras e Cristais, Peridoto

 

per4

O Peridoto é uma das pedras mais usadas desde a antiguidade, sendo extraído pelo menos desde 1500 a.c. numa ilha chamadas Topazo, situada no mar vermelho onde, segundo a lenda, o faraó do Egipto escravizou todos os habitantes, obrigando-os a extrair a pedra. Segundo parece, estes escravos trabalhavam de noite e de dia, sendo vigiados por capatazes pouco benevolentes. No mundo antigo esta pedra chamava-se Crisolito tendo sido também designada Olivina e foi muitas vezes confundida com a Esmeralda, sobretudo as que foram extraídas na ilha egípcia referida. Hoje pensa-se que as «Esmeraldas» enormes com que Cleópatra se adornava eram, na verdade, Peridotos. E, por falar neste nome, ele deriva do nome francês «peritot» e é usado para designar esta pedra desde há 200 anos. Os antigos judeus também fazem referência a ela, pensando-se que era uma das 12 pedras que compunham o peitoral do Alto Sacerdote .
Na Europa medieval os cruzados trouxeram Peridoto das cruzadas e a pedra foi largamente usada nas catedrais e em joalharia. Na antiga Roma, Plínio o velho escreveu que a pedra era extraída no Egipto há milhares de anos. A ilha de Topazo, hoje designada por Zabargad tornou-se entretanto um mistério durante séculos, pois perdeu-se a referência da sua localização exata, talvez porque uma névoa constante cobre a ilha, tornando-a invisível, tendo sido redescoberta em 1905. Durante 50 anos, até aos anos 50 do século 20, houve uma actividade mineira muito elevada nesta ilha, que entretanto decresceu, de modo que os exemplares desta ilha que se encontram hoje em dia no mercado são geralmente antigos. Mas são muito procurados porque são os que têm a cor verde mais profunda e parecida com a Esmeralda. A semelhança entre estes exemplares e as Esmeraldas faz com que seja chamada de «esmeralda dos pobres». (Mas desengane-se o leitor se pensa que a pedra é muito barata, os melhores exemplares podem custar bastante).

per1
O Peridoto mais comum é verde amarelado, sendo raros os que têm tons de verde mais profundos ,que revelam semelhança com a Esmeralda. Na verdade, estes exemplares apenas se encontravam no Egito e em Burma, embora tenham sido descobertas novas fontes recentemente, no Arizona, no México, no Oregon, na Noruega, Paquistão, Rússia e Sri Lanka. A cor verde da pedra é causada pelo conteúdo em ferro. Os tons de verde variam do verde pálido ao verde amarelado, passando pelo verde lima e outros tons mais escuros como o verde oliva ou o verde acastanhado.
As maiores fontes deste mineral hoje em dia encontram-se no Brasil, Paquistão, Austrália, Irlanda, Rússia, Sri Lanka, USA, Egipto.
Historicamente o Peridoto foi reputado como pedra de protecção (contra energias negativas, ataques psíquicos, etc.,..sendo por isso considerada uma pedra excelente para usar no trabalho espiritual. A sua energia forma m um escudo de protecção à volta do corpo de quem a usa.

per2
O Peridoto é uma pedra relacionada com o Arcanjo Rafael, regendo o plano das virtudes angélicas. Considera-se que traz amor incondicional, felicidade e luz para a vida da pessoa. Como todas as pedras verdes, associa-se à saúde e à prosperidade, ajudando a manifestar tudo o que a pessoa deseja. Também é reputado por aumentar a autoconfiança e a assertividade , bem como a clareza de pensamento e a paciência e tranquilidade. Uma outra virtude a não desprezar é a sua capacidade de atrasar o envelhecimento, sendo por isso usada no rejuvenescimento celular.
O Peridoto ressoa com o plexo solar e com o chakra cardíaco, tendo uma energia poderosa que equilibra e ativa os chakras referidos. Diz-se que a energia desta pedra promove o amor pela Terra e pelos seres que a habitam.
O seu uso continuado aumenta a autoestima e ajuda a superar sentimentos de culpa; é considerada um potente agente de limpeza de toxinas de todos os tipos, libertando-as e neutralizando-as. No plano emocional ajuda a libertar de ressentimentos, ciúmes, amargura, raiva e despeito, ganância, etc.. reduz o stress e ajuda o coração a abrir-se com alegria e a desejar novos relacionamentos, ajudando a mudança de processos dolorosos. Estimula a mente a pensar com mais clareza e dá energia, levando a superar estados de letargia e de exaustão. Assim, a energia desta pedra ajuda a sentir entusiasmo pela vida ,bem como a saúde e a alegria. Pode usar-se como pendente, em brincos, em anéis. Diz-se que o seu poder aumenta quando colocada em cima do chakra cardíaco ou do plexo solar.

per3
Na terapia com cristais, o Peridoto é usado para fortalecer o sistema imunitário, em problemas do metabolismo, afeções da pele. Também é usado em problemas cardíacos, do timo, da bexiga, dos pulmões, do trato intestinal, incluindo intestino irritável, do baço. Diz-se inclusivamente que cura úlceras gástricas. Também é usado para fortalecer a visão. Psicologicamente, o Peridoto ajuda nas perturbações bipolares e na superação da hipocondria, bem como a combater os estados de depressão e as emoções negativas.. A sua acção rejuvenescedora ajuda também a tratar todos os problemas relacionados com o envelhecimento. Colocado sobre o abdómen, ajuda as mulheres em trabalho de parto, fortalecendo as contracções musculares e ajudando a diminuir a dor. O Peridoto tem uma acção calmante sobre todos os tipos de dor, tanto físicas como emocionais.

Esta extraordinária pedra também tem fama de ajudar a encontrar o que se perdeu. O seu uso torna-se assim uma estratégia inestimável por variadas razões, entre as quais estão o seu uso como «pedra de prosperidade» pois ajuda também a trazer abundância do que desejamos para a nossa vida.
E assim, caro (a) leitor(a) , se ainda não tem esta pedra na sua colecção, de que está à espera? Nos cuidados a dispensar-lhe, evite completamente as mudanças bruscas de temperatura e os métodos mais agressivos de limpeza, que podem danificá-la.

Pedras e Cristais, Opala

 

 

opal2

Hoje falamos de uma pedra fascinante  mas que carrega uma  aura de má reputação, atribuída segundo alguns por Sir Walter Scott, o escritor britânico que, no século dezanove, fez furor com os seus romances históricos. Num desses romances, Anne of Geurstein, atribui a esta pedra poderes maléficos e isso teria causado impacto na opinião geral, fazendo com que muitos recusem, ainda hoje, adquirir  e usar Opalas. Esta má reputação, porém,  estende-se aos países asiáticos, onde muitas pessoas não vendem e não compram esta pedra, especialmente na cor preta, embora no século 20 se tenha assistido a uma   reabilitação da pedra , havendo muitos que afirmam usá-la há mais de 40 anos e que esta não só não lhes trouxe má sorte como, pelo contrário, lhes terá trazido boa sorte.  De uma forma ou de outra, há hoje um grande número de pessoas que apreciam esta pedra lindíssima e que não a dispensam da sua coleção de pedras e minerais. Nós incluímo-nos neste grupo.

As Opalas encontram-se em diversas cores: transparente, branco, amarelo, vermelho, laranja, verde, castanho, preto, azul e rosa. Algumas variedades possuem um brilho lustroso, havendo também exemplares opacos, ou com um brilho ceroso. Hoje em dia esta pedra é extraída em diversos locais como Austrália, México, USA.

opal1

A designação  «Opala» deriva da palavra sânscrita «upala» cujo significado é «pedra preciosa», o que revela o apreço dos antigos por esta lindíssima pedra.

Quanto às propriedades metafísicas, salienta-se a afinidade entre a Opala e o elemento Água , característica mais evidente na medida em que a pedra contém uma elevada percentagem de água. Esta afinidade com este elemento mutável revela também a sua ação favorável nos processos de mudança, afirmando-se que ajuda a enfrentar de forma positiva todas as mudanças e a construir uma vida nova superando os obstáculos.

A Opala é uma pedra de imaginação, criatividade e inspiração, melhorando estas faculdades quando é usada de forma contínua. Também se diz que melhora a memória e torna mais claros os pensamentos.

Esta pedra tem uma energia com uma vibração elevada  e tem um efeito protetor, sobretudo quando a pessoa anda por lugares perigosos.  A tradição afirma que o uso da Opala torna a pessoa «invisível» quando não quer ser notada.

opal3

No plano emocional, a Opala melhora  a postura geral em relação à vida, trazendo otimismo e entusiasmo e aumentando a alegria de viver. Também se considera que fortalece a autoestima e a perceção do Auto valor, libertando a verdadeira natureza da pessoa. Possui um efeito suavizante, acalmando a turbulência emocional, que substitui por paz interior e um sentimento de esperança. Colocada junto do local de dormir ajuda a evitar os pesadelos e a ter sonhos felizes. Os que trabalham com os sonhos consideram-na uma pedra excelente para este trabalho.

A tradição atribui à Opala o papel de atrair o amor, tanto o sensual como o incondicional e espiritual e afirma que ela traz felicidade no amor. Esta pedra inspira o amor e a esperança, a pureza e a inocência, bem como, segundo alguns, ajuda a  felicidade.

No plano metafísico a Opala atua como um prisma no interior da aura, trazendo todo o espetro da luz para o campo de energia individual e, dessa forma, limpa o corpo emocional, o que tem por efeito aumentar a alegria de viver e a felicidade terrena. Também liberta de inibições no plano do amor. Aumenta a capacidade de intuição e de insight.

A Opala absorve e reflete a luz, sendo uma energia muito positiva quando usada na meditação. Segurar a pedra na mão quando se medita traz inspiração , orientação e compreensão profunda sobre a realidade. A sua energia pode queimar ligações e padrões negativos do passado, amplifica as emoções e trá-las à consciência para serem analisadas e superadas.

Na terapia com cristais, a Opala é usada para tratar dores de cabeça, problemas de visão e do sangue; também  ajuda a regular a insulina e na doença de Parkinson.

A Opala associa-se  primeiramente ao chakra cardíaco e da coroa, podendo associar-se com outros chakras quando a sua cor for aquela que é associada a esses chakras.

opal4

A Opala pode ser usada no ambiente para ajudar tarefas específicas que exigem criatividade , imaginação, clareza de pensamento, etc..

 

Assim, concluímos que a  Opala merece , sem qualquer dúvida, um lugar de destaque na nossa coleção, embora confessemos que damos preferência às Opalas de cor clara, evitando a preta (sinais da velha superstição, sem dúvida). Como habitualmente, não se esqueça de limpar   e de  programar a sua pedra, tendo em conta que ela   não é das mais robustas e exige alguns cuidados, precisando desse modo de uma limpeza mais suave,

Pedras e Cristais, Ónix

onix3

Hoje falamos de  uma outra  pedra preta. O Ónix é uma das pedras mais conhecidas e tem sido largamente  usado  na gemologia desde há muito tempo. Porém, a pedra de Onix que estamos habituados a encontrar é geralmente tingida para ficar com uma cor  uniforme de preto, sendo extraída de Ágatas ou Calcedónias, com as quais se mistura, distinguindo-se pelas bandas direitas, ao contrário das Ágatas, cujas bandas são curvas . Muitas das pedras existentes no mercado  com a designação de Ónix também não são  verdadeiro Ónix mas variedades de outros minerais, como  a Calcite, extraídos no México e Paquistão e que se distinguem por terem uma dureza  inferior à do  Ónix verdadeiro.

O Ónix natural é um quartzo criptocristalino com uma dureza de entre 6 e 7 , é um dióxido de Sílica, uma variedade de silicato de Calcedónia  com bandas paralelas, particularidade que o distingue das Ágatas ,com bandas curvas. As cores destas bandas pode variar do branco ao preto, passando por um leque variado de cores, que apenas exclui o azul e o púrpura.

onix2

A palavra «Ónix» deriva do grego que significa garra, unha , existindo uma variedade cor de carne que se parece com um dedo. A pedra de Ónix é composta por camadas finas sobrepostas de sílica, quartzo e manganite. Como é fácil a sua coloração, desde a Antiguidade que se muda o aspeto desta pedra recorrendo à sua coloração artificial.  O Ónix preto é o mais apreciado, sendo geralmente obtido a partir da variedade cinzenta, por coloração.  É possível encontrar Ónix branco, preto, cinzento e amarelo. Esta pedra tem um brilho característico, acetinado. As bandas de cor podem ser brancas, rosa,  castanho, vermelho. Pode possuir múltiplas camadas de preto e de branco, geralmente tendo uma base preta e a cor branca na parte superior.  Quando  as bandas são pretas ou vermelhas a variedade recebe o nome de Sardonix.  Hoje em dia o Ónix extrai-se no Brasil, México, USA, África do Sul, Madagáscar e Índia.

Quanto às propriedades metafísicas do Ónix, é referido pela tradição a qualidade de esta pedra aumentar o poder e a energia pessoal, talvez sendo essa a razão pela qual alguns lançaram a reputação negativa de esta pedra ser usada para lançar ataques psíquicos. Outras fontes tradicionais, porém, referem a capacidade de esta pedra servir para o oposto isto é, para proteger de toda a negatividade que nos é dirigida pelos outros.  Esta pedra aumenta a resistência e a persistência,  a capacidade de concentração , focando a mente e  melhorando a atenção aos pormenores. É referenciada como «pedra de poder» pois ajuda a pessoa a conservar a sua energia e autopoder,  favorecendo a disciplina, o poder  da vontade e o autocontrole.

Alguns salientam a capacidade de esta pedra ajudar a libertar de emoções negativas e favorecer o relaxamento, sendo também útil quando é preciso enfrentar desafios na vida , principalmente quando a pessoa está já debilitada ou exausta. Desde há muito tempo que os colares de Ónix têm sido usados para ajudar a libertar de medos e de preocupações, ao mesmo tempo que harmonizam a dimensão física com a espiritual. Esta pedra aumenta a  atitude positiva em relação à vida e, pela capacidade de fortalecer a energia física, é considerada uma excelente pedra para ser usada pelos atletas.

onix 1

O Ónix trabalha com vários chakras, fazendo a ligação entre o chakra da raiz e o chakra da coroa (Ónix branco). É uma pedra vigorosamente enraizante, ligando a nossa energia à da Terra.  Na terapia com cristais, o Ónix é usado para ajudar a curar feridas; é usado no parto (para facilitar o nascimento da criança), nos tratamentos dos olhos e dos ouvidos. Fortalece os ossos, os dentes ,a pele e as unhas  e ajuda a regeneração celular. Incentiva a saúde geral, ao promover o aumento da energia e a resistência, ao mesmo tempo que limpa os sentimentos negativos, ajudando a ser mais assertivo . Por essa razão ajuda a assumir responsabilidades e a acabar com ligações ou relacionamentos negativos.

O Ónix deve ser limpo regularmente, com água corrente  durante alguns minutos, duas ou mais vezes por mês, quando usado com frequência.  Pode ser carregado em cima de um cristal de rocha ou, durante a noite, enterrado na terra de um vaso de flores, sendo que esta última forma de limpeza é   particularmente poderosa, carregando fortemente a pedra.

Finalmente, o Ónix é uma das pedras mais acessíveis em termos de preço pelo que essa é mais uma razão para que ela não falte na sua coleção. Certifique-se , porém, de que está a adquirir verdadeiro Ónix, e não Calcite ou outra variedade diferente, tingidas de preto.

Pedras e Cristais, Obsidiana

obs1

A Obsidiana  é produzida pela atividade vulcânica, quando a rocha derretida  arrefeceu demasiado depressa em contacto com a água, não tendo tido tempo de cristalizar e  de se transformar em vidro, surgindo então uma pedra com uma textura brilhante e vítrea.

A cor mais comum da Obsidiana é o preto mas também pode encontrar-se em castanho claro, castanho motejado de preto e preto com brilho prateado ou dourado, etc. A Obsidiana Floco de Neve tem, como o nome indica, pontos brancos que se formaram nos locais em que a rocha começou a cristalizar. Mas a variedade que é mais valorizada na gemologia é a Obsidiana Arco-íris, que contém bandas de verde, púrpura e ouro.

Há muitas evidências nos vestígios  fósseis antigos  do uso da Obsidiana para fazer pontas de lanças e de setas , máscaras, ferramentas, instrumentos cortantes, espelhos e joalharia, facas, lâminas afiadas, etc.. Desde a pré- história que a maleabilidade da Obsidiana a tornou num dos minerais com maior uso e utilidade.

 

A Obsidiana existe em qualquer local onde tenha havido intensa atividade vulcânica mas, nos  tempos atuais as fontes principais deste mineral encontram-se na América do Sul, Japão, México, Afeganistão , Índia e  vários locais nos USA.   Na reserva Apache no Arizona existe uma variedade de Obsidiana conhecida como «Lágrimas de Apache».

obs2

A Obsidiana é constituída por 70 ou 80 % de Sílica e 20 ou 30% de Magnésio e óxido de ferro. A constituição química  da Obsidiana é semelhante ao granito.

A Obsidiana preta é considerada um poderoso agente de limpeza psíquica no interior da aura e também uma das pedras que melhor protegem contra ataques psíquicos. A sua energia forma um escudo contra todas as energias negativas e, segundo alguns, é uma energia que estimula o dom da profecia, nos naturalmente dotados. No passado, esta pedra  brilhante foi usada para fins de vidência.  Usada de forma contínua, ajuda a remover toda a negatividade acumulada pelas atividades do quotidiano, o stress , a raiva e medo  e de todas as emoções e sentimentos negativos, como ressentimento, etc. Alguns também lhe atribuem a propriedade de libertar de ligações negativos que atraímos involuntariamente para o nosso campo de energia e é usada para cortar cordas de ligação emocional, ajudando a libertar de ligações indesejáveis. Ajuda a selar o nosso  campo de energia de possíveis problemas antes que  estes surjam,  pelo que é benéfico transportar a pedra continuamente dentro  da aura, por ex., no bolso.

obs2

A Obsidiana também liberta de problemas passados, incluindo as emoções negativas dos outros e tem um grande poder de enraizamento, (para este efeito, deve ser colocada próxima do chakra da raiz em alguns instantes de meditação),  estando associada ao chakra da raiz, pelo que estimula a cura natural . A Obsidiana absorve a energia negativa do ambiente e, por isso, deve ser limpa com muita frequência, por ex., deixando-a debaixo de uma torneira de água corrente ou de um fluxo de água natural, se possível, durante alguns minutos por dia.

Na terapia com cristais, esta  pedra também é usada mas é uma pedra com uma energia muito forte e que atua rapidamente e, por isso, deve ser usada com cautela. Pode trazer emoções e sentimentos negativos à consciência, bem como algumas «verdades» que podemos ter dificuldade em enfrentar mas, depois disso, pode regressar a tranquilidade mental.  Traz clareza de pensamento e permite compreender as razões profundas dos nossos bloqueios emocionais; limpa o estado mental de confusão e de traumas por resolver, embora o faça de forma algo abrupta, pois esta pedra é conhecida  como «pedra da verdade» ; estimula a honestidade connosco próprios e ajuda  a  ter coragem para recuperar conteúdos subconscientes de modo a permitir o desenvolvimento e o surgimento de caminhos  novos.

Na terapia com cristais é usada para reduzir as dores de artrite, dores articulares, cãibras, problemas de estômago, sendo também benéfica na cura de infeções bacterianas, problemas nos intestinos, lesões no tecido muscular. Pela remoção da negatividade, ajuda a combater a depressão e a recuperar o controlo e a resistir ao stress da vida. Estimula o crescimento levando a percecionar novas oportunidades. É-lhe ainda atribuída a capacidade de desintoxicar e de aquecer os pés e a mãos.

Durante muitos séculos a Obsidiana foi usada pelos  xamãs para entrar em contacto com a realidade espiritual e diz-se que ela também permite contactar com o guia espiritual. Ajuda a visão interna e externa e estimula a coragem para descobrir os próprios recursos que estavam escondidos ,permitindo seguir em frente. Não é uma pedra para «fracos», ´pois obriga a confrontar aquilo que, muitas vezes, não queremos ver. Mas é uma pedra para todos os que prosseguem um caminho de vida assente na ideia de desenvolvimento pessoal a todos os níveis..

Por tudo isto, pensamos que a  Obsidiana  merece ter um lugar na sua coleção. Atreva-se e verá que não se arrepende.

Pedras e Cristais, Novaculite

 

nov1

A Novaculite é uma pedra  com características especiais: é uma «pedra navalha», tal como o seu nome indica (do latim novacula) e corta muito especialmente as «cordas psíquicas» ou etéricas que se formam sempre que criamos uma ligação emocional com alguém ou alguma coisa, e estas «cordas» permanecem, mesmo quando a relação com as pessoas ou as coisas que as originaram  já não existe, criando bloqueios e estagnação que impedem que a pessoa siga realmente em frente prosseguindo novos caminhos. Também se caracteriza, segundo os entendidos, por «cortar» através dos problemas ajudando a prosseguir um caminho novo e a superar velhos problemas com novas soluções.

Esta pedra tem uma história muito antiga pois tem sido  usada desde há mais de 3000 anos, primeiro pelos povos da Idade da Pedra, que a usavam  para fazer pontas de lança e de setas, e também tem sido usada como pedra de amolar, para afiar facas e aguçar metais, outras pedras, etc.. Trata-se de uma forma de sílex, rica em sílica e  são geralmente distinguidas duas variedades, ambas classificadas pela Indústria, que continua a usá-la largamente como pedra abrasiva: a pedra «washita», com um brilho de porcelana, porosa e menos densa que a «pedra do Arkansas», que possui uma estrutura microcristalina muito fina, com um brilho ceroso e que tem despertado ultimamente interesse  na gemologia como pedra de lapidação para fazer joias. O aquecimento da pedra produz mudanças significativas nas cores originais.

idad

A Novaculite é explorada na região montanhosa do Arkansas, nas montanhas Ouachita, na Califórnia, no Brasil, nas Montanhas Urais,na Rússia e em várias partes de África. Esta pedra é uma rocha sedimentar, dura e densa, composta por microcristais de quartzo e sílica e é translúcida  na zona nos bordos. A sua cor vai do branco ao acinzentado,  do castanho  ao preto.

A Novaculite possui uma energia de alta frequência e é por isso associada aos chakras superiores do 3º olho e da coroa, embora ative todos os chakras, contribuindo por isso para o bem estar geral.  Algumas pessoas que tiveram contacto com esta pedra afirmam que a sua colocação em cima do chacra do 3º olho ou da coroa produz um formigueiro característico que se mantém por bastante tempo após a retirada da pedra.  A sua ação geral é de desbloquear todas as energias e permitir que a energia eletromagnética flua livremente pelo corpo. Alguns afirmam que a sua energia elevada permite contactar com seres angélicos e ajuda nas experiências espirituais. Ainda no campo metafísico, é considerada uma pedra excelente para atuar no corpo etérico, naquilo a que se chama «cirurgia psíquica».  Considera-se que o seu uso aumenta também o magnetismo pessoal.

Um dos efeitos  mais significativos desta pedra surgem no plano emocional, pela capacidade de cortar as «cordas psíquicas», libertando assim as pessoas que a usam dos cordões etéricos que se formam com  aqueles com quem formaram ligações emocionais e que  perduram para além dos próprios relacionamentos, formando um lixo psíquico que bloqueia as energias da pessoa e a impedem de seguir em frente de forma livre.

nov2

 

A Novaculite ajuda também, na terapia com cristais, a tratar a depressão, as desordens obsessivas, liberta de sentimentos de desespero e de falta de esperança. É uma energia que ativa e energiza todos os chakras  e é ainda usada no tratamento de verrugas e  de sinais.

Apesar de não ser uma das pedras mais fáceis de encontrar e de  adquirir, vale a pena procurar esta pedra extraordinária, pelo efeito revigorante e de limpeza psíquica  que nos proporciona.

Pedras e Cristais, Morganite

morg1

A Morganite é considerada como uma das pedras de frequência mais elevada. Trata-se de uma variedade de Berilo, à qual também pertence a Esmeralda e, quando foi descoberta, no início do século 19, na Califórnia, ficou conhecida  como Esmeralda Rosa. Em 1911 foi-lhe atribuído o nome de «Morganite» em honra do mecenas, banqueiro e colecionador de minerais J. P. Morgan, pelo contributo que este deu para o Museu  Americano de História Natural.

A cor mais frequente da Morganite é o Rosa, maioritariamente em tons pastel e Rosa claro ou translúcido mas também existe em tons de amarelo, laranja , rosa/violeta e salmão claro. Frequentemente encontra-se também com bandas de cor. Este mineral forma-se em massas e cristais prismáticos e pode atingir largas dimensões, pelo que é possível o corte de gemas grandes.  As fontes principais de Morganite  nos dias de hoje encontram-se no Brasil, Madagáscar, Afeganistão e Califórnia.  A qualidade gemológica da Morganite está intimamente ligada à sua cor e, segundo os entendidos, deve preferir-se os exemplares grandes, que  permitem apreciar melhor a beleza deste mineral.

mor2

A Morganite é uma pedra dos Anjos , permitindo, segundo a tradição, comunicar com seres angélicos  e é também uma  «pedra de amor», sobretudo do amor incondicional e divino. Atrai, segundo estas fontes, um amor verdadeiro ou permite reacender um amor antigo.  A sua energia promove a compaixão e a empatia, equilibra as emoções e diminui a dor causada pelas situações de separação.

Esta pedra  tem sintonia com o chakra do coração , abre e cura este chakra e limpa o corpo emocional de stress, de  ansiedade e de traumas antigos. Ajuda a desenvolver uma perspetiva mais otimista acerca das coisas e fortalece o impulso de seguir em frente, apoiado por um sentimento interior de calma e de paz. Ajuda neste sentido a superar o medo, a raiva, o ressentimento , levando a  ter consciência das próprias necessidades emocionais não preenchidas. A energia da Morganite estabiliza o campo emocional, traz sabedoria e calma e abre a capacidade para sentir amor e aceitar atos e palavras de amor por parte dos outros. Diz-se que esta pedra ajuda a libertar velhos laços e relacionamentos que acabaram de forma negativa ou que estão pendentes e precisam de ser resolvidos. Tem sido referido que usar uma joia de Morganite de forma continuada traz paz, alegria e força interior e aumenta o sentimento de confiança através da perceção de estar conectado com as forças do amor divino.

morg

Na terapia com cristais, a Morganite fortalece o coração, ajudando a corrigir palpitações e outros problemas relacionados; limpa os pulmões e complementa os tratamentos em caso de enfizema, asma, tuberculose, problemas respiratórios e da garganta. Também ajuda em caso de doença cardíaca e doenças relacionadas com o stress; aumenta a capacidade de oxigenação das células, ajuda a combater as vertigens e a curar problemas na laringe, na língua e na tiroide.

Segundo a tradição, a Morganite é uma pedra que atrai a alma-gêmea, devido à ligação que tem com as energias divinas.  Também é usada em situações de perda e de desgosto profundo, aceitando as experiências difíceis como necessárias para o crescimento individual. Muitos atribuem-lhe a capacidade de restaurar a confiança perdida no divino e de despertar a consciência de se sentir  apoiado no plano espiritual com a convicção de nunca estamos sozinhos ou desamparados.

Assim, a Morganite é sem dúvida uma pedra que gostaremos de ter na nossa coleção e para nos acompanhar sempre pois aumenta a nossa visão otimista acerca das coisas e ajuda-nos a ver  o lado bom da realidade.

Como sempre, não se esqueça de limpar e  de programar  o seu exemplar recém adquirido.