O 18 º Nakshatra – Jyestha

CARACTERIZAÇÃO
Situa-se entre os 16º 40’ e os 30 º de Escorpião
É constituído por um conjunto de 3 estrelas, das quais Alpha Scorpionis é a mais brilhante.  O seu símbolo principal é um talismã redondo  ou  um chapéu de chuva.
A divindade que preside é Indra, outrora adorado como um dos principais deuses, deus das tempestades e da chuva.
O regente astrológico  é Mercúrio.
O propósito de vida associado a esta constelação é ARTHA,  o poder de criar riqueza  para abrigar e alimentar o corpo e desenvolver competências  que permitem  novos conhecimentos  para enriquecer o espírito.
O temperamento (GANA) é Rakshasa.  O uso da energia e da vontade para desenvolver influência no mundo.
A constelação está associada ao poder (shakti) que permite gerar coragem para a conquista no campo de batalha.
SIGNIFICADO SIMBÓLICO
 A palavra «Jyestha» significa  o mais velho, o que possui  a suprema glória.  A divindade  associada, Indra,  é o protetor dos heróis, é o guerreiro divino que impõe a sua autoridade pelo uso da coragem e valentia no campo de batalha.
Jyestha  representa a autoridade, conquistada pelos seus feitos  de valentia e que, como a voz de indrao trovão– , se impõe pelo temor  da sua agressividade e pela  sua presença dominadora.
Mas a chuva que também provém de Indra é essencial para a renovação e germinação da vida  e, a seguir à tormenta ,o cair da chuva é o momento em que a natureza se pacifica para dar lugar à  serena regeneração  transformação.
Esta estrela  revela  assim também o poder de se nascer de novo , após o final de um ciclo, de crescer no mundo material e ir para além dele pela força da coragem e da valentia e tornar-se outro, pelo domínio de si próprio entretanto adquirido.
 O tipo de energia envolvido nesta constelação, apesar da orientação para a busca de riqueza, é predominantemente espiritual (Sattva) mostrando , na irrequietude característica desta constelação o impulso para atravessar a materialidade até ao seu contrário. Daí encontrarmos associado também ao Nakshatra o sentido de «chegada», de «tornar-se».
CARACTERÍSTICAS FÍSICAS, PSICOLÓGICAS E COMPORTAMENTAIS
A partir das características simbólicas referidas, observamos nas pessoas nascidas nesta constelação  uma extraordinária energia  e rapidez na consecução das suas tarefas, na irrequietude e brusquidão dos gestos que facilmente se transformam em agressividade, na sua relação fácil com o poder e a autoridade.
Relacionada com a ideia de «autoridade» está também a  preocupação com a imagem,  com a obtenção de respeito  e de reconhecimento do seu estatuto pela comunidade
Apesar disso, tem o  temperamento de alguém sempre pronto a explodir, não aceitando conselhos de ninguém, seguindo  a orientação da  sua consciência.  Por vezes revela falta de tato, dizendo o que pensa sem pensar nas circunstâncias ou no momento apropriado.
Não consegue guardar qualquer segredo,nem acerca de si próprio, tem  necessidade de dar a ver, de mostrar  e de se mostrar em total transparência. 
Amadurece muito depressa, do mesmo modo que age e aprende rapidamente
Gosta de seguir as normas estabelecidas e tem responsabilidade social , gostando de ajudar os outros e de prestar serviço à sociedade. No entanto, é muitas vezes visto como excêntrico e individualista. Normalmente gosta de se associar às elites.
Tem tendência para  uma certa melancolia e tristeza, podendo alguns mergulhar facilmente em  diversas formas de escapismo  como álcool ou drogas
Gosta de uma vida independente e possui  geralmente um círculo estreito de amigos . Gosta de se divertir e de viver depressa, de modo excitante e rodeado de luxo.
Fisicamente sobressaem os seus olhos perscrutadores e penetrantes.  O rosto  é atraente  mas  muitos revelam dentes irregulares.
Saúde: Necessita de alguma protecção em relação a situações de febre e doenças respiratórias.
DESTINO
O nativo pode deixar a família cedo na vida para procurar um lugar para si.  Terá que ganhar a vida através dos seus próprios esforços o que não lhe oferece problema de maior uma vez que é um trabalhador árduo e habitualmente consegue obter uma boa posição na vida em pouco tempo.
Entre os 18 e os 26 anos enfrenta habitualmente as  experiências mais desafiadoras. Entre os 27 e os 50 anos a sua vida  melhora e estabiliza lentamente mas de modo progressivo. A partir dos 50 anos a sua situação melhora substancialmente em influência e estabilidade, colhendo então  os frutos do seu trabalho árduo.
A vida familiar costuma ser satisfatória, apesar de poder ter que enfrentar algumas separações dolorosas.
Cada Pada acrescenta ainda as seguintes características específicas:
  1º PADA- Sagitário Navamsa- 16º40’ a 20º de Escorpião.
Regente Júpiter. Os nativos têm sentido de humor, são orgulhosos, têm talento para a escrita, vivem honradamente, são ligados à família, podem passar por situações económicas extremas.
2º PADA- Capricórnio Navamsa-  20º a 23º 20’ de Escorpião.
Regente Saturno. Os nativos caracterizam-se pelo espírito protetor, pela responsabilidade de fazer o que é devido, pela ausência de egoísmo, pela honestidade e eloquência, por serem, habitualmente,  vitoriosos. São materialistas 
3º PADA- Aquário Navamsa- 23º 20’ a 26º40’ de Escorpião.
Regente Saturno. Os nativos caracterizam-se pela sua humanidade, pelo seu espírito de serviço; são  proprietários. Fisicamente podem ter um problema na perna e sofrer por causa dos olhos. Podem guardar amargura em relação a membros da família. Alguns são cruéis.
4º PADA- Peixes Navamsa- 26º 40’ a 30 º de Escorpião.
Regente Marte. Estes nativos regem-se pela emoção, são responsáveis, materialistas, alguns são briguentos e cruéis. Procuram a  libertação. Alguns são indulgentes, perdendo-se na fantasia e na intoxicação. Podem ter problemas de saúde.
O sábio Varahmihira   disse que  esta  influência lunar  dá uma aparência zangada, poucos amigos, lascívia, contentamento e sentido de responsabilidade.

O 17º NAKSHATRA – ANURADHA

CARACTERIZAÇÃO
Situa-se entre 3º 20’ e 16º 40’ de Escorpião
É constituído por três  estrelas cuja forma faz lembrar um chapéu de chuva.   A divindade que preside é Mitra (uma das personificações do Sol)  o «amigo divino». 
O regente astrológico  é Saturno. É  representado por um arco de triunfo  ou por uma flor de Lótus.
Forma um par com o Nakshatra anterior, Vishakha, pelo que simbolicamente estão relacionados.
Exprime-se  pela «Aradhana shakti» , o poder da devoção.
Representa o propósito  de vida Dharma ou Vocação, indicando o desenvolvimento do self no mundo material  e a construção sua identidade.
O temperamento (Gana) é DEVA.  Representa a  disposição amigável que procura  a harmonia  e o entendimento na realização de uma causa comum.
SIGNIFICADO SIMBÓLICO
Comecemos pela relação entre esta constelação e a anterior,  Vishakha : Anuradha significa, literalmente, «outra Radha». Ora, Radha é, por um lado, a amada de Krishna, por outro lado significa  deleite, fruição.
No Nakshatra anterior observamos o caminhar solitário do pioneiro que rejeita  os velhos  caminhos   e avança  de forma incerta pelo desconhecido  para  desbravar, na solidão no vazio, uma  direção nova e por isso enfrentando  a desarmonia, a dualidade e  todos os antagonismos. Era um pioneiro só contra tudo o resto. 

O nativo de Vishakha exprime em si mesmo esta dualidade e antagonismo. Demarca-se e diferencia-se.

Na constelação de  Anuradha, por outro lado,podemos ver a disposição para a superação do antagonismo, a rejeição dos dualismos e  extremismos de toda a ordem pela procura da articulação entre todos os opostos;
Na constelação de  Vishakha o mundo aparece sempre dividido   em duas partes inconciliáveis; em Anuradha compreende-se que os opostos não são absolutos e que, num determinado ponto, existe uma relação entre eles, uma possibilidade de conciliação e de união.
Mas o «sucesso subsequente» representado  por Anuradha só é possível porque anteriormente alguém aceitou o risco de avançar só e sem apoio por um caminho novo e inseguro– esse é o mérito de Vishakha.
E, com essa  superação dos dualismos pela compreensão da sua articulação, temos um novo deleite, não escapista nem mero expediente para encher o vazio da existência mas o deleite causado pela experiência da fraterna ligação entre todas as coisas e todos os seres, que traz finalmente a paz  e a serenidade interior
Anuradha é a descoberta da relatividade de todas as separações e opostos, a compreensão da profunda ligação entre todos os pólos da criação
Assim, o significado de «exploração» e de «solvente universal» tem a ver com esta descoberta da íntima interação entre todas as coisas.  As  diferenças existem apenas  num nível superficial
 É por isso que a constelação está associada À ideia de «ver a verdade» para lá de todas as mentiras, sejam estas a nível pessoal ou social. É este o sentido do «sucesso subsequente» também relacionado com o nome da constelação.
CARACTERÍSTICAS PSICOLÓGICAS, FÍSICAS E COMPORTAMENTAIS
A disposição de abertura e conciliação das diferenças e extremos, característica desta constelação, dá aos nativos a sua abordagem amigável  e conciliatória, desempenhando um papel importante como mediadores ao nível da comunidade e dos grupos
São pessoas independentes  e com capacidade de liderança, focadas essencialmente em estabelecer a comunicação entre lados opostos, sejam estes quais forem. 
São pessoas que gostam da Lógica e dos números, mas também valorizam a experiência empírica e material.a sua  curiosidade  impele-os  a explorar o mundo pelo que muitos  adoram viajar e conhecer costumes e modos de ser diferentes.  Têm capacidade para se adaptar aos meios mais diversos. Gostam de Arte e são muito criativos. São também eloquentes ao nível do discurso.
Na vida pessoal podem ser um pouco «secretos», alternando comportamentos   que passam  da  tranquilidade  para  a extrema exuberância.

relação  com os outros  é sempre marcada pela amabilidade, delicadeza e compreensão mas não mantêm, a nível pessoal, relacionamentos por muito tempo devido à sua necessidade de liberdade e independência. Não perdoam facilmente quando ofendidos.

Fisicamente  estas pessoas são geralmente  atraentes e têm  olhos brilhantes. (considera-se que a associação da Lua com Marte nas suas cartas  natais lhes retira atratividade).
DESTINO
Tal como sucede na constelação anterior, os nativos de Anuradha não têm muito apoio da família  durante a infância e são pessoas que se «fazem a si próprias».  
Tornam-se auto- suficientes muito cedo na vida e, entre os 17 e os 48 anos, podem ter que enfrentar bastantes desafios. Após essa idade costumam ter uma vida estável e sem grandes problemas.
Não são muito  vocacionados para o casamento mas, os que casam, costumam ter sorte na vida conjugal.
A saúde é, em geral, boa.
Cada Pada acrescenta as seguintes características específicas:
1º PADA-  Leo Navamsa- 3º 20’ a 6º 40 ‘ de Escorpião.
Regente sol. Os  nativos caracterizam-se pela sua capacidade de  auto-realização, por serem pessoas orientadas para a carreira, com conhecimentos sobre a sabedoria antiga. São pessoas verdadeiras que fazem boas acções. Têm talentos para a advocacia. Alguns são vaidosos e ouvem maus conselhos.
2º PADA- Virgem Navamsa- 6º 40’  a 10 º de Escorpião.
Regente Mercúrio. Os nativos caracterizam-se pelo seu intelecto, pela capacidade de disciplina,  aprendizagem e discriminação, pelo seu poder de realização. São pessoas realistas, gananciosas mas generosas, e têm habitualmente sorte. Alguns são religiosos. Vivem muitas vezes em terras estrangeiras.
3º PADA-  Balança Navamsa- 10º a 13º 20’ de Escorpião.
Regente Vénus. Os nativos são muito criativos, tendem para a vida boémia, para o gosto pelo ocultismo, são muito sociáveis. São sábios, verdadeiros, ambiciosos e divertidos.
4º PADA- Escorpião Navamsa- 13º 20’ a 16º 40’ de Escorpião.
Regente Marte. Os nativos têm uma abordagem esotérica das coisas, têm espírito de luta, são apaixonados, corajosos  e verdadeiros.  Alguns zangam-se facilmente e são dados a enganar os outros.
O sábio Varahmihira  disse que esta influência lunar  torna estas pessoas viajantes, ricas e com grande apetite, não conseguindo estar muito tempo sem comer!