O Significado de Marte no Horóscopo- Parte 2


Simbolicamente, Marte  é um  «nascido da Terra». Isso faz dele  um planeta da acção e da capacidade para  conceber e  construir   instrumentos e armas que permitem adquirir poder. Poder  sobre os oponentes, poder sobre o  meio que o rodeia. Ele é o  indicador dos braços e da força física.
 A energia de Marte, em conjunto com  a  energia  do  Sol e a energia  de  Júpiter  tem a função de apoiar e  preservar as forças de vida.  Poderá por isso parecer estranha  a classificação astrológica  de Marte como «planeta maléfico». 
Tal razão deve-se ao dualismo inerente da energia marciana: a mesma energia tanto pode ser usada na luta pela preservação da vida como  na sua destruição.Cada indivíduo é  que  decide qual a orientação que seguirá no uso dessa energia. Não é por acaso que Marte também simboliza a  disciplina e o auto-controle. 
Marte é o  deus da guerra,  mas esta não é a explosão espontânea da violência fora de controle. A guerra implica  planeamento, racionalidade estratégica e poder de organização para resolver conflitos  que outros meios não conseguiram superar. E pressupõe princípios e um código deontológico de acção. É por isso que a energia de  Marte não pode ser entendida primariamente como violência. É uma agressividade conduzida pela inteligência estratégica e pela necessidade de defesa. 
Todos nós sabemos, no entanto, que essa mesma energia pode transformar-se numa poderosa força de destruição, tanto a nível individual como colectivo. E é por causa do seu tremendo poder destrutivo que essa energia é considerada tradicionalmente como  maléfica.
Mas é também a energia de Marte que nos dá o sentimento de plenitude e alegria por um objectivo alcançado com sucesso após muito esforço– o sentimento de vitória pessoal que nos permite a experiência da auto-realização;

 

É a energia de Marte que nos permite aventurar no desconhecido e fazer crescer o mundo humano e as suas conquistas no campo da ciência, da tecnologia e da civilização– as grandes descobertas acerca do nosso mundo e do espaço sem fim, as grande obras da tecnologia e os atos  heróicos de bravura, a capacidade para  correr riscos em nome dos nossos ideais e dos nossos sonhos, tudo isso é  fruto da energia de Marte na nossa vida
É a energia marciana que tem estado presente na filogénese da espécie humana e tem permitido a sua evolução  ao longo da longa caminhada do homem no planeta Terra
É por causa dela que nos temos transformado e construímos um mundo à imagem das nossas necessidades: a tecnologia, a engenharia, a cirurgia que nos permite «ferir» para salvar vidas, a mecânica e todas as competências para fabricar máquinas e utensílios– e também armas– são expressão da energia marciana.
Porém, há situações em que a energia de Marte está presente na matriz  da carta natal  de uma forma que é potencialmente mais destrutiva nas nossas vidas. Porque nenhuma energia atua isoladamente e certas interacções são harmónicas e outras são conflituosas. 
Do mesmo modo que alguns  seres humanos nasceram com  cérebros diferentes dos indivíduos normais e, por causa disso,  são potencialmente mais orientados para cometer crimes sem inibição, astrologicamente também existem muitas vezes, na carta natal,  energias em  conflito. E algumas dessas energias, como a de Marte, podem, quando em conflito, causar mais danos na vida da pessoa do que outras. Esta a razão de serem classificadas como «maléficas» porque causam potencialmente mais sofrimento na vida das pessoas e/ou daqueles com quem ela interage.
Em primeiro lugar, podemos considerar que a energia de Marte é especialmente positiva quando está no seu signo de exaltação, Capricórnio, especialmente quando se situa nos  28º desse signo ou   quando está colocado nos dois signos que rege, Carneiro e Escorpião. Nestes signos esta energia exprime  as características positivas referidas no seu máximo grau e torna a pessoa uma vencedora em todas as áreas da vida.
Quando Marte se  encontra no seu signo de debilitação, Caranguejo, especialmente em 28º desse signo, as características positivas referidas não se  manifestam, o que significa que  a pessoa revelará falta das características marcianas na sua vidafalta de coragem, de energia potencial para desenvolver projectos e iniciativas, etc).   Estes factores podem no entanto ser alterados  pelos aspectos que Marte recebe de outros planetas  na carta natal e pela sua posição nas casas do horóscopo.
Marte na carta natal dá também resultados geralmente   positivos quando localizado nos signos regidos  pelo  Sol e por  Júpiter(Leão,Sagitário e Peixes). É especialmente favorável, devido à regência das casas,  para os nativos com Ascendente Caranguejo e Leão e muito desfavorável para os nativos com Ascendente Gémeos e Virgem.
A caracterização da energia de Marte no horóscopo depende de uma conjugação de vários factores: a posição por signo, por casa do horóscopo, por aspeto e associação com  os outros planetas e, finalmente, pela medição da sua força-  usando-se os métodos quantitativos próprios da Jyotish(Shadbaal, Vimsopack, Ashtakbarg, etc)
 Em termos gerais pode-se considerar que  dá resultados positivos na 3ª, 6ª, 10ª e 11ª casas. A  colocação na 1ª, 2ª, 4ª, 7ª , 8ª  e 12ªcasas  pode ter efeitos adversos na vida conjugalKuja ou Mangal dosha- significando um conflito de energias levado muito a sério na Astrologia Védica/Jyotish sempre que se fazem testes de compatibilidade relacional  entre parceiros que pretendem casar.
Marte tem elemento Fogo. A maturidade situa-se entre os 28 e os 31 anos, com o pico nos 28 anos.
Leva cerca de 45 dias a transitar cada signo, ano e meio a atravessar o zodíaco.  Relaciona-se com a  direcção  sul.  cor é o vermelho.
Dia da semana é a Terça Feira; a  pedra  é o coral vermelho . Na Numerologia, o número é o 9.