Compreender o Destino Pessoal – a Associação dos Nodos com os Outros Planetas.


Quando Rahu e Ketu se encontram associados a outros planetas  existem experiências específicas ligadas aos significados desses planetas e à sua localização na carta natal que definem o destino pessoal .
A energia de Rahu e Ketu  altera-se quando em  associação com outros  planetas– pois assumem  a natureza desses planetas magnificando as suas qualidades.
Rahu distorce  a energia dos outros planetas  exagerando os seus efeitos, que podem fazer-se sentir externamente ou psicologicamente ,cria ilusões de grandeza e de poder  associadas aos significados dos planetas e à sua localização. Rahu cria o desejo obsessivo pela posse mas simultaneamente faz surgir o medo de perder isso que se possui  pelo que podem surgir muitos comportamentos compulsivos  e dependências. Rahu também significa  todos os tipos de veneno e de substâncias intoxicantes (venenos, álcool, drogas).
 As conjunções dos planetas com Ketu  revelam tipos de experiência que já foram muito trabalhadas  e onde já desenvolvemos muitas competências. Desse modo, os planetas conjuntos com  ketu representam energias refinadas e maduras da nossa identidade embora  a pessoa possa não se sentir satisfeita com esse desenvolvimento. Isto faz com que Ketu interiorize e de certo modo desintegre  a energia dos planetas com que está associado.
Costuma-se dizer que Ketu nega o planeta com o qual está conjunto. O que se passa é que Ketu magnifica o planeta a que se  associa de maneira invulgar : ele é o ponto onde o karma da pessoa é processado e libertado para o  pólo de Rahu onde é vivenciado através das experiências significadas por Rahu.
Rahu na conjunção com um planeta mostra uma energia em desenvolvimento; Ketu mostra o ponto onde essa energia será completada.
A associação dos nodos com os outros planetas revela  as seguintes características psicológicas específicas:
A associação com o Sol
Rahu conjunto com o Sol O Sol simboliza a alma  e é por isso uma referência essencial . Quando conjunto com Rahu pode criar um tremendo desejo de poder e de ser o centro do mundo.  A pessoa fica obcecada pelo seu poder pessoal, procurando tudo o que lhe permita alcançar a máxima visibilidade.  O indivíduo sente-se impelido a exprimir uma personalidade forte, carismática e muito confiante, a imagem do seu  poder pessoal. Em algumas pessoas isto pode ser percepcionado como «um grande ego» e com expressões narcisistas de um extremo auto- centramento.
 Em todos os casos, porém, a imagem de autoconfiança esconde por vezes muito stress e ansiedade em relação às suas capacidades e valor pessoal.  O indivíduo necessita de explorar todos os aspectos da sua realidade pessoal para descobrir o significado da individualidade e  das metas do seu auto- desenvolvimento. Esta pessoa precisa de construir e  de estruturar o seu ego. É  este o foco do seu desenvolvimento na existência.
Ketu conjunto com  Sol é uma associação difícil porque o indivíduo é o maior crítico de si próprio, sempre insatisfeito com todas as suas acções e manifestações da sua individualidade. A função de Ketu é o trabalho interior que permite à alma descobrir a verdadeira essência  da identidade individual .  Para  alcançar isso Ketu cria sentimentos de desamparo, falta de confiança  e dúvidas acerca de si próprio . A forma como atua é a da humilhação e a  da perda  da  estabilidade mental. Nos indivíduos mais fracos isto leva   muitas vezes  a formas de dependência próprias de Rahu/Ketu, como as drogas e o álcool.
 Quando  Ketu está conjunto com o Sol, a auto-estima da pessoa é duramente colocada à prova. Esta pessoa é  perfeccionista , porém, nenhuma acção lhe traz o conforto da auto-realização e da satisfação pessoal. A nível subconsciente, esta pessoa está  progressivamente a libertar-se do ego pessoal e a desenvolver um sentido de identidade mais profundo e interior.  Ela dá-se conta, como ninguém, de todas as armadilhas e ilusões construídas  pela sua persona e as  formas de manipulação geradas pela vaidade pessoal e pela ambição mundana. 
 Estas pessoas passam muitas vezes por uma infância em que se confrontam com situações que os levam a duvidarem constantemente de si próprios.   Muitas delas tornam-se pessoas altamente espirituais embora pessimistas em relação ao mundo material.
A Associação com a Lua:
Rahu conjunto com a Lua A associação com a Lua é  uma das mais difíceis em termos de experiência pessoal. A Lua significa a nossa mente emocional, a consciência reflexiva nutridora e protectora,   a nossa capacidade para nos  harmonizarmos com o nosso ambiente e nos sentirmos em «nossa casa». Quando a Lua está conjunta com Rahu existe um sentimento de corte e de separação entre os sentimentos e as emoções e o corpo e o ambiente físico. Há  uma generalizada  sensação de desadequação e de alienação.
Há muitas vezes relacionamentos dolorosos , de todos os tipos porque  a pessoa  procura no exterior a segurança emocional que lhe falta interiormente  mas  o seu sentimento de desadequação não podeser  colmatado  dessa forma porque o seu sentimento de vazio tem origem no interior de si própria.
Com o tempo a pessoa interioriza o seu foco de atenção e  os tumultos emocionais apaziguam-se e pode mesmo desenvolver uma forte capacidade psíquica de percepção.
Ketu conjunto com a LuaEsta combinação  mostra uma pessoa que é extremamente crítica em relação à sua aparência física e às suas competências mentais e emocionais. É uma combinação também muito difícil pois há uma dificuldade em a pessoa se aceitar a si própria e às suas imperfeições e provoca muitas e difíceis mudanças de humor incontroláveis, sentimentos de culpa profundamente enraizados no inconsciente que muitas vezes  emergem na consciência e perturbam o equilíbrio emocional. Existe uma permanente sensação subliminar de auto- rejeição. 
A associação com Vénus
Rahu conjunto com VénusVénus é o planeta dos relacionamentos, da criatividade, da Arte,  dos prazeres físicos, da sexualidade e dos confortos gerais da vida. Rahu conjunto com Vénus magnifica todos estes significados pelo que pode levar a pessoa a procurar obsessivamente todo o tipo de confortos e luxos,  todos os prazeres,  podendo tornar-se bastante promíscua a nível da sexualidade e dos relacionamentos.  Há a tendência para a experimentação  insaciável de tudo o que a pessoa identifique como a sua fonte máxima de prazer .
A outro nível, em alguém  com talento artístico, por ex., pode levar à obsessão pela  criação (nunca aquietada) do objeto perfeito a nível artístico. Esta combinação pode , quando bem colocada, trazer riqueza e conforto à vida da pessoa. Mas há a tendência para a contínua irrequietude que nunca se satisfaz com o que alcança, seja qual  for a área em que a combinação se exprime (por causa do aspeto de Ketu). 
Ketu  conjunto  com Vénus-  Quando Ketu está colocado numa casa benéfica de acordo com a relação funcional dos planetas, pode trazer experiências de grande abundância material. Isto sucede porque a casa onde se encontra Ketu é percepcionada como um vazio gerando a necessidade de o preencher e, associado a um planeta benéfico, Ketu  aumenta as qualidades da casa onde se encontra, sobretudo se a conjunção se dá no signo do próprio planeta (neste caso Vénus). 
Quando isto sucede, nos períodos dasa de Ketu e Vénus, pode ser atingido grande sucesso material. Embora Ketu seja  um indicador das perdas, também mostra as áreas de vida onde tendemos a compensar esse sentimento de perda. Também é referido, no entanto, que toda a riqueza trazida por Ketu no seu período de 7 anos pode ser perdida no final desse período.
Para além destes aspectos,  há a referir que a conjunção de Ketu com Vénus mostra que a pessoa tem muitos talentos artísticos e criativos previamente desenvolvidos. 
Esta pessoa  explorou todos os aspectos  simbolizados por Vénus na sua experiência pessoal e, no presente, mostra a tendência para ser crítico em relação  a esses aspectos, tendo dificuldade em aceder de forma espontânea a essa área de vida que é objecto de insegurança e de dúvida em relação a si próprio.
 Ao nível dos relacionamentos, esta pessoa precisa de aprender que uma relação com os outros só é  duradoura  se for  para além dos aspectos físicos  e impulsivos da paixão e  se centrar numa interação mais profunda  que envolva a expressão espiritual do ser.
(Continua)

Poderá Gostar de Ler

Deixe um comentário a sua opinião conta