Indicadores de Riqueza no Horóscopo Natal #1

As Promessas do Horóscopo 
Quando analisamos um horóscopo, podemos ficar com uma ideia bastante clara acerca das várias áreas da vida da pessoa, incluindo os seus meios de rendimento e quais as suas principais fontes. Podemos deste modo avaliar se as principais  fontes de riqueza do nativo advirão do trabalho, de herança ou legado, do casamento, etc. Para uma melhor análise por vezes é necessário analisar as cartas astrológicas  de familiares.
A Astrologia Jyotish reconhece uma multiplicidade de métodos de análise e de ferramentas para nos dar essas informações. Discutirei algumas delas aqui e tentarei  mostrar, de modo simples,  alguns desses procedimentos de modo a que qualquer leitor, desde que disponha da sua carta astrológica possa, por si mesmo, averiguar qual o  potencial  geral de  riqueza prometido na sua carta natal.
Cada  carta natal contém um conjunto de indicações ou  «promessas » em relação aos vários aspectos da vida, destinados para cada indivíduo.  Essas promessas consistem numa determinada configuração das casas e dos planetas no horóscopo, da qual consta um certo número de assinaturas (yogas) que tanto podem «prometer» como «negar»  certos aspectos na vida da pessoa.
Estas assinaturas actualizam-se no tempo ou «frutificam» durante os períodos  e sub-períodos dos planetas envolvidos (mahadasha) também coordenados  com os trânsitos planetários.
O Ponto de Partida: o Ascendente
O primeiro ponto a observar com cuidado é o signo ascendente e o seu estado na carta natal:  um Ascendente forte e bem aspetado  permite diagnosticar as capacidades gerais (saúde, inteligência,  propósito de vida, etc)  para  o nativo desenvolver uma acção no mundo que lhe permita acumular riqueza- um indivíduo saudável, com boas capacidades físicas e mentais tem mais possibilidades gerais de ser bem sucedido nos seus empreendimentos.
Mas, para além deste «Ascendente natural»(Janma Lagna),  a Astrologia Jyotish também usa a posição natal da Lua e do Sol como «Ascendentes» contando a posição em que se encontram como ponto de partida ou 1ª casa. Deste modo, uma primeira análise geral consiste em  verificar, em cada uma das cartas natais assim encontradas, as várias casas do horóscopo  tendo por referência esses três pontos essenciais.

 Umas vezes, uma casa indicadora de acumulação de riqueza  como por ex. a 2ª  casa pode ser muito auspiciosa tomando o  signo Ascendente   como referência e não o ser nas outras. Quando os resultados auspiciosos de uma 2ª casa  a partir do signo Ascendente se repetem com significados positivos naquela que toma a Lua como Ascendente isso é uma indicação prévia geral de boas possibilidades para acumular riqueza para um determinado nativo.

O uso alargado do conceito de «Ascendente» pode mesmo estender-se a qualquer área mais específica relacionada: por ex., a 5ª casa relaciona-se com dinheiro ganho através de especulação- mercado de acções,etc- jogos como lotaria, etc. Por isso, se quero saber qual o meu potencial de sorte para ganhar através da especulação, analiso a 5ª casa e todos os factores com ela relacionados, podendo considerá-la como um «ascendente». A 2ª casa  por sua vez relaciona-se com o dinheiro ganho através de um emprego ou trabalho e, em geral pelo esforço pessoal.
 Deste modo, se analiso a carta natal para procurar uma fonte específica de ganho de dinheiro/ riqueza, posso tomar essa casa como o ascendente e procurar a partir daí, na nova relação que se forma em termos de casas e relação com os vários planetas, pistas que mostrem a minha capacidade de acumular riqueza a partir dessa fonte  específica.
Complementarmente ao estudo de cada uma das casas encontradas, é essencial analisar também a posição do planeta regente em cada caso e dos planetas associados a essas casas.
As Casas do Horóscopo e as Indicações de Riqueza
Na Astrologia Jyotish considera-se que o Zodíaco se divide em casas que potenciam o desenvolvimento de riqueza e casas que potenciam a pobreza:
Casas de riqueza no horóscopo
: indicador geral do estado do indivíduo e das suas capacidades.
: acumulação de bens. Quanto dinheiro podemos obter. Esta casa mostra as coisas de que somos donos, os bens imóveis, os rendimentos obtidos através do nosso esforço  e do nosso trabalho. É uma casa de compra e  de venda. Pode também mostrar um negócio.
5ª: é uma casa muito afortunada que revela o bom karma que acumulámos previamente e por isso relaciona-se com a «sorte» mas é uma sorte baseada no mérito das boas acções. Mostra ganhos a partir da especulação, do mercado bolsista ou de profissões relacionadas como corretor. Indica também os ganhos a partir dos jogos de «azar» e, como é a 11ª casa a partir da 7ª, mostra os ganhos a partir de um parceiro, o cônjuge,  um parceiro de negócios,etc.
: Esta é a 5ª casa a partir da 5ª por isso representa muito do que aquela casa significa.  Mas esta é uma casa mais expansiva e, enquanto a 5ª casa é a casa do «bom Karma passado», a 9ª é a casa do «bom Karma que ganhamos nesta vida». Ela representa a sorte, a riqueza material de todos os tipos, das oportunidades em geral e também das financeiras. É o indicador geral da «sorte» da pessoa.
10ª: esta casa relaciona-se com a carreira e rege o modo geral como ganhamos a vida. Se esta casa for forte e o seu regente e significadores (Sol-fama e estatuto-, Júpiter e Mercúrio– profissão) também forem fortes, para um nativo em que a principal fonte de rendimento é o trabalho, isto assegura uma boa posição profissional e de carreira que contribui para a acumulação de riqueza.

11ª: esta é a casa da realização dos desejos  e dos ganhos em geral . Mostra até que ponto realizaremos as nossas aspirações. Mostra a nossa habilidade para ganhar dinheiro, jóias, presentes, etc. Também indica a recuperação de coisas perdidas e a prosperidade em geral. Uma 11ª casa forte é um factor muito propiciador que fortalece  todos os outros bons indicadores financeiros no horóscopo.

NOTA:  Existe uma excepção no que se refere à descrição  dos significados   das casas 9 e 11. Estas casas são, para alguns signos, casas Badhaka isto é, de obstrução. Nesses casos essas casas e os seus regentes  trazem obstrução aos desejos da pessoa: a 11ª casa  a partir dos signos cardinais (Carneiro, Caranguejo, Balança e Capricórnio) é uma casa de obstrução;
A 9ª casa a partir dos signos fixos (Touro, Leão, Escorpião e Aquário) é uma casa de obstrução. Assim, para os signos considerados, a influência destas casas não é tão positiva  a nível financeiro como é para outros signos não afectados.
Casas de pobreza no horóscopo
6ª: Apesar de se tratar de uma casa «artha» ou relacionada com a riqueza, pode ser muito desafiadora pois é também a casa das lutas e dos conflitos, dos inimigos e dos problemas de saúde. Pode ser uma casa de servidão , de litígios, etc. Mas também pode indicar alguns aspectos positivos como ganhos a partir da relação com a saúde e a doença, com o sistema legal, com um trabalho dependente em vez de negócio próprio.
8ª: Indica calamidades e perdas súbitas e inesperadas, morte, problemas crónicos de saúde. Mas também pode indicar dinheiro recebido por herança ou dinheiro dos outros (não ganho), como o proveniente do parceiro  de vida, de clientes, parcerias, etc. Também representa o dinheiro de investimentos em propriedades (5ª a partir da 4ª), ganho a partir do trabalho com o dinheiro dos outros como contabilista, banqueiro, etc;
Esta casa também indica algumas profissões como fonte de rendimento: relacionadas com a morte como funerárias, etc., com terapia de longo termo , como as psicoterapias, com  trabalho relacionado com o oculto, etc.

12ª: Esta casa relaciona-se com as perdas e as despesas, a incerteza, o aprisionamento ou confinamento, os finais.  Mostra essencialmente os gastos da pessoa. Qualquer planeta aqui colocado por benéfico que seja, não anula o facto de esta casa indicar o gasto da riqueza ganha. Tal gasto pode ser em bons objectivos ou positivos ou, pelo contrário, em dissipação ou desperdício sem grande retorno (esta é  a diferença entre a colocação de um planeta «benéfico» ou «maléfico» na casa). Em termos profissionais, esta casa pode indicar  profissões como enfermeiro ou médico trabalhando em hospitais, guardas prisionais, etc. Também indica alguém que trabalha nos bastidores fora do olhar público.

Avaliação do Potencial de Riqueza das Casas do Horóscopo- Método da Força Ashtakvarga
·         Analisar o nº de pontos das casas 11 e 12 e ver se a 11 tem mais pontos. Se a 11 tem mais pontos o rendimento será superior às despesas e poderá  haver acumulação  de riqueza.
·         Analisar o nº de pontos da casa 11 e da casa 10. Se a casa 11 tiver mais pontos, significa que o nativo ganhará mais do que o esforço dispendido.
·         Analisar de o Ascendente tem mais pontos do que a 12ª casa pois isso significa que o rendimento é superior ao necessário para garantir os gastos com a sobrevivência.
·         Analisar se há mais pontos na 11ª do que na 4ª. Se houver isso indica ganho de bons veículos.
·         Analisar a pontuação das casas 1, 4 e 11. Se  cada uma tiver mais de 30 pontos isso é um indicador de boa riqueza a partir dos 40 anos.
·         Se a 4ª e a 6ª casas tiverem entre 25 e 30pontos isso indica bons ganhos após os 28 anos.
·         Se o nativo tiver, nas casas 4,5,6,7 e 8 uma pontuação por casa entre 25 e 30 pontos isso é indicação de riqueza considerável.        
Nota: os aspectos referidos são apenas alguns entre muitos indicadores de riqueza no horóscopo natal.  Devem por isso ser vistos em conjunto com outros elementos   de que falarei  nos próximos artigos.

One Thought to “Indicadores de Riqueza no Horóscopo Natal #1”

  1. Pedro&Pedro

    Ora aí está o que se precisa! Indicadores de riqueza!

Comments are closed.