Grandes Figuras da Ciência- Sigmund Freud pai da Psicanálise


Sigmund Freud
6 de Maio de 1856, 18 h 30 m
Príbor,  Império Austro-Húngaro (actual República Checa), 49 N 39, 18 E 10
Timezone: 14 E 26
(espólio de Lois Rodden)
Sigmund Freud efectuou uma verdadeira revolução na forma como vemos e compreendemos o ser humano, ao revelar a importância do Inconsciente  na determinação das acções humanas, da saúde mental etc. Ele deitou por terra a ideia, dominante desde os filósofos gregos, de que o homem é, essencialmente, um «animal racional». A razão, como ele bem mostrou, é apenas a pontinha superficial de uma Psique profunda que estamos longe de controlar. Com esta sua descoberta, aprofundada ao longo da vida, ganhou um lugar indiscutível  entre aqueles  que têm as marcas de um destino excepcional.
A Identidade Básica: Ascendente Touro, Lua  em Touro e Sol  em Carneiro
O Ascendente  está no signo de Touro e a Lua e Mercúrio estão presentes na 1ª casa do horóscopo. Deste modo, as características do Ascendente , associadas a uma mente prática ligada ao concreto e à procura do conforto e prazer material, as emoções e os sentimentos essenciais nos factores relacionais, ligam-se à subjectividade da Lua exaltada neste signo e a Mercúrio que impele o  destino individual para a procura do conhecimento.
Conhecimento da profundidade das emoções, da relação entre  a consciência e os pensamentos e as emoções subjacentes, muitas vezes impossíveis de verbalizar e de assomar à claridade da consciência. O Ascendente em Touro fez com que este médico neurologista  procurasse uma ligação entre a dimensão da mente e a expressão fisiológica dos instintos- pulsões – vendo os sintomas físicos  classificados na sua época como «histeria» como perturbações nascidas no plano inconsciente da mente. Mas, para Freud, a mente não se separa do corpo, da mesma maneira que todas as emoções e todos os pensamentos  e acções do homem se originam na mesma fonte energética original a que ele chamou «líbido». Touro é um signo  de terra, as suas bases são sempre o plano do concreto e isso é bem visível no trabalho de Freud.
 A Lua em Touro deu-lhe a determinação e a persistência para continuar os estudos acerca do Inconsciente  com as implicações que, na época, a sua teoria teve. A Lua em Touro é um pouco egocêntrica, e, neste caso, a colocação na 1ª casa  em conjunção com Mercúrio, transformou este indivíduo num pesquisador determinado em desvendar as bases da consciência na relação com os processos emocionais inconscientes.
O sol está colocado em Carneiro, o signo da sua exaltação. O impulso para um destino pioneiro, como descobridor da natureza fundamental do ser humano, tornou-se forte, mais ainda porque  está colocado na 12ª casa, junto com Rahu e com Vénus. Rahu  é o planeta do desejo, das pulsões interiores que movem o  indivíduo com uma força incontrolável.
Vénus é o regente do Ascendente. Esta configuração, nada favorável à primeira vista porque afecta a saúde e provoca perdas e despesas, isolamento, etc., no caso de Freud é uma configuração quase profética: a 12ª casa é também a casa dos aspectos inconscientes, de tudo o que é secreto e está fora do nosso controle.  E é também, em conjunto com a 7ª, a casa associada à sexualidade.A presença do Sol  exaltado nesta casa motivou Freud para os temas que fizeram a investigação da sua vida, num caminho completamente novo e inovador.
As Assinaturas Específicas do Destino no Horóscopo
A Lua está colocada no Nakshatra Rohini cujo regente astrológico é a Lua. Esta estrela de nascimento liga os nativo à Terra  e aos prazeres terrenos. Ela dá o impulso para fazer crescer as coisas, tanto na Terra como na civilização. Freud procedeu a uma investigação aprofundada  da expressão simbólica em várias culturas, para desenvolver a teoria psicanalítica. O seu trabalho fez surgir muitas expressões diversificadas, na cultura, na ciência e no pensamento, resultantes dessa espantosa criatividade que a teoria psicanalítica proporcionou em todas as áreas da saber. Freud «fez crescer» como poucos, a compreensão  da dimensão humana em muitas facetas e modos de ser. 
Na vida de Freud, o eixo das casas 6/12  foi dominante. Os nodos da Lua também se encontram aqui colocados – Rahu na 12ª e Ketu na 6ª: os significados mais básicos destes aspectos também se verificaram na vida de Freud: teve problemas financeiros e de saúde a vida toda, sofreu de fobias, foi vítima do consumo de ópio e do fumo dos charutos que lhe provocaram um cancro extremamente doloroso que  teve como consequência ter  ficado sem uma parte da mandíbula, enfrentou inimizades e conflitos vários, etc.
Porém,  este eixo indica também o destino excepcional de Freud: Carneiro, o signo do pioneirismo está na 12ª casa, onde o Sol, acompanhado de Rahu, é impulsionado para a descoberta e a exploração da dimensão inconsciente da Psique. Este esforço para escavar, para ir mais fundo até aos segredos abissais da identidade humana foi a tarefa da vida de Freud, que ele nunca abandonou até morrer. Significativamente, o regente  da 12ª casa, Marte, está colocado na casa da criatividade e dos filhos. A psicanálise foi a obra acarinhada por Freud a vida toda,  a «sua filha perpétua»  e que ele também partilhou com a sua filha biológica mais nova, Anna,  que continuou a obra do pai.
Saturno, regente da 9ª  (sorte e  fortuna)  e da 10ª (carreira, profissão) encontra-se colocado na 2ª casa indicando um percurso feito à custa de muito trabalho, obstáculos, desenvolvimento de competências e  de conhecimentos por esforço próprio, levaria tempo a alcançar o sucesso mas  este haveria de chegar.
A Lua  está em Mooltrikona e o Sol  está exaltado: ambos  são indicadores do destino excepcional de Freud. Mas existem outras assinaturas igualmente ilustrativas: Júpiter na 11ª casa, da realização dos desejos está em aspecto total com Marte na 5ª casa: Freud conseguiria realizar o desejo de criar uma nova teoria científica inovadora acerca da Psique.
Saturno é yogakaraka, indicando sucesso e altas realizações.
O Sol e Vénus formam um Rajayoga – conjunção entre regentes kendra/trikona, indicando sucesso, poder , altas realizações.
Um outro Raja yoga surge como resultado de haver benéficos na 2ª, 4ª e 5ª casas a partir do planeta Atma karaka com resultados semelhantes ao anterior.
A colocação de Mercúrio e de Júpiter  na casa imediatamente posterior e anterior à do Sol forma um Ubhayachara yoga; a colocação de Saturno e de Vénus na 12ª e na 2ª a partir da Lua  forma um Duradhara yoga. Estas duas assinaturas indicam que o nativo goza de confortos «como um rei». A 12ª casa, no entanto, foi fatal a este respeito e Freud teve sempre problemas financeiros ao longo da vida.
Vários yogas Raja Sambandha envolvendo o Sol e Rahu  indicam um elevado nível de inteligência e de instrução, bem como o respeito e admiração causados pelos conhecimentos  que   valeram a Freud «a estima de poderosos». (embora o eixo 6ª /12ª nunca o tivesse livrado dos inimigos, sobretudo em tempo de nazismo, pelo facto de ser judeu).
Confirmação pela Navamsa
Significativamente, o Ascendente na Navamsa «cai» na 12ª casa da carta de nascimento, com Marte no próprio signo Ascendente acompanhado de Rahu. Um desejo insaciável de autodescoberta, de trazer à claridade da consciência todos os mistérios escondidos na Psique inconsciente, os mecanismos do seu funcionamento, etc, para  estabelecer uma ordem no plano até aí considerado caótico e sem sentido dos sonhos, dos sintomas psicossomáticos, etc.: este propósito fica muito claro com esta configuração na Navamsa:  Freud  conseguiu tornar realidade este  desejo de estabelecer uma ordem e coesão na identidade,  de forma laboriosa e persistente.
 O Sol encontra-se com Saturno em Escorpião, na 8ª casa: a ligação entre a energia psíquica e o poder da sexualidade é um dos traços  fundamentais da teoria psicanalítica: os sentimentos e desejos intensos desempenham um papel principal no funcionamento da Psique e na sua linguagem simbólica.
A Lua exaltada em Touro está em Vargottama em conjunto com Vénus no próprio signo na 2ª casa. Esta configuração é extraordinariamente favorável para as aquisições do nativo, e o aspecto que lança para o Sol e Saturno na 8ª casa indica o poder extraordinário das energias transformadoras da psique para as aquisições mais importantes de Freud:a riqueza que ele conquistou foi principalmente  ao nível de conhecimento e essa riqueza teve a capacidade para, , transformando a sua vida pessoal, transformar também toda a forma como uma inteira civilização  compreendia muitos aspectos da realidade humana.

Deixe um comentário a sua opinião conta