Trânsito de Rahu e Ketu 2014- Ascendente Sagitário

exe

Rahu a transitar pelo signo de Virgem levará as pessoas a desenvolver esforços para aperfeiçoar a sua relação com o trabalho e com os ambientes do quotidiano, podendo gerar uma atitude muito crítica sobre estas áreas. Também levará à tomada de consciência da necessidade de mudar maus hábitos alimentares e de estilo de vida, chamando a atenção para a necessidade de viver uma vida mais saudável e diferente dos padrões  maioritariamente aceites – Rahu procura sempre alguma via diferente da que é defendida pelas regras aceites. Haverá uma insistência na organização e nas questões de pormenor e a pessoa quererá aperfeiçoar aquela área de vida correspondente à casa ocupada por Rahu em trânsito. Nessa área, Rahu fará sentir descontentamento e vontade de melhorar ou aperfeiçoar. Os assuntos representados por essa casa serão objeto do interesse, dos desejos ou ambições da pessoa.

Por outro lado, a posição de Ketu no signo de Peixes está em consonância com o lado ascético de Ketu e reforça  o significado de libertação e de desejo de salvação representado por Ketu. A área de vida onde se encontra Ketu em trânsito será objeto de «desligamento» não havendo iniciativas para produzir concretizações dessas áreas na vida material. Pelo contrário, Ketu leva a pessoa a ignorar essa área, que não é por isso objeto de perceção atenta, passando despercebida à consciência imediata, ao mesmo tempo que a pessoa aspira a uma vida mais espiritual, sentindo que aquelas coisas representadas pela casa onde Ketu está localizado não lhe fazem realmente falta pois já as desenvolveu suficientemente.

Assim, são as seguintes as tendências do trânsito de Rahu e Ketu para o Ascendente Sagitário:

Efeitos do Trânsito de Rahu e Ketu 2014 para o Ascendente Sagitário

Rahu vai transitar pela 10ª casa e Ketu  transita pela 4ª casa. Durante este trânsito os nativos de Sagitário vão focar-se na sua dimensão pública , na carreira e no estatuto que alcançaram  e vão querer melhorar essa área de vida. A sua consciência vai ser muito crítica em relação ao que efetivamente não fizeram e que, agora, vão considerar que poderiam e deveriam ter feito. A 10ª casa é uma casa de projeção da pessoa na vida da comunidade e, nesta altura, Sagitário, cujo planeta regente , Júpiter, impele para a expansão, vai agora querer expandir a sua imagem social e profissional. O nome ou reputação profissional vai ser um ingrediente importante da ação destas pessoas. Vão querer fazer alguma coisa realmente importante e que mereça ser lembrada pelos outros; vão querer destacar-se no desempenho profissional  e querer atingir o topo da sua profissão, bem como obter o reconhecimento dos seus pares e da sociedade.

A 10ª casa é uma casa de ação, razão pela qual é designada na Astrologia Jyotish por casa do karma. E esta é também uma casa angular (kendra) o que significa que, durante este período, há eventos kármicos importantes a afetar esta área de vida do nativo, com mudanças que podem ser  muito significativas. Talvez a pessoa descubra agora que a sua carreira precisa de seguir um novo rumo, que respeite os objetivos fundamentais de vida que a pessoa deseja atingir para se realizar plenamente como ser humano. Ou talvez novos valores ou princípios levem a pessoa a querer dar algo de si mais significativo para a sociedade, algo que não apenas sirva para ela aumentar o seu estatuo social e a sua auto estima individual mas que também seja útil e necessário para a comunidade. Sagitário é, por natureza, um nativo que deseja  contribuir para o bem comum, para uma sociedade mais justa , tolerante e amigável e, durante este trânsito, estes nativos podem descobrir um novo rumo que, mais  do que uma «carreira», é uma «missão de vida». Será assim, provavelmente, que muitas destas pessoas se vão sentir, com o  apelo para se dedicarem «à coisa pública». É claro que nem todos os nativos de Sagitário terão esta tendência para ir mais além no desejo de serem «paladinos dos males da sociedade» e haverá muitos que aproveitarão para expandir um negócio, no seu país ou, provavelmente ,estabelecendo alguma ligação com países estrangeiros (um dos significados da 10ªcasa). Para estas pessoas, o desenvolvimento mais importante que podem alcançar neste momento é conseguido através  da carreira  e  da satisfação  causada pelo que isso pode trazer de  útil para a sociedade .

O ambiente de trabalho e a relação com os colegas e colaboradores é agora também importante e os nativos de Sagitário poderão dedicar-se,  não apenas  a procurar atingir uma posição profissional mais elevada para si próprios mas também a ajudar outros colaboradores a atingi-la se acharem que estes o merecem. De qualquer modo, estes nativos vão estar muito ocupados a relacionar-se com o mundo do trabalho e concentrados nas exigências profissionais. Vão também procurar ser originais e inovadores, estabelecendo uma análise crítica aprofundada acerca do modo como têm conduzido a sua carreira nos últimos anos. E podem escolher caminhos fora do comum, terem ideias completamente surpreendentes acerca de um novo negócio ou de alguma forma alternativa de fazer uma carreira de sucesso.

Por outro lado, Ketu vai estar na 4ª casa , outra casa angular relacionada com o lar, com os bens móveis e imóveis que a pessoa possui, com a sua casa e, neste momento, esta é uma área de vida que não desperta nenhum interesse especial.  Sagitário, de resto, não é um dos signos mais «amantes do lar» preferindo os grandes espaços , as viagens, as interações sociais às atividades do lar ou ao «estar em casa». Mas, se no passado a pessoa deu muita importância a ter a sua própria casa, a possuir terras ; se colocou boa parte do seu sentimento de segurança e de felicidade pessoal (outro tema importante significado pela 4ª casa) agora isso fica em segundo plano: as obras no jardim, que aguardam há algum tempo para serem concretizadas provavelmente continuarão à espera durante mais algum tempo. A mãe, que pode ter sido alvo de grande atenção e com a qual pode haver uma ligação próxima, agora ficará um pouco mais à distância por «falta de tempo» para lhe dedicar tanta atenção; assuntos como comprar casa, comprar um carro, cuidar das propriedades familiares, têm pouco interesse neste momento, pois a pessoa sente que essa é uma área a que já se dedicou o suficiente, pelo menos por agora.

A 4ª casa também significa a felicidade subjetiva da pessoa, o seu sentimento de paz interior e de segurança emocional  e estas matérias, apesar de continuarem a ser sentidas como importantes na vida da pessoa, não vão estar na consciência a toda a hora, ficando no plano subliminar em que a pessoa sente que dedicar-se à sua vida pública e ao contributo que o seu trabalho pode dar para a sociedade, para além da satisfação pessoal que o reconhecimento dos outros lhe dá, é também uma outra forma de alcançar paz interior e felicidade pessoal. Simplesmente neste momento não  é altura de se sentar em casa sozinho e afastado dos olhares e das atenções do mundo ou focado nas propriedades da família; neste momento é altura de sair para o mundo e procurar visibilidade em relação a quem se é e àquilo que somos capazes de fazer. E ficar contente com essa exposição pública, sabendo que a vida em comunidade é uma forma privilegiada de um nativo de Sagitário – que é um «professor» por excelência, alguém que gosta de transmitir aos outros a essência das suas lições de vida-  dar o seu contributo para a melhoria geral do destino da sua comunidade ou  até, quem sabe, da humanidade.  Afinal, com Rahu, o desejo de infinito não tem limites.

Deixe um comentário a sua opinião conta