Personalidade Básica com Ascendente Leão, Lua Carneiro e Sol Escorpião

jobm

Quando o Ascendente  está colocado no signo de Leão, um signo real e muito forte, se o sol estiver bem posicionado e se o Ascendente não receber aflições, o nativo terá um destino marcante e com visibilidade. Os nativos de Leão nasceram para serem o centro da vida de outros, nos tipos mais elevados, através da sua generosidade, exemplo e inspiração, nos tipos menos elevados, pelo orgulho e vaidade de serem admirados e seguidos (obedecidos) por outros. Mas trata-se habitualmente de uma personalidade pujante, vibrante de entusiasmo e de extroversão em relação à vida. Estas pessoas apreciam a diversão e tudo o que tenha um caráter de «jogo» porque a criatividade é uma linha essencial da sua personalidade. Basicamente, criam-se a si próprios, não através do esforço e do trabalho mas através de alguma forma que seja simultaneamente capaz de produzir algo novo e lhes dê prazer. Quando o Sol é forte, têm facilidade em alcançar o que desejam, sem muito esforço. A  simbólica do signo, aliás, aponta  bastante para a generosidade da sorte e que, na nossa cultura ,muitas vezes se designa por «graça»,  mais ou menos algo como «pede e receberás», no usufruto da gratuitidade generosa do cosmos. Por essa razão, dão-se geralmente bem na vida  e isso torna a sua visão da realidade otimista e descomprometida; são brincalhões e celebram a generosidade geral da vida.

Pelas qualidades referidas,  torna-se claro tanto o caráter responsável e generoso de muitos nativos de Leão, nobres e altruístas – sentindo que é seu dever contribuir para ajudar todos os que, no seu círculo de influência, necessitam dessa ajuda- como o caráter dos tipos menos evoluídos, narcisistas e centrados vaidosamente no culto do seu eu: uns e outros estão habituados a sentir a disponibilidade cósmica para lhes acudir em situação de necessidade e sentem a leveza da vida ajudada pela sorte. Simplesmente  cada um dos tipos interpreta isso de maneira diferente.

Fisicamente, os nativos de Leão apresentam geralmente uma postura que os destaca do vulgo, têm a marca aristocrata de quem «nasceu com algum privilégio». E isso é normalmente verdade, sendo que tal privilégio encerra também uma responsabilidade: a de servir de exemplo e de inspiração para os outros. Tal como o Sol serve de princípio vitalizador do sistema solar, estes nativos vêm à existência com o propósito de desenvolver características únicas na sua identidade para, dessa forma, iluminarem de algum modo os outros: a forma como o fazem pode variar muito : através da arte (incluindo a representação dramática, tão do agrado  das massas hoje em dia- no cinema e no teatro- como na expressão de alguma das «belas artes»; ou através da expressão de alguma forma de governo, isto é, do envolvimento nas instituições políticas da sociedade em que vivem; ou ainda através da expressão de algum tipo de espiritualidade ou de fé – este aspeto menos marcante na sociedade ocidental contemporânea, ateísta na generalidade. Seja como for, estes nativos nascem com a responsabilidade de serem diferentes . O modo como viverão essa diferença tem a ver com os princípios de vida que escolhem: ou o centramento no eu – egoísmo- ou a expansão  de si  pela dádiva generosa dos seus dons aos outros-altruísmo. É cada nativo que tem que escolher  e podemos encontrar ambos.

Quando ao Ascendente em Leão se junta a Lua em Carneiro, outro signo de Fogo, a associação entre estas energias pode ser explosiva: esta personalidade é extremamente exuberante, vibrante de entusiasmo e de gosto por se expandir o mais possível. É aventureira e adora testar os seus limites. A impulsividade pode ser um problema pois é difícil de controlar e pode dar origem a atos impensados com consequências nem sempre felizes. Basicamente, esta personalidade não tem medo e gosta de exibir a sua coragem, força e determinação. Dependendo da posição e  da força de Marte no horóscopo, poder-se-á determinar até que ponto este caráter temerário põe em risco a segurança da pessoa.

A Lua em Carneiro é «inocente» no sentido em que adora explorar, experimentar, todas as facetas da realidade «aí fora».  O nativo não gasta muito tempo a refletir nem a pensar: define-se pela ação e pela experimentação. Gosta de viver cada experiência como se fosse a primeira vez, no entusiasmo vibrante de sentir a vida a nascer através dele. Mas é muito autocentrado e não é por acaso que o signo Carneiro é normalmente considerado como um dos mais «egoístas», pois na verdade é incapaz de entrar verdadeiramente na «esfera dos outros», por ainda não saber quem é. O signo Carneiro simboliza a explosão da vida à descoberta de si  própria, mas essa descoberta é muitas vezes desorganizada, porque ainda não existe um «eu» estruturado que seja capaz de se distanciar do que vive para o organizar num mundo. Dessa forma, o indivíduo  confunde-se com o  que é vivido  numa perceção em que aquilo que se vive e «quem» vive estão misturados e não separados. É isto que leva à perceção, pelos outros, de «egoísmo» nos nativos de Carneiro. E é-o de facto, na medida em que o nativo está centrado na procura do seu «eu» que terá que construir a pouco e pouco. Tanto o signo Carneiro como o signo Leão estão focados na identidade individual: no signo de Carneiro, dá-se a descoberta  desse eu que  começa a desprender-se das experiências que vive; no signo de Leão dá-se a descoberta do poder da vontade como forma de expressão desse eu. Mais uma vez, o modo como cada nativo exprime tudo isto depende do grau de evolução espiritual da sua personalidade- tanto pode ser um narcisista insuportável e vaidoso como um indivíduo que aproveita a força da sua singularidade para trazer um pouco mais de luz para o seu círculo   e comunidade humana.

A Lua está colocada na 9ª casa e, se estiver brilhante na fase de nascimento, esta pessoa será alguém realmente abençoada pela sorte nesta vida  e poderá ter um destino pioneiro em alguma área, deixando a sua marca de forma  duradoura no mundo.  Esta posição com a Lua forte protege todo o horóscopo e dá à pessoa uma disposição feliz, otimista e afortunada. Traz riqueza e bem- estar e o indivíduo poderá atingir uma elevada posição social e exercer grande influência na sociedade. Normalmente, este nativo segue as tradições da sua cultura, tanto ao nível dos valores ético-morais  em geral como ao nível das crenças, incluindo as religiosas e é um defensor das raízes da sua cultura. Há habitualmente também uma excelente relação com o pai e uma influência benéfica deste sobre o nativo. O pai pode ser uma pessoa altamente instruída e espiritual, afortunado e também  pode ser rico e ter uma vida longa. Também haverá uma relação positiva com a mãe, desde que a 4ª casa não esteja enfraquecida. No horóscopo de um homem, esta posição da Lua indica  muitas vezes uma esposa bonita, rica  e/ou  espiritual  e com excelentes princípios. Também indica, para ambos os sexos, que o relacionamento com mulheres será benéfico e vantajoso e  viagens frequentes para  países estrangeiros, bem como pequenas viagens e gosto por aprender e conhecer costumes e culturas diferentes.

Quando a esta configuração se junta o Sol em Escorpião, há um elemento dissonante na personalidade: Escorpião tem elemento Água e tanto a Lua como o Ascendente são de elemento Fogo. Estes elementos não se misturam entre si, e a água, como sabemos, apaga o fogo. Assim, haverá duas facetas distintas nesta personalidade. Em primeiro lugar, como acontece em geral com os signos de Água, Escorpião modera a exuberância extrovertida da personalidade e traz para esta um lado secreto e preservado que se recolhe estrategicamente, nunca se revelando por inteiro. Escorpião é um signo fixo, tal como acontece com o signo de Leão e esta característica produz, na maioria dos casos,  dificuldade para aceitar a adaptação e a mudança. Estes nativos respondem melhor perante um conjunto de referências fixas e isto pode traduzir-se em formas de teimosia e obstinação muito visíveis, para os que se atrevem a exprimir opiniões diferentes. Esta pessoa tende a considerar que tem sempre razão e é muito difícil de convencer do contrário disso. Tem habitualmente opiniões inabaláveis e defende-as a todo o custo sem aceitar argumentos de espécie alguma. E, quando acontece defrontar-se com alguém que discute ou argumenta contra as suas opiniões, pode também guardar  ressentimento por isso encarando esse desafio como ataque pessoal.

O Sol em Escorpião indica a necessidade de se confrontar intimamente com a questão do controlo e do poder e, se Marte estiver bem colocado, sendo simultaneamente o regente do signo da Lua, Carneiro, poderá trazer para a vida desta pessoa uma considerável fortuna e poder pois é um yogakaraka para este Ascendente (um planeta que dá riqueza e poder), pela regência da 4ª e da 9ª casas. Assim, será decisivo avaliar a força deste planeta para saber não apenas  qual a possibilidade de sorte na vida mas ainda as inclinações mais enraizadas na personalidade da pessoa e, dessa forma, ver se ela exibe as qualidades mais elevadas dos signos (altruístas) ou as menos elevadas e egoístas.

O Sol está colocado na 4ª casa do horóscopo.  Não é uma colocação que favoreça a felicidade pessoal nem familiar mas pode indicar uma educação esmerada e a conclusão com sucesso de um curso superior , bem como refinamento cultural. Pelo aspeto que envia para a 10ª casa, o Sol vitaliza a carreira e coloca um foco positivo nesta área de vida. Porém, no destino desta pessoa as transformações e  convulsões mais difíceis e inesperadas, atingirão a sua vida familiar, bem como muitas das posses associadas à família: propriedades (casas, quintas, veículos) e todos os bens de conforto  e a vida familiar , tanto na infância como no final da vida, será o palco de acontecimentos que marcarão profundamente  a personalidade, gerando defesas ou necessidade de segurança, tanto material como emocional. Poderá existir uma compensação deste lado menos fácil da vida com  o envolvimento em uma carreira ou atividade pública mas, periodicamente, o nativo será chamado a tomar consciência destas outras necessidades a nível profundo  do seu ser.