Personalidade Básica com Ascendente Carneiro, Lua Sagitário e Sol Caranguejo

 

brav

Continuamos a responder aos pedidos dos nossos leitores, apresentando mais uma personalidade básica.

Quando o Ascendente está colocado no signo de Carneiro temos uma personalidade segura de si, inocente na sua autoexpressão, pois é espontânea e aberta, uma forte energia de vida a impulsionar a pessoa para fazer coisas novas e para se descobrir a si mesma ,ao mesmo tempo que vai explorando as possibilidades de ação no mundo.

Os nativos de Carneiro são impacientes e rápidos em tudo o que fazem: nos movimentos, no pensar, no agir  e nas tomadas de decisão. Tão rápidos que  o pensamento  ou  reflexão estão muitas vezes ausentes quando tomam uma decisão, o que os coloca muitas vezes em situação de aflição por não pensarem nas consequências do que decidem fazer. Estas pessoas são entusiastas, joviais e cheias de coragem e de uma atitude grandiloquente em relação à sua força e capacidades pessoais, que gostam de levar até ao limite, não sendo raro vê-los a praticar desportos radicais e muitas atividades que poem à prova a sua coragem. O regente do Ascendente, Marte, é uma energia muito forte e agressiva pelo que a atitude que estas pessoas manifestam muitas vezes é intempestiva e de pouca paciência em relação a tudo o que esteja para além dos seus próprios interesses.

O signo Carneiro simboliza a explosão inicial da vida e o nativo de Carneiro está a braços  com a tarefa de se descobrir a si mesmo numa aventura  cheia de riscos e através da qual ele quer provar e testar o seu valor. Trata-se de um signo focado no «eu» e, por isso, estas pessoas são muitas vezes consideradas egoístas e como tendo pouca consideração pelos outros. Isto é verdade em muitos casos pois ,interiormente, estas pessoas estão focadas na construção de uma identidade «heroica», na qual se destacam dos outros por serem alguém que merece ser tratado com respeito pelo seu valor, força e coragem. Um nativo de Carneiro detesta todas as fraquezas e falhanços, dificilmente os perdoa em si mesmo e também não os aceita nos outros. Despreza e não tolera sinais de fraqueza nem de incapacidade. Traz na alma  o ideal do guerreiro, seja homem ou mulher e precisa de afirmar  a sua força num mundo onde  existem apenas vencedores e vencidos e ele (ou ela) quer apenas encontrar-se no lado dos vencedores. O seu desejo de se destacar dos outros é  no entanto diferente do de Leão, focado nas suas qualidades internas e no desejo de admiração por parte de um conjunto alargado   de «súbditos» enquanto que o nativo de Carneiro está embrenhado na sua relação com o mundo para, nessa relação, ir afirmando, através da ação e das conquistas no mundo ,a sua força de afirmação, ele deseja ser único, o mais forte, o mais inteligente, o mais duro, o mais corajoso, aquele que mais feitos heroicos e mais batalhas vence.  Assim, muitas vezes é cruel com os outros que manifestam sinais de fraqueza de qualquer espécie: pode ser muito trocista e incapaz de solidariedade perante os que considera fracos e «não merecedores de dignidade» pois esta, na simbólica que o  move, está destinada aos fortes e corajosos, numa palavra, aos guerreiros.

Assim, não custa compreender que , para estas pessoas, a vida é luta e, por essa razão, uma vida pacata e sem novidades nem sobressaltos é intolerável para eles: precisam do combate, do conflito e da oposição com os outros para se irem descobrindo a si mesmos. São também altamente inteligentes e muito racionais na sua abordagem das coisas, embora por vezes o excesso de energia de que dispõem possa produzir  sobrecarga nervosa e produzir dores de cabeça e mal estar  físico e psicológico. Estas são as pessoas ideais para viverem num mundo altamente competitivo pois só reconhecem valor às coisas pelas quais têm que lutar e que conquistam. Esta é, de resto, uma das palavras com mais sentido para estes nativos: respeitam todas as coisas que conquistam pelo seu mérito e pela sua luta e nada mais.

Quando, ao Ascendente em Carneiro se associa a Lua no signo de Sagitário, o elemento entusiasta, extrovertido e orientado para o mundo exterior e para a aventura fica fortalecido. A Lua em Sagitário tem o mesmo elemento que o Ascendente, o elemento Fogo. Este  é um elemento altamente criativo  e capaz de produzir ideias e projetos inovadores. Por outro lado, tanto o signo de Carneiro como o signo Sagitário têm uma forte relação com o conhecimento, com a procura do saber , com a racionalidade e com a intuição. Porém, o signo Carneiro está mais orientado para a ação no mundo concreto enquanto Sagitário leva a procura  do saber para o plano metafísico e espiritual. A junção de ambos os signos pode produzir um investigador de primeira qualidade, aliando a lógica racional própria do signo Carneiro com a intuição e capacidade de visão global de Sagitário.

A Lua no signo de Sagitário inclina esta pessoa para a procura da verdade  mas também para a vida social, para desenvolver uma abordagem mais compassiva dos outros- incluindo os mais fracos- diminuindo assim a tendência para  os desprezar , típica de Carneiro. Esta pode ser uma pessoa com grande interesse nos desportos que exigem força física e ter um forte desejo de aventura mas também pode desenvolver um marcado interesse pelo conhecimento filosófico e espiritual. O excessivo individualismo de Carneiro é temperado pelo signo que busca antes de mais a ligação entre a «Terra e o Céu», entre o animal e o humano/divino e o nativo ganha complexidade e também a capacidade para sentir empatia e compaixão pelo sofrimento, tanto o seu como o dos outros.

Por outro lado, a tendência trocista de Carneiro pode acentuar-se com a Lua em Sagitário que , numa frontalidade sem limites, aponta cruamente todos os «defeitos» ou omissões, numa compulsão que rejeita a dissimulação  e toda a «verdade escondida». Este nativo não prima pela diplomacia mas provavelmente é uma das pessoas mais honestas que se podem cruzar consigo. Mas as capacidades de intuição e de pensamento são muito beneficiadas, bem como a  criatividade. Por outro lado, trata-se de uma personalidade que adora aventura e de  percorrer os grandes espaços; detesta a rotina e uma vida previsível, ansiando por fazer novas coisas todos os dias. Será quase impossível obrigá-la a assumir compromissos de longo termo, pois gosta de viver no momento sem se prender a nada nem a ninguém: o mundo tem demasiadas coisas por descobrir e por experimentar para se desperdiçar numa vida sempre igual ou em nome da «estabilidade». Esta pessoa poderá «estar sempre a caminho» de qualquer coisa nova, a menos que encontre no estímulo de uma carreira de investigação, toda a novidade e aventura que deseja.

A Lua está colocada na 9ª casa do horóscopo, o que é uma excelente colocação e que, por si só é capaz de beneficiar todo o horóscopo, anulando alguns aspetos menos positivos. Se estiver forte, a Lua pode trazer sorte, riqueza e sucesso para a vida deste nativo. Esta posição da Lua também indica boas qualidades de caráter, espiritualidade e gosto por fazer boas ações.  Normalmente a relação com mulheres traz benefícios para o nativo , que também beneficia da relação com a mãe e com o pai. Poderá fazer muitas viagens a lugares distantes e que lhe darão felicidade e trarão sorte e sucesso. Poderá conquistar sucesso mundano e profissional que lhe darão fama internacional.  Esta posição da Lua beneficia o bem estar geral da pessoa e a sua felicidade. Além do mais, sendo regente da 4ª casa , a colocação da Lua na 9ª casa produz um Rajyoga que aumenta as possibilidades de a pessoa alcançar sucesso mundano, riqueza e fama.

Quando ao Ascendente Carneiro  e à Lua no signo de Sagitário se associa o Sol no signo  de Caranguejo, um signo de elemento Água, compreendemos  que o Sol é o elemento de humanização que suaviza a personalidade desta pessoa. O signo Caranguejo é um signo de interiorização e de ligação emocional às coisas e aos outros e suaviza o excesso de impessoalidade para o qual  tendem os signos de fogo , trazendo a pessoa para a realidade terra a terra.  Por outro lado, a sua simbólica produz o desejo de cuidar e de nutrir os outros, pelo que esta pessoa poderá  ter uma atitude bem mais protetora e compassiva em relação aos outros do que seria de esperar em relação a  um nativo de Carneiro. Assim, esta posição do Sol é equilibradora da personalidade e também contribui para aumentar a capacidade de organização prática das atividades em geral,  tanto as pessoais como as profissionais.

O Sol está colocado na 4ª casa  e, apesar desta não ser a melhor posição para esta energia agressiva, podendo produzir alguma tirania em ambiente familiar e acentuar a tendência para o foco nas próprias necessidades em vez de nas dos que lhe são próximos, o Sol nesta posição lança aspeto para a 10ª casa e, atendendo a que também por si só forma  outro Raj yoga, pois é o regente da 5ª casa, uma casa trikona, colocado numa casa kendra, a 4ª, a sua ação, se não receber aflições de planetas maléficos, pode produzir um sucesso assinalável ao nível da profissão e do status da pessoa.

O Sol no signo de Caranguejo  contribui também para temperar o desapego desta pessoa em relação às tradições e à vida familiar ou às raízes de que provém o nativo. Os signos Carneiro e Sagitário podem desenraizar a pessoa e levá-la a deixar as bases matriciais da família, partindo para o desconhecido mas Caranguejo está agarrado às memórias do passado e, sem elas, sente-se perdido e desorientado. Esta pode ser uma pessoa que, ao contrário do que é habitual nos signos  de Carneiro e de Sagitário, é bastante apegada à sua casa, ao seu refúgio  e à vida interior do lar . Se o Sol for forte, poderá acontecer que, em vez de andar pelo mundo exterior à procura de excitação e de aventura, esta pessoa opte por fazer isso ao nível do pensamento, descobrindo mundos através do desenvolvimento da consciência e amplificando os poderes da consciência, ao mesmo tempo que adquire conhecimentos que ultrapassam o comum, podendo surgir como pioneira em alguma área do saber. O seu estilo  de vida familiar, no entanto, poderá ser menos convencional do que é habitual no signo de Caranguejo. Ainda assim, o Sol em Caranguejo não deixa muitas dúvidas acerca de qual o tipo de existência que  esta pessoa  deve viver para concretizar o seu propósito de vida: aquele no qual preenche a sua vida pela criação  de relacionamentos  através dos quais nutre e é nutrida a sua dimensão emocional e em que o desejo de segurança só se concretiza  quando estabelece laços de ligação afetiva com os outros.