Pedras e Cristais, Peridoto

 

per4

O Peridoto é uma das pedras mais usadas desde a antiguidade, sendo extraído pelo menos desde 1500 a.c. numa ilha chamadas Topazo, situada no mar vermelho onde, segundo a lenda, o faraó do Egipto escravizou todos os habitantes, obrigando-os a extrair a pedra. Segundo parece, estes escravos trabalhavam de noite e de dia, sendo vigiados por capatazes pouco benevolentes. No mundo antigo esta pedra chamava-se Crisolito tendo sido também designada Olivina e foi muitas vezes confundida com a Esmeralda, sobretudo as que foram extraídas na ilha egípcia referida. Hoje pensa-se que as «Esmeraldas» enormes com que Cleópatra se adornava eram, na verdade, Peridotos. E, por falar neste nome, ele deriva do nome francês «peritot» e é usado para designar esta pedra desde há 200 anos. Os antigos judeus também fazem referência a ela, pensando-se que era uma das 12 pedras que compunham o peitoral do Alto Sacerdote .
Na Europa medieval os cruzados trouxeram Peridoto das cruzadas e a pedra foi largamente usada nas catedrais e em joalharia. Na antiga Roma, Plínio o velho escreveu que a pedra era extraída no Egipto há milhares de anos. A ilha de Topazo, hoje designada por Zabargad tornou-se entretanto um mistério durante séculos, pois perdeu-se a referência da sua localização exata, talvez porque uma névoa constante cobre a ilha, tornando-a invisível, tendo sido redescoberta em 1905. Durante 50 anos, até aos anos 50 do século 20, houve uma actividade mineira muito elevada nesta ilha, que entretanto decresceu, de modo que os exemplares desta ilha que se encontram hoje em dia no mercado são geralmente antigos. Mas são muito procurados porque são os que têm a cor verde mais profunda e parecida com a Esmeralda. A semelhança entre estes exemplares e as Esmeraldas faz com que seja chamada de «esmeralda dos pobres». (Mas desengane-se o leitor se pensa que a pedra é muito barata, os melhores exemplares podem custar bastante).

per1
O Peridoto mais comum é verde amarelado, sendo raros os que têm tons de verde mais profundos ,que revelam semelhança com a Esmeralda. Na verdade, estes exemplares apenas se encontravam no Egito e em Burma, embora tenham sido descobertas novas fontes recentemente, no Arizona, no México, no Oregon, na Noruega, Paquistão, Rússia e Sri Lanka. A cor verde da pedra é causada pelo conteúdo em ferro. Os tons de verde variam do verde pálido ao verde amarelado, passando pelo verde lima e outros tons mais escuros como o verde oliva ou o verde acastanhado.
As maiores fontes deste mineral hoje em dia encontram-se no Brasil, Paquistão, Austrália, Irlanda, Rússia, Sri Lanka, USA, Egipto.
Historicamente o Peridoto foi reputado como pedra de protecção (contra energias negativas, ataques psíquicos, etc.,..sendo por isso considerada uma pedra excelente para usar no trabalho espiritual. A sua energia forma m um escudo de protecção à volta do corpo de quem a usa.

per2
O Peridoto é uma pedra relacionada com o Arcanjo Rafael, regendo o plano das virtudes angélicas. Considera-se que traz amor incondicional, felicidade e luz para a vida da pessoa. Como todas as pedras verdes, associa-se à saúde e à prosperidade, ajudando a manifestar tudo o que a pessoa deseja. Também é reputado por aumentar a autoconfiança e a assertividade , bem como a clareza de pensamento e a paciência e tranquilidade. Uma outra virtude a não desprezar é a sua capacidade de atrasar o envelhecimento, sendo por isso usada no rejuvenescimento celular.
O Peridoto ressoa com o plexo solar e com o chakra cardíaco, tendo uma energia poderosa que equilibra e ativa os chakras referidos. Diz-se que a energia desta pedra promove o amor pela Terra e pelos seres que a habitam.
O seu uso continuado aumenta a autoestima e ajuda a superar sentimentos de culpa; é considerada um potente agente de limpeza de toxinas de todos os tipos, libertando-as e neutralizando-as. No plano emocional ajuda a libertar de ressentimentos, ciúmes, amargura, raiva e despeito, ganância, etc.. reduz o stress e ajuda o coração a abrir-se com alegria e a desejar novos relacionamentos, ajudando a mudança de processos dolorosos. Estimula a mente a pensar com mais clareza e dá energia, levando a superar estados de letargia e de exaustão. Assim, a energia desta pedra ajuda a sentir entusiasmo pela vida ,bem como a saúde e a alegria. Pode usar-se como pendente, em brincos, em anéis. Diz-se que o seu poder aumenta quando colocada em cima do chakra cardíaco ou do plexo solar.

per3
Na terapia com cristais, o Peridoto é usado para fortalecer o sistema imunitário, em problemas do metabolismo, afeções da pele. Também é usado em problemas cardíacos, do timo, da bexiga, dos pulmões, do trato intestinal, incluindo intestino irritável, do baço. Diz-se inclusivamente que cura úlceras gástricas. Também é usado para fortalecer a visão. Psicologicamente, o Peridoto ajuda nas perturbações bipolares e na superação da hipocondria, bem como a combater os estados de depressão e as emoções negativas.. A sua acção rejuvenescedora ajuda também a tratar todos os problemas relacionados com o envelhecimento. Colocado sobre o abdómen, ajuda as mulheres em trabalho de parto, fortalecendo as contracções musculares e ajudando a diminuir a dor. O Peridoto tem uma acção calmante sobre todos os tipos de dor, tanto físicas como emocionais.

Esta extraordinária pedra também tem fama de ajudar a encontrar o que se perdeu. O seu uso torna-se assim uma estratégia inestimável por variadas razões, entre as quais estão o seu uso como «pedra de prosperidade» pois ajuda também a trazer abundância do que desejamos para a nossa vida.
E assim, caro (a) leitor(a) , se ainda não tem esta pedra na sua colecção, de que está à espera? Nos cuidados a dispensar-lhe, evite completamente as mudanças bruscas de temperatura e os métodos mais agressivos de limpeza, que podem danificá-la.

Deixe um Comentário a sua opinião conta