Pedras e Cristais, Pedra da Lua

lua5

A Pedra da Lua é uma das pedras mais antigas  que têm sido usadas em  joalharia e também como pedra sagrada e de cura. Entre os romanos foi usada para o fabrico de joias há 2000 anos atrás sendo ainda mais antigo o seu uso nos países orientais; é uma pedra sagrada na Índia, país onde é com frequência oferecida como presente de casamento. Associada à Lua e à fertilidade, a Pedra da Lua simboliza também o amor e a fertilidade. Na Europa, desde tempos remotos, acredita-se que esta pedra é capaz de reconciliar dois amantes desavindos.

A Pedra da Lua é um mineral de feldspato que possui uma opacidade ligeira e um reflexo branco prateado que causa uma cintilação característica, num movimento linear pela superfície da pedra à medida que a luz incide sobre ela. Pode ser encontrada em diversas cores: num  tom delicado de pêssego, azul, cinzento, branco e ainda uma variedade multicolor conhecida como «Pedra Arco Íris».  Costuma fazer-se uma distinção entre dois tipos de Pedra da Lua: a variedade Albite , semitransparente, com reflexos pálidos, cintilante, que se encontra principalmente no Canadá; e a variedade Adularia , em tons de cinzento pálido, branco prateado ou azul com um brilho difuso, que se encontra principalmente no Sri Lanka, Burma, Índia e Madagáscar.

lua2

Relacionada com o feminino, a Pedra da Lua é considerada uma pedra de mulheres mas aceita-se que pode ser útil também para ativar a expressão emocional dos homens. Ajuda a abrir o coração para a aceitação do amor, sendo considerada excelente para o 1º amor ou para um novo amor. Tem fama de ajudar os amores secretos e de ter poder para voltar a reunir dois amantes desavindos. É também uma pedra associada à sexualidade e ao erotismo e a tradição afirma que ela ajuda a despertar a energia kundalini. Estimula também o desejo sexual e aumenta a fertilidade.

Ao nível psicológico, a Pedra da Lua ajuda a elevar a auto estima, levando quem a usa a gostar de si tal como é e a fazer as pazes com a sua imagem. Contribui para equilibrar as emoções, trazendo tranquilidade neste plano. A tradição afirma que, se alguém oferecer uma Pedra da Lua ao parceiro amoroso durante a Lua cheia, a paixão entre ambos manter-se-á sempre. Se for usada continuadamente, ajuda o seu portador a sentir boas emoções, ao mesmo tempo que aumenta a prosperidade, pois é também uma «pedra da sorte e da boa fortuna». É uma boa pedra para segurar enquanto se medita pois ajuda na compreensão de si mesmo, revelando a verdadeira essência pessoal. Diz-se que o seu poder atinge o máximo da fase da Lua cheia.

lua3

A Pedra da Lua é também uma pedra tradicional de proteção dos viajantes, tanto nas viagens por terra como por mar.  Alguns salientam o seu poder de profecia , tradicionalmente tem sido usada para prever o futuro. Tendo sintonia com a Lua e os seus ciclos, a Pedra da Lua é também considerada um agente excelente de equilíbrio de todos os ritmos naturais, levando os ritmos normais biológicos a sintonizar com os restantes ritmos naturais.

Na terapia com cristais, a Pedra da Lua é usada nos tratamentos relacionados com a fertilidade, facilita os nascimentos e o processo de gravidez, alivia problemas menstruais e ajuda a  eliminar a retenção de líquidos. Também ajuda a equilibrar o sistema hormonal e facilita a assimilação de nutrientes; elimina toxinas e trata desordens digestivas. É considerada uma pedra facilitadora do crescimento das crianças e adolescentes e é reputada como atrasando o processo de envelhecimento. É ainda usada para tratar condições degenerativas da pele, do cabelo, dos olhos e dos órgãos moles do corpo; ajuda na superação das insónias e aumenta os sonhos agradáveis. No plano psicológico, usa-se para suavizar o corpo emocional e para equilibrar as emoções. Diz-se que melhora a intuição e a inspiração individual e, como pedra de boa sorte, acredita-se que traz sorte no amor e nos negócios. Usa-se também para estimular a glândula pineal.

lua1

A Pedra da Lua deve energizar-se deixando-a à noite exposta à luz da Lua um ou dois dias antes da Lua cheia, Não deve deixar-se no próprio dia de Lua Cheia nem no dia de Lua nova, segundo os entendidos.

E pronto, pelo que dissemos, torna-se  evidente que esta é mais uma pedra que não pode faltar na nossa coleção de pedras e de cristais.

Deixe um Comentário a sua opinião conta