Temperamento dos Signos

Vata Pita Kapha capa

Vata Pita Kapha capa

Continuamos a explicar as características dos signos, hoje falando sobre o temperamento dos signos.

Esta classificação segue os princípios da caracterização tradicional do temperamento humano que vem da antiguidade, estando enraizada na medicina Ayurvédica.

Cada um dos temperamentos refere-se à predominância de um dos  elementos– Ar, Fogo e Água.  Ao contrário do que acontece na tradição ocidental, o elemento Terra não é considerado nesta classificação dos «humores biológicos».

Segundo a classificação tradicional védica que expomos, cada pessoa tem um dos temperamentos dominantes mas também partilha uma percentagem de todos os outros, dependendo da organização e força dos signos  e planetas no seu horóscopo.

A classificação do temperamento dos signos não é feita de forma única, havendo  diferenças de opinião. Seguimos aqui a classificação de David Frawey, Astrology of the Seers, A  Comprehensive Guide to Vedic Astrology.

São os seguintes os 3 temperamentos biológicos considerados na tradição védica:

Pitta– (Bilioso): Carneiro. Leão , Sagitário Capricórnio. Elemento dominante Fogo.

Vatta– (Sanguíneo): Gémeos, Virgem, Balança, Aquário. Elemento dominante Ar.

Kapha: (Fleumático): Touro, Caranguejo Escorpião, Peixes. Elemento dominante Água.

Esta classificação  implica ainda a consideração de que os seis primeiros signos são constituídos apenas por um elemento simples ao passo que os últimos seis têm constituição dupla e esses signos podem por vezes comportar-se de acordo com um ou outro dos elementos que os constituem.

Assim, Carneiro é composto por fogo duplo- primário e secundário; Touro é composto por Água dupla- primária e secundária; Gémeos é composto por Ar duplo- primário e secundário; Caranguejo representa a Água em geral no organismo; Leão representa o Fogo geral no organismo; Virgem representa o Ar geral no organismo.

Os últimos 6 signos do Zodíaco são compostos por um elemento principal e um secundário, aparecendo o principal em primeiro lugar:

O signo Balança é composto por Ar e Água; o signo Escorpião é composto por Fogo e Água; o signo Sagitário é composto por Fogo e Água; o signo Capricórnio é composto por Fogo e Ar;  o signo Aquário é composto por Ar e Fogo; o signo Peixes é composto por Água e Ar.

Para além da classificação geral do temperamento dos signos, muitos astrólogos preferem classificar o temperamento dos signos a partir do temperamento dos seus planetas regentes pois a natureza do planeta prevalece sempre sobre a do signo, que indica o contexto da ação do planeta mas é este que determina a natureza dos efeitos produzidos.

Nesta ótica, Carneiro, Leão e Escorpião são considerados signos de Fogo pois são regidos pelo Sol e Marte, cujo temperamento é Fogo; Touro, Caranguejo, Balança, Sagitário e Peixes são incluídos no elemento Água pois são governados por Vénus, Lua e Júpiter que têm temperamento do elemento Água; Gémeos, Virgem, Capricórnio e Aquário  são incluídos no elemento Ar pois os seus regentes, Mercúrio e Saturno, têm temperamento de Ar.

Estas classificações servem o propósito de determinar  o temperamento individual de acordo com a medicina Ayurvédica tradicional.

Para este efeito é analisado o Ascendente e todas as influências sobre a 1ª casa, o seu regente, o Sol (como significador da 1ª casa), especialmente no caso dos homens, e a Lua no caso das mulheres. Mas, quando a Lua é mais forte do que  o Sol, deve ser analisada também para os homens.

Qualquer planeta em conjunção com o Sol ou a Lua tem grande influência no temperamento da pessoa. Planetas colocados na 6ª casa, relacionada com a saúde, também são considerados.

O planeta mais forte – o regente da 1ª ou da 6ª casa é escolhido em conjunto com o Sol e a Lua  e os regentes dos signos onde estão colocados, para determinar o tipo físico da pessoa ou temperamento segundo a tradição.

Num próximo artigo descreveremos brevemente cada um dos  3 temperamentos referidos.

Deixe um comentário a sua opinião conta