Previsões Abril 2019 Ascendente Sagitário

Arranjo floral de Páscoa com Tulipas Amarelas

Apresentamos as previsões astrológicas  de Abril  2019 para o  Ascendente Sagitário:

Mantém-se na primeira metade do   mês alguma ênfase nos assuntos da comunicação, da iniciativa e da coragem para fazer coisas novas, da escrita e das atividades artesanais, das motivações e desejos, das pequenas viagens, etc.  Mas, na segunda metade do mês, será a casa e o lar, os veículos e a sua ligação à vida familiar e à comunidade onde vive, a educação e o seu sentido de bem -estar e segurança que serão enfatizados.

A mãe e o que se relaciona com esta são outro foco de atenção bem como os confortos de que gosta de se rodear. Este é um bom período para pensar na decoração do lar,  no estudo, no trabalho no jardim, se tiver um, nas tarefas de manutenção da casa , etc. E o período vem a calhar, com a chegada da Primavera e com tudo o que é preciso fazer para conservar em bom estado a habitação e o jardim.(ou a varanda, o sótão, etc)

Júpiter, o regente do seu Ascendente, continua  a «escavar» no plano subconsciente,  expandindo e trazendo para a superfície tudo o que está pronto para largar, antes de começar o novo ciclo, quando transitar pelo Ascendente.

O Sol  Continua, até dia 14, a transitar na 4ª casa num bom trânsito para renovar os valores e sentimento de propósito na vida, para os que desejam estabelecer raízes numa nova comunidade- física ou ideológica, religiosa ou intelectual-  para os objetivos associados à educação , à relação com a comunidade próxima e  com a cultura. O desejo de pertença a uma comunidade tem agora talvez mais a ver com valores humanísticos do que com a realidade concreta de uma localização geográfica.

 É um bom período também para a profissão e para a carreira, onde pode haver agora algum fator de sorte.  Na segunda metade do mês os efeitos da energia solar continuam a ser muito positivos, com o Sol exaltado a transitar pela casa da sorte que traz para esta vida. A relação com os filhos, a sua expressão criativa individual em todos os aspetos, a educação superior, a sorte ao jogo (precisa de confirmação no horóscopo pessoal) e os investimentos são potencialmente favorecidos. É um excelente período também para a vida académica  e para alcançar projeção pública positiva perante os outros.

Neste mês,  Mercúrio e Vénus transitam em conjunção. Primeiro até dia 11, pela 3ª casa, favorecendo todas as atividades  de comunicação, ensino, escrita, incluindo a relação com o cônjuge e outros parceiros, favorecendo as iniciativas  e aumentando a motivação para projetos profissionais , etc. As deslocações ou viagens  por motivos de trabalho serão igualmente benéficas. Mas, no dia 11, Mercúrio entra na 4ª casa e fica debilitado no signo de Peixes, o que não ajuda as interações no seio familiar, em especial com a mãe. Também não será fácil lidar com os parceiros  nestes dias e as atividades de educação também são afetadas.

Mas, dia 15, Vénus entra também no signo Peixes, onde fica exaltado e Mercúrio fica com a debilitação cancelada, ao mesmo tempo que Vénus fica mais fraco pelo contacto com um planeta debilitado.  De qualquer modo, as atividades de aprendizagem, a relação com o cônjuge e o embelezamento da casa e do jardim, se for essa a sua disposição, podem decorrer com harmonia.  A vida profissional  deixa também de sofrer o impacto negativo de Mercúrio, que lança aspeto para essa casa que rege. O ambiente familiar é tendencialmente harmonioso neste período.

Marte continua a transitar pelo signo de Vénus na 6ª casa, dando  apoio aos seus esforços no trabalho, ao estudo e investigação, ajuda também a vencer oposições e inimizades; lança igualmente aspeto para  a outra casa que rege e  entra em aspeto com Júpiter, a transitar por Escorpião, o que pode acelerar os processos de «vinda à superfície» de fatores subconscientes com os quais será necessário lidar.

Os nodos transitam no eixo Gémeos/ Sagitário como referimos no trânsito de Rahu e ketu para o seu Ascendente . Este é um período para repensar todas as parcerias e a sua identidade, processo que será completado quando Júpiter,  o regente do seu Ascendente, entrar no signo Sagitário, no próximo mês de novembro.

Júpiter continua até novembro, no signo Escorpião, num trânsito   muito importante para si pois  desbrava o caminho para a formação de um novo sentido de identidade, ajudando a desenvencilhar-se do velho e gasto ao longo deste ano.

Saturno transita, ao longo de todo o ano, pelo signo Sagitário, no Ascendente   reduzindo a sua energia vital e trazendo um peso acrescido à sua perceção acerca da vida e  do que gostaria que ela fosse.