Personalidade Básica Ascendente Caranguejo Lua Virgem Sol Capricórnio

pai brincando com as filhas

Analisamos a personalidade básica Ascendente Caranguejo Lua Virgem Sol Capricórnio, a pedido dos leitores. Trata-se de uma personalidade composta pelos elementos Água e Terra.

O Ascendente no signo Caranguejo  produz uma personalidade focada na família e na segurança, assentando na necessidade de nutrir e ser nutrido pelos outros. No entanto, sendo a Lua um corpo celeste extremamente mutável , a Lua necessita de estar forte no horóscopo para haver alguma estabilidade no plano mental e emocional.

Quando a Lua é forte a personalidade, embora revele de vez em quando mudanças súbitas de humor ou de perceção da realidade,  foca-se na prestação de serviço aos outros: em primeiro lugar na família mas também envolvendo-se na vida da comunidade (participando nas estruturas locais ligadas á cultura, á educação, á ajuda aos mais pobres, etc.).

Pode também ter interesse por participar nas instituições políticas locais, pois o nativo  sente o desejo de proteger a comunidade a que pertence. Não é raro ver estas pessoas  nos serviços de solidariedade e apoio social, na escola como educadores, nos hospitais como enfermeiros, em hotéis e  alojamento local em que gostam de ser anfitriões amáveis e calorosos, etc. São também bons gestores, tanto da vida familiar como de empresas que estejam a seu cargo.

Há na personalidade dos nativos de Caranguejo, no entanto, a tendência para formar «memórias bucólicas» da sua infância, perdendo-se por vezes no desejo de que a vida atual reproduza o mesmo «estilo» de vivência que, na verdade, raramente existiu mas que tendem a imaginar e a idealizar. Quando isso acontece, é difícil sentirem-se felizes com a família que formam na vida adulta e podem tender para a depressão, dependência de álcool e outras substâncias.

O mundo mental dos nativos de Caranguejo é bastante subjetivo e tende para a passividade pois a Lua é essencialmente recetiva. Assim, é preciso que existam outros fatores dinâmicos  fortes na natividade para que estas pessoas não se limitem a reagir às circunstâncias mas sejam também capazes de iniciativa. Mas o seu ponto forte é mesmo o que se situa na resposta e não na ação que gera os primeiros impulsos do que quer que seja.

Estas pessoas são conservadoras e, em geral, gostam de seguir a tradição em todas as áreas da sua vida, precisam de rotinas e de repetir alguns rituais , especialmente  no seio familiar- almoços em família, atividades em conjunto, festas como o Natal, etc., passados em família. Podem sentir-se magoadas se algum membro da família «quebra» um desses rituais e decide fazer algo diferente pois não concebem que possa haver algo mais importante do que estar em família.

Quando não têm família própria, estes nativos podem «adotar» uma segunda família, que pode ser alguma relação de amizade, ou, se gerem uma empresa, os próprios empregados  ou colegas de trabalho.  Podem , no entanto, tornar-se muito possessivos em relação às pessoas para as quais diariamente se esmeram nos cuidados e reagem com ressentimento quando não recebem o apreço que sentem ser-lhes devido por tudo o que dão.

A empatia que sentem pelos outros tem, deste modo, contrapartidas, mesmo que, na maioria das vezes, estas pessoas não se apercebam disso: quando «fazem tudo» por alguém que amam e não recebem resposta de reciprocidade, podem ficar muito ressentidas e amarguradas, caindo facilmente na depressão por não entenderem a falta de reciprocidade dos outros.

A sua lição fundamental é a de aprenderem a amar pelo sentimento em si de dádiva sem esperar nada em troca: tal como a mãe que cuida amorosamente dos filhos para os deixar livres, quando o momento chega, feliz porque se tornaram autossuficientes para viverem a sua própria vida.

Quando ao Ascendente Caranguejo se associa a Lua no signo Virgem, um signo de elemento Terra e bastante perfecionista, podemos ter nesta personalidade uma espécie de síndrome da «mãe perfeita» alguém que deseja aparecer aos olhos dos outros como a imagem perfeita do papel de «mãe». O problema com esta imagem é que ela é fixa, não admite ir descobrindo com as experiências, ao longo do tempo, o que é «ser mãe».

O resultado pode ser um relacionamento difícil com os filhos, quando estes existem ou com os educandos, quando se desempenha o papel de professor.  Pode gerar-se, se a pessoa não está atenta, um padrão rígido de comportamento em que se definem regras para tudo e se espera que as crianças  respeitem essas regras. O problema com isto é que deixa de haver a espontaneidade do sentir autêntico para se perder nas regras exteriores e puramente intelectuais de Virgem.

A Lua está em signo inimigo e tende a mentalizar todas as experiências quando está aqui colocada, deixando de ser capaz de sentir diretamente os seus próprios sentimentos e emoções para pensar sobre eles.  E o resultado disso pode ser interações difíceis com os outros e uma interação difícil consigo próprio (a).

A Lua no signo Virgem dificilmente produz paz mental porque a pessoa está continuamente e examinar o que pensa, o que vive e o que sente, à procura de possíveis falhas. Assim, ao mesmo tempo que deseja ser uma «supermãe», teme intimamente não ser capaz de o conseguir, armadilhando-se a si mesma continuamente.

A Lua rege o Ascendente e está colocada na 3ª casa.  Como referimos atrás, é absolutamente necessário observar o estado da Lua no momento do nascimento pois uma Lua brilhante é bastante mais forte do que uma Lua escura. Sendo a natureza da Lua passiva, é também indispensável ver se há aspetos de outros planetas para a Lua e observar também a disposição de Mercúrio, o regente da 3ª casa.

Quando não existem aflições à Lua esta indica uma personalidade corajosa e moderadamente aventureira, no sentido de que não teme correr riscos quando sente motivação para levar a cabo algum projeto. A sua vontade é forte e capaz de persistir na prossecução dos objetivos que determina para si própria. Pode receber benefícios de irmãos. Pode haver interesse por uma carreira na área musical, na dança ou representação dramática.

A Lua está colocada na 3ª casa. Esta não é, tradicionalmente, considerada uma posição muito feliz para a Lua embora favoreça os assuntos significados pela 3ª casa. Isso talvez de deva ao facto de a 3ª casa estar ela própria ligada com a movimentação e as deslocações, aumentando a instabilidade da personalidade pois a Lua é extremamente mutável por natureza.

Considerável esforço poderá deste modo ter de ser desenvolvido para que estas pessoas obtenham a desejada estabilidade interior que lhes transmite segurança. Até isso acontecer, estando colocada no signo Virgem, a Lua pode mentalizar continuamente todos os estados emocionais, na tentativa de os «fixar» em conceitos que lhe tragam segurança.

Esta posição da Lua não favorece uma relação muito próxima com a mãe, o que é reforçado pela presença no signo Virgem, que indica a forte possibilidade de haver um ambiente de discórdia  ou de conflito nas relações pessoais e na vida familiar e a mãe pode ter sido particularmente crítica em relação ao nativo, julgando-o continuamente.

Estas pessoas podem encontrar  a paz de que necessitam escrevendo ou comunicando argumentos, ensaios, leis que ajudem a sociedade a desenvolver maior sentido de justiça e de entreajuda tendo em conta os mais fracos e mais pobres. São mais felizes quando se envolvem em alguma causa social.

Quando ao Ascendente Caranguejo e Lua Virgem se associa o Sol no signo Capricórnio temos a confirmação do caráter pragmático desta personalidade, com grande potencial de organização e de gestão de todas as situações, contanto que encontre o equilíbrio de que falámos atrás.

O Sol no signo Capricórnio revela ainda a ambição de alcançar uma posição de prestígio na sociedade,  de «escalar» níveis sociais de status até ao ponto mais alto que lhe for possível atingir. Há ,no entanto ,nesta personalidade, a expressão da polaridade dos signos Caranguejo/Capricórnio na relação entre o Ascendente e o signo do Sol.

Esta polaridade pode ser vivida  pela atração de parceiros ambiciosos e bastante seguros de si, que possam trazer para a vida pessoal a estabilidade material , emocional e  social  de que estas pessoas necessitam.

Na primeira metade da vida  poderá ser algo difícil este confronto  com a «secura» de parceiros simbolizados pelo signo Capricórnio e estas pessoas podem preferir , pelo menos de vez em quando, parceiros que exprimam a outra polaridade que é a do signo Peixes, oposto ao signo da Lua.

Mas, atendendo ao caráter pragmático da Lua em Virgem não será difícil esperar que prefiram alguém com as qualidades de Capricórnio que garante mais estabilidade material, embora não preencha as suas necessidades emocionais.

Pode,  deste modo, haver a escolha por alcançar objetivos relacionados com a vida social e profissional, ao invés da satisfação difícil das necessidades emocionais diretas. Porém, o envolvimento em causas sociais é outra forma de alcançar satisfação emocional.

O Sol rege a 2ª casa e está colocado na 7ª casa.  Esta posição indica  um foco importante nos parceiros, incluindo o cônjuge. Pode indicar a escolha pragmática do parceiro de casamento  a partir do que este é capaz de contribuir para aumentar os bens e a riqueza , ou seja, alguém capaz de oferecer estabilidade financeira e uma família com posses importantes.

Também pode indicar ganhos a partir de pessoas ou países estrangeiros ou ainda de viagens para países estrangeiros. A família pode ser vista como uma espécie de «jojnt venture»  uma associação com benefícios materiais conjuntos e mútuos.

O Sol está colocado na 7ª casa. Esta é a casa que representa o «poente» ou pôr do Sol, pelo que não é uma boa colocação.  Mas indica  que o centro da  vida desta personalidade é o «outro» significativo, o (a) parceiro (a).

Esta posição do Sol também indica, tradicionalmente, atraso do casamento, que ocorre em geral mais tarde do que o habitual, em geral porque muitas vezes acontece que o parceiro é de nacionalidade , religião ou cultura diferente e pode haver objeções por parte da família à realização do casamento.

O parceiro costuma também ser dominador, manipulativo, provocando conflitos e discussões constantes na relação, o que leva á separação e ao divórcio quando o casamento é formalizado.

Porém, com o Sol na 7ª casa, é em geral o cônjuge que abandona o casamento e pode fazê-lo provocando escândalo se o nativo vive num meio social conservador. Por outro lado, esta personalidade tende igualmente para os relacionamentos sexuais fora do casamento ou da relação habitual, pois tende a não encontrar a satisfação emocional com o cônjuge devido às características da personalidade deste.

Globalmente, a  personalidade  Ascendente Caranguejo Lua virgem Sol Capricórnio  enfrenta o desafio de encontrar o equilíbrio emocional  e mental, o que pode acontecer através do envolvimento em alguma «missão de vida» em que sinta que faz a diferença e é útil para a sociedade.

8 Thoughts to “Personalidade Básica Ascendente Caranguejo Lua Virgem Sol Capricórnio”

  1. Laura

    Boa Noite, poderia fazer Ascendente Câncer Lua e Sol em Sagitário!

    1. astrologoobservador

      Está na lista!

  2. Darlene Maravilha

    Boa noite! Sou fã do site, sempre acompanho! Quando possível, por favor, gostaria muito de ver sobre Sol em escorpião com ascendente em Aquário e Lua em Peixes!
    Obrigada <3

    1. astrologoobservador

      Gratos pela simpatia. Esta rubrica é dos leitores, temos todo o gosto em fazer a análise, que já está na nossa lista.

  3. Levi

    Olá tudo bem, aprecio muito o site, foi daqui que aprendi bastante sobre astrologia védica você poderia escrever a personalidade de Ascedente em Peixes, Sol em Touro, e Lua em Leão.

    1. astrologoobservador

      Com certeza, já está na lista, é só aguardar.

  4. Larissa Victoria

    Boa noite, conheci o site a pouco gostaria de saber se é possivel ser feita uma analise de sol em peixes, lua em virgem e ascendente em libra

    1. astrologoobservador

      Certamente que sim, já tomámos nota, só tem de esperar pela vez do seu pedido.

Deixe um Comentário a sua opinião conta