Previsões Novembro 2019 Ascendente Gémeos

(alt=" ")

(alt=" ")

Apresentamos as previsões astrológicas   de novembro  2019  para o Ascendente Gémeos:

Este pode ser um mês pressionante nas despesas e na atividade profissional. A relação com a família e outros parceiros será outro tema forte ao longo do mês.

Até ao dia 10, novas fontes de rendimento podem surgir a  partir da exploração das propriedades da família, por ex., através da agricultura, jardinagem, arquitetura paisagística, etc.

A partir do dia 10 Marte  favorece os ganhos  e novas fontes de rendimento a partir de  projetos criativos , atividade artística e intelectual, do ensino; estudar e obter um grau académico pode ser um objetivo importante e estar  ao seu alcance.

Se tem filhos, a relação com estes e a sua educação poderão apresentar alguns desafios até ao dia 16. A relação com irmãos também pode ser mais difícil e, se trabalha em equipa, pode ser difícil coordenar tarefas na primeira metade do mês, quando está em causa a necessidade de «ser criativo».

Os estudos, para os que têm esta atividade, podem ser pouco estimulantes também neste período, no qual você até pode ter boas intenções mas o estado debilitado do Sol não ajuda as ideias nem o pensamento a brilhar. A sua capacidade de comunicação pode ser menos conseguida agora.

Não convém confiar na sorte nestes dias. Se deseja impressionar alguém, com as suas capacidades   criativas ou persuasão, é melhor esperar que o Sol abandone o signo Balança. E, se achar que «perdeu o charme» nos relacionamentos amorosos, não se preocupe é só por alguns dias.

Já a última metade do mês pode ser excelente para vencer oponentes e concursos, para ver as suas iniciativas premiadas ou os seus esforços no trabalho darem bons resultados.

Pode ganhar a partir do trabalho de subordinados. Mas, se precisa de manter um bom relacionamento com estes, o melhor é começar a praticar desde já algumas estratégias de «boa convivência» , caso contrário, tende a querer «ser o melhor» entre eles.

Mercúrio, o regente do seu Ascendente  continua, até dia 7, no signo de Marte, formando com este um  parivartana yoga, uma vez que os planetas formam uma receção mútua.

Como dissemos nas previsões anteriores, sendo Marte inimigo de Mercúrio, este yoga não ajuda particularmente nos relacionamentos, mas pode ajudar a levar a melhor sobre conflitos , litígios, concursos e competições.

E pode permitir aumentar ganhos materiais se os planetas estiverem fortes no horóscopo. Mas  a sua felicidade subjetiva pode ser uma miragem nesta altura.

Porém, após esta primeira semana, Mercúrio fica em movimento retrógrado e regressa ao signo de Vénus, embora agora não forme o yoga referido anteriormente.

Ainda assim, este pode ser um período intenso em termos de relacionamentos amorosos e sexuais. Pode ser também um período bastante feliz, se Mercúrio estiver forte no horóscopo natal, não apenas em termos afetivos e românticos mas também em termos de bem estar subjetivo.

Poderá dedicar mais tempo à vida em família, ou sentir necessidade interna de «criar raízes», se ainda anão o fez, formar família, ter a sua casa, viver num certo local, etc.

Vénus e Marte estarão, desde o dia 10 até ao dia 21, em receção mútua, formando um Parivartana Yoga. Ora, teremos os regentes da 5ª e da 11ª casas reforçando-se mutuamente, ainda que Vénus esteja colocado, por trânsito na 6ª casa.

Embora este último fator possa reduzir os efeitos positivos do yoga, ainda assim poderá haver aumento substancial de rendimentos, neste período, se não houver configurações no horóscopo que entrem em conflito com esta combinação.

Até ao dia 10, Vénus transita na 6ª casa e pode indicar despesa, cansaço devido a tarefas no trabalho, dificuldade em lidar com colegas e subordinados, algum problema temporário de saúde, etc.

A partir do dia 21 Vénus entra no signo Sagitário, formando conjunção com Ketu e Saturno, aí também a transitar. A relação com todo o tipo de parceiros pode beneficiar bastante com a energia de Vénus, mais conciliadora e capaz de efetuar acordos. Vénus pode, deste modo, trazer alívio à área das parcerias, neste período.

Os nodos  transitam no eixo Gémeos/ Sagitário como referimos no trânsito de Rahu e ketu para o seu Ascendente e que poderá consultar para uma compreensão mais aprofundada desta influência.

Júpiter continua o seu trânsito  até dia 4, pelo signo Escorpião, um trânsito que afeta  a sua relação com o trabalho e os dependentes. A partir de dia 4 Júpiter transita no próprio signo, em conjunção com Saturno e Ketu até à última semana de Janeiro.

Saturno transita, ao longo de todo o ano, pelo signo Sagitário, 7ª casa,   colocando em pressão os relacionamentos e parcerias pessoais.

Deixe um comentário a sua opinião conta