Trânsito de Júpiter 2019-20 Ascendente Sagitário

(alt=" ")

(alt=" ")

Neste artigo descrevemos os efeitos do trânsito de Júpiter 2019-20 para o Ascendente Sagitário.

No próximo mês de novembro, dia 4, Júpiter abandona o signo Escorpião e entra no signo que rege, Sagitário, seu signo mooltrikona onde está dignificado. Por um período de 3 meses, entre 29 de março e 29 de junho, Júpiter  transitará no signo de debilitação, Capricórnio.  Voltará a transitar pelo signo Sagitário a partir de 29 de junho, em movimento retrógrado  mas sem voltar a sair de Sagitário até ao final do trânsito no dia 20 de novembro.

Júpiter lança aspeto, ao longo deste trânsito, para os signos Carneiro, Gémeos e  Leão  dois signos de elemento Fogo e um de elemento Ar. Inspiração, criatividade, expansão da identidade pessoal e disseminação de ideias e conhecimento, interação e diálogo com pessoas de outras culturas, outras crenças e religiões são favoráveis com este trânsito, que pode gerar mais sabedoria e compassividade na consciência coletiva.

Para ler o artigo sobre os efeitos gerais do novo trânsito de Júpiter, por favor clique aqui.

Efeitos Gerais  do Trânsito de Júpiter em Sagitário  Ascendente Sagitário

Júpiter é rei e senhor do signo por onde vai transitar, podendo deste modo trazer todas as potencialidades mais positivas da sua energia ao longo deste trânsito. Os nativos com Ascendente Sagitário são dos que mais podem beneficiar com este trânsito de Júpiter.

Júpiter  rege a e a 4 ª casas do seu horóscopo e vai estar a transitar pela 1ª casa.  A 1ª casa relaciona-se com a aparência física, a personalidade, a natureza individual; o propósito de vida e o sucesso geral, a  vitalidade e a saúde, a longevidade, a prosperidade , o status e a reputação que se podem  alcançar nesta existência bem como  a capacidade para realizar os seus desejos e ambições, a infância, o caráter moral, o  temperamento, a autoconfiança, a fama, o modo como os outros nos veem, a abordagem geral que fazemos da vida.

Durante este período, estes significados deverão sofrer uma expansão na sua vida e a sua abordagem da vida deverá tornar-se mais feliz e otimista ao mesmo tempo que pode amadurecer talentos e qualidades e tornar-se uma pessoa mais sábia, mais capaz de entender as diferenças entre si e os parceiros pessoais  (inclusive o cônjuge).

Ao mesmo tempo, você pode exprimir as suas inclinações e natureza mais verdadeira e profunda durante este trânsito, que se pode exprimir em situações nas quais descobre quem verdadeiramente é.

Este será, deste modo, um período potencialmente muito importante para descobrir a sua identidade mais profunda, que se alicerça nas raízes do seu ser e vai para além da «persona» criada pela cultura, educação, regras da sociedade em que vive.

Há 12 anos, Júpiter iniciou um ciclo de 12 anos, que terminou. Ao regressar ao seu próprio signo no Ascendente, Júpiter dá início a um novo ciclo que, dependendo da sua idade, representa uma nova fase da sua vida.

Ao longo deste ano, novas sementes serão lançadas, um novo propósito de vida, um novo «eu» estão a desenvolver-se em direção ao futuro. Se aproveitou as lições da expansão do ciclo anterior, e tem estado a aprender as lições de contração de Saturno, que tem estado a transitar pelo seu Ascendente desde 2017 ( e até janeiro de 2020) agora esta fase final do trânsito de Saturno encerra «contas passadas», permitindo-lhe recomeçar uma nova «conta corrente» na qual será livre, ao longo deste ano, de lançar as raízes de um novo ciclo, potencialmente, mais livre do que o anterior.

Este será, por isso, um  período fundamental da sua vida, decisivo em relação a quem deseja ser e ao que pretende alcançar nesta fase da sua vida. Esteja por isso atento (a) a todas as oportunidades e não feche a «janela da intuição» que surge como a voz interior súbita que dá, num clarão, a compreensão imediata de alguma verdade essencial.

Quando transita por uma determinada casa do horóscopo, Júpiter expande os significados e assuntos relacionados com essa casa. Assim, tendencialmente, haverá mais entusiasmo e otimismo na sua atitude ao longo deste trânsito, mais alegria e força para se lançar na vida e acreditar nas suas capacidades de sucesso.

Mas deverá ter em conta que a 1ª casa também significa o corpo físico que também tende a «expandir-se» o que pode trazer-lhe algumas dores de cabeça, ao tentar manter o peso e a figura. O inchaço ou edema do corpo é também comum, devido à tendência, neste período, para reter água no corpo. Para além disto, pode haver excessos na alimentação que pioram este quadro.

Quando está posicionado na 1ª casa Júpiter tem força direcional (Dik Bala). Isto é muto favorável para aumentar a energia e vitalidade e a força de vida disponível expande-se, permitindo um contexto muito favorável para as iniciativas e projetos. A presença de Júpiter na 1ª casa gera uma predisposição para a benevolência, para um estado de humor feliz e positivo, para fazer boas ações em prol dos outros. Há a predisposição para ter boas expetativas em relação ao futuro e uma atitude positiva nos vários contextos de vida.

Júpiter rege também a 4ª casa e é favorável neste período para a mudança de casa, compra e venda de casa, veículos, bens móveis e imóveis.  A relação com a mãe decorre com harmonia e felicidade e há proximidade com esta, que pode igualmente trazer-lhe outros benefícios mais materiais.

Estar em casa ou no jardim, colaborar na educação dos filhos, estar presente na comunidade local e nas suas estruturas podem ser  elementos importantes para si que, neste período, sente que pertence a um determinado lugar e família. A sua própria educação é favorecida. Decorar o lar ou, de alguma outra forma, sentir-se feliz em família, podem ser um dos fatores a alegrar a sua vida ao longo deste trânsito.

Neste período Júpiter lança aspeto para a  5ª, a 7ª e a 9ª casas. A influência de Júpiter será muito positiva na sua criatividade em geral, nos estudos superiores, filosóficos ou metafísicos; este é um período em que pode encontrar um mestre ou guru capaz de o /a ajudar verdadeiramente a dar novos passos no seu caminho espiritual, se for esse o seu desejo.

A relação com todos os tipos de parceiros, incluindo o cônjuge, é de harmonia e equilíbrio e o mesmo acontece em relação aos familiares, incluindo filhos, mãe e pai.

O trânsito de Júpiter entre 20 de novembro e 4 de janeiro ocorre no Nakshstra Moola. Trata-se de um Nakshatra no qual Júpiter exerce um fator de equilíbrio  e é muito forte , embora não haja em geral muito «progresso» porque a energia do Nakshatra, com regência de Ketu, é de dissolução, este pode ser um período de profunda transformação da sua identidade no plano mental, com dissolução de crenças e ideias que estão ultrapassadas e não servem o seu desenvolvimento posterior.

É um período principalmente favorável para a investigação e o envolvimento na vida profissional, não sendo favorável aos relacionamentos.

O período entre 21 de dezembro e 4 de janeiro, quando Júpiter transitar pelo 4º pada pode trazer alguma agitação emocional  ou sentimento de falta de felicidade subjetiva. Mas pode dar bons resultados materiais.

O trânsito de Júpiter pelo Nakshatra Poorvashada entre 4 de janeiro   e 7 de março 2020 e depois entre 26 de julho e 30 de outubro 2020 poderá indicar  algumas tensões pois Vénus rege o Nakshatra  e Júpiter é inimigo de Vénus.

A ênfase neste período pode  estar  nas interações sociais ,em  acordos, contratos, atividade artística , na atividade financeira. E pode  ser bastante  favorável para os ganhos materiais e financeiros, quando Júpiter transitar pelo 3º pada que é um pushkara navamsa. Mas pode igualmente indicar gastos e despesas elevados.

Os relacionamentos pessoais poderão ser menos felizes nesta altura mas o trânsito no Nakshatra favorece o envolvimento em causas humanitárias, de defesa ambiental, etc.

No período entre 7 de março e 26 de julho 2020 e depois novamente a partir de 30 de outubro, Júpiter transita pelo Nakshatra Uttara Ashada, que tem regência do Sol.

Há uma relação de amizade entre as energias do Sol e de Júpiter e o trânsito deste pelo primeiro pada do Nakshatra é bastante favorável para o desenvolvimento da tolerância em relação a todo o tipo de diferenças sociais e culturais, indicando interesse pelo desenvolvimento espiritual e as causas humanitárias.

Este pode ser um bom período para a sua visibilidade profissional e imagem pública. Transitará pelo 1º pada, que é também um pushkara navamsa, dando apoio aos ganhos materiais. Júpiter é aqui muito forte, pelo que este pada também ajuda a equilibrar os aspetos materiais e os espirituais.

Já o trânsito pelo segundo pada, nos meses de abril maio e junho pode ser menos favorável à mudança e à livre expressão das «liberdades fundamentais, como maior tendência para o confronto e dogmatismo, pelo que é uma energia menos favorável para  expressão de modos de ser fora das regras instituídas.

Assim, pode indicar conflito  e discriminação quando há a expressão de ideias que são diferentes das da maioria da sociedade e mesmo rejeição, por parte desta.

Deixe um comentário a sua opinião conta